Como Remover Comida de Buracos de Dentes de Siso Extraídos

Quando a gente arranca um siso, geralmente fica com um buraco enorme na gengiva e no osso lobo abaixo dela. É por isso que muitos dentistas dão pontos para fechar o local. Entretanto, alguns profissionais preferem pular essa etapa. Nesse caso, espere passar por algumas complicações. Após comer, muitas partículas de comida vão ficar presas exatamente no buraco. E enxaguar com água e sal pode não ser suficiente para eliminá-las. Continue lendo para aprender os cuidados adequados com as gengivas para prevenir infecções e acelerar a recuperação.

Cuidados para se ter logo após a cirurgia

  1. Pergunte ao cirurgião-dentista se ele usou pontos para fechar o local da extração. Em caso positivo, nenhuma partícula de comida ficará presa no buraco. No entanto, você poderá perceber alguns detritos esverdeados, azulados, cinzentos ou amarelados perto do local. Isso é normal e faz parte do processo de recuperação.
  2. Evite qualquer contato com o local da extração pelo resto do dia. Escove e passe fio dental no resto da boca, mas evite os dentes próximos ao buraco da extração.
  3. Enxágue frequentemente com água e sal nas primeiras 48 horas. Tudo bem fazer esse processo logo no primeiro dia, mas são precisos alguns cuidados.
    • Combine 1/4 colher de chá com 1 xícara de água morna. Misture bem.
    • Evite fazer muitos movimentos com a água dentro da boca. Da mesma forma, evite cuspir. Incline a cabeça delicadamente para os lados para enxaguar as gengivas.
    • Em seguida, incline a cabeça sobre a pia e abra a boca para que a água caia. Não cuspa.
    • O dentista também poderá receitar gluconato de clorexidina (Periogard) para usar nesses enxágues. Essa solução bucal ajuda a matar as bactérias.
  4. Não use os dedos nem quaisquer objetos para remover a comida. Também não fique cutucando o buraco com a língua. Esses hábitos poderão introduzir bactérias nocivas no local da extração e atrapalhar a recuperação. O melhor mesmo é simplesmente fazer os enxágues com água e sal para remover quaisquer partículas de comida presas no buraco.
  5. Evite fumar e usar canudinhos. Qualquer tipo de sucção poderá deslocar o coágulo de sangue formado no local da extração. Isso vai deixar o local dolorido e pode inclusive levar a uma infecção.

Usando a técnica do enxágue após o primeiro dia

  1. Prepare uma solução de enxágue com água e sal. É muito útil para limpar a boca, removendo a comida e reduzindo também a dor e a inflamação.
    • Combine 1/4 colher de chá com 240 ml de água.
    • Misture até o sal se dissolver completamente.
  2. Enxágue a boca com a solução várias vezes até que acabe. Concentre os movimentos do enxágue no local da extração para remover todas as partículas de alimento e também aliviar a inflamação.
  3. Repita o processo de enxágue a cada duas horas ou após cada refeição. O mesmo vale para a hora de dormir. Isso vai reduzir a inflamação e garantir que o local da extração permaneça limpo e possa se recuperar adequadamente.
  4. Se recomendado, use uma seringa. Usar esse instrumento pode ajudar no controle do fluxo de água, ou seja, você conseguirá limpar melhor o buraco. Contudo, se não for usada corretamente, a seringa poderá remover o sangue coagulado. Pergunte ao dentista se o uso de uma é recomendado.
    • Encha a seringa com água morna Outra opção é usar a solução de água e sal ensinada mais acima.
    • Coloque a ponta da seringa o mais perto possível do local da extração, mas sem encostar nele.
    • Lave o buraco de quaisquer ângulos necessários para limpá-lo bem e prevenir o aparecimento de infecções.

Sabendo o que esperar após o primeiro dia

  1. Não entre em pânico! Claro que as partículas presas no buraco da extração incomodam, mas não causam uma infecção se forem deixadas em paz. A recuperação ainda poderá acontecer mesmo assim. O importante mesmo é não cutucar o local.
  2. Não confunda o coágulo com comida! Como ele é fibroso, isso pode facilmente acontecer. Nesse caso, se você exagerar na limpeza, vai acabar removendo-o e causando complicações.
  3. Prefira alimentos pastosos. Essa dica é fundamental principalmente durante as 24 horas após a extração. Conforme o buraco for se fechando, vá gradualmente comendo alimentos mais consistentes. No entanto, o melhor mesmo é evitar por completo comidas duras de mastigar, crocantes e apimentadas — esse tipo de alimento tende a se acumular no buraco da extração e isso pode levar a irritações e infecções.
    • Mastigue sempre do lado oposto à extração.
  4. Evite fontes de contaminação. Lave bem as mãos com sabão e água. Não cumprimente ninguém com um aperto de mão por pelo menos uma semana. Não compartilhe escovas de dente ou outros objetos pessoais. Tudo isso serve para evitar uma infecção secundária que poderia sobrecarregar o sistema imunológico.
  5. Saiba a hora de procurar um médico. É normal ocorrer um pouco de sangramento nos primeiros dias após a extração. No entanto, se você apresentar quaisquer um dos sintomas descritos abaixo, entre em contato com o dentista imediatamente:
    • Sangramento excessivo (hemorragia).
    • Pus no local da extração.
    • Respiração dificultada.
    • Febre.
    • Inchaço que piore depois de dois ou três dias.
    • Sangue ou pus no muco nasal.
    • Dor latejante depois das primeiras 48 horas.
    • Mau hálito depois de três dias.

Dicas

  • Para garantir, sempre enxágue o buraco por vários segundos para remover toda a comida. Ele pode ser mais fundo do que você pensa.
  • Estas dicas funcionam melhor se uma incisão tiver sido feita para extrair o siso — no caso do dente ainda não estar completamente exposto. No entanto, vale a pena tentar de qualquer forma.
  • No lugar da seringa, você pode usar uma garrafa borrifadora com a abertura apontada diretamente para o buraco.

Avisos

  • Jamais substitua as recomendações médicas pelas dicas deste artigo. Sempre siga as instruções do dentista e informe o profissional sobre qualquer complicação.
  • Só siga as dicas ensinadas acima caso se sinta confortável abrindo a boca.
  • Caso sinta qualquer tipo de dor durante quaisquer destes processos, consulte o dentista antes de continuar.
  • Sempre use instrumentos esterilizados e descartáveis.

Materiais Necessários

  • Água morna
  • Sal
  • Seringa esterilizada
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.