Como Escrever um Email Pedindo Feedback

O uso do e-mail para praticamente todas as comunicações de negócios é uma norma, em muitas partes do mundo, mas assim como outras formas de comunicação, o e-mail agora possui sua própria forma de "etiqueta" e protocolos sociais, bem como regras "funcionais", que ajudam as pessoas que os escrevem a atingirem seus alvos com mais eficácia. Se precisar escrever um e-mail para pedir feedback em um projeto em particular, performance geral ou qualquer algo parecido, talvez seja melhor ter uma ideia do que os experts recomendam com mais frequência para que você crie e-mails eficazes, que atinjam seu objetivo. Veja a seguir alguns dos passos frequentemente sugeridos para que escreva um bom um e-mail pedindo feedback.

Passos

  1. Pergunte às pessoas que importam. Parte do processo de mandar e-mails pedindo o feedback é que eles devem ser enviados às pessoas que podem realmente lhe avaliar, bem como aqueles com autoridade ou influência suficientes para fazer decisões.
    • Avalie a hierarquia de comando. Em muitos dos negócios da atualidade, que são naturalmente hierárquicos, algo simples como evitar uma pessoa que está diretamente acima de você na empresa pode ser perigoso. Descubra quais as cadeias normais de comunicação que podem ser utilizadas em relação ao feedback. Por exemplo, faz muito mais sentido pedir feedback para o indivíduo que está encarregado das suas avaliações periódicas do que pedir para alguém que não possui influência na performance do seu cargo, ou que trabalha num departamento totalmente distinto.
  2. Saiba das relações de negócios que existem entre você e o leitor. Os experts também recomendam encaminhar o e-mail de forma correta. Usar detalhes sobre a relação de trabalho existente pode ajudar, e geralmente, saber a posição de cada um lhe ajudará a redigir um e-mail que é conformado àquela etiqueta em particular.
  3. Coloque o nível certo de emoção no e-mail. Este passo é um pouco complicado para quem não sabe e não têm o feeling de protocolos de e-mail. Um dos problemas dos e-mails é que a troca de emoções que acontece quando estão frente a frente é mascarada, através do formato digital da mensagem.
    • Avalie o uso correto dos emoticons. Estes íconezinhos podem ser ótimos para um e-mail de emprego, ou podem até fazer que a mensagem seja menos eficaz. Pense se a situação para uso é de emoticons é apropriada ou correta, para que seus sentimentos sejam transmitidos aos leitores.
  4. Peça feedback construtivo. Ao escrever um e-mail e simplesmente pedir por feedback geral, as pessoas algumas vezes são surpreendidos quando recebem respostas negativas, que pouco lhe ajudam. Especifique que você deseja receber comentários construtivos, orientados em relação aos objetivos.
  5. Faça perguntas específicas. Quanto mais específico você for com suas perguntas, mais relevantes e concretas as respostas deverão ser.
    • Restrinja suas perguntas a um projeto específico ou aspecto da sua performance. Receber críticas diretas, focadas e construtivas podem lhe ajudar, enquanto críticas vagas demais, irrelevantes ou negativas só lhe causarão problemas.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.