Como Treinar seu Cavalo para Pular

Esse artigo vai ensinar como treinar seu cavalo para que ele pule. Perceba que antes mesmo de considerar saltar, você deve ter um excelente desempenho e liderança inquestionável nos três princípios básicos.

Colocando os obstáculos

  1. Certifique-se de ter os itens requeridos. Você vai precisar de cavaletes, obstáculos e botas para proteger as patas do cavalo.
    • Use obstáculos mais pesados (não de PVC ou bambu), se seu cavalo bater no obstáculo vai perceber que está batendo em algo desconfortável.
  2. Coloque os cavaletes no chão. Faça o aquecimento do cavalo em volta deles. Não o mande saltar ainda.

Familiarize seu cavalo com os obstáculos

  1. Deixe seu cavalo cheirar os obstáculos. Caminhe com o cavalo em volta deles. Deixe que ele os fareje e avalie.
  2. Caminhe com seu cavalo entre os obstáculos pelo menos três vezes. É bom que ele esbarre neles uma ou duas vezes, assim ele se acostuma com o som.
    • Caminhe até o primeiro obstáculo e passe por cima dele, como se não fosse grande coisa.
    • Elogie o cavalo quando ele passar também. Isso mostra a ele que passar por cima do obstáculo é a coisa certa a fazer.
    • Faça isso até o cavalo começar a passar por cima dos obstáculos confortavelmente. Ele estará familiarizado com eles quando puder passá-los sem parar para olhá-los e analisá-los.
  3. Leve o cavalo até os obstáculos a trote. Você deve precisar ajustar a distância para dar mais liberdade de movimento.
    • Peça ao cavalo para fazer isso umas cinco vezes.

Pulando juntos

  1. Faça um aquecimento com o cavalo se ele for muito enérgico. Se não, pule essa etapa.
  2. Monte e passe por cima dos obstáculos. Faça isso até o cavalo se acostumar. Não se esqueça de elogiá-lo quando ele fizer!
  3. Faça a mesma coisa troteando, e então correndo. Isso vai ser mais fácil para alguns cavalos do que para outros; certifique-se de não fazer seu cavalo se cansar demais, até ele odiá-lo - em vez disso, ensine-o uma ou duas coisas por vez.
    • Uma vez que você consiga andar, trotear e correr com ele sobre os obstáculos sem hesitação, passe para o próximo passo.
  4. Suba o cavalete e leve o cavalo até lá andando, e deixe que ele o analise.
  5. Monte e passe sobre o cavalete. Repita até que o cavalo se acostume.
  6. Faça a mesma coisa com trote e corrida. Quando seu cavalo se acostumar, levante o cavalete mais um pouco.
    • Quando correr com o cavalo sobre o cavalete encontre a distância correta que ele deve saltar para que ele se lembre qual é.
    • Se seu cavalo está indo muito devagar, peça que ele acelere.
    • Se ele estiver indo muito rápido, puxe freio até chegar à distância correta.
  7. Não pressione muito. Ao contrário do que muitos acreditam, cavalos geralmente saltam melhor se você não os pressiona muito e fica fora do caminho deles. Eles sabem como saltar, e não querem se machucar. Quando se pressiona o cavalo para "fazê-lo" saltar, a pressão limita os movimentos do cavalo.

Dicas

  • Sempre salte em uma linha reta, nunca abra um ângulo.
  • Pular exige muito das patas do cavalo. Certifique-se de aquecê-lo bem com exercícios normais para deixá-lo mais forte e flexível.
  • Peça a um profissional ou um montador mais experiente para ajudá-lo se tiver problemas com isso.
  • Vá devagar, se você apressar o cavalo ele pode não estar fisicamente preparado e vai acabar ignorando os obstáculos.
  • Quando você for pular os obstáculos mais baixos, não mude sua postura, ou vai confundir o cavalo. Ele ainda está se ajustando aos obstáculos, não tire seu equilíbrio. Quando chegar a 45 cm, tente um salto duplo.
  • Tenha sempre alguém com você enquanto pula. Isso ou ter um celular sempre a mão para avisar seus amigos ou família aonde você vai depois de saltar.
  • Não deixe seu cavalo correr irracionalmente. Quando um cavalo fica livre nos obstáculos ele começa a automaticamente correr mais, mas se ele for muito rápido você não vai conseguir controlá-lo.

Materiais Necessários

  • Kit de obstáculos
  • Cavaletes
  • Botas de salto
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.