Como Explorar Cavernas

Explorar cavernas é um ótimo passatempo para os aventureiros que não têm medo de espaços apertados, alturas, escuridão e insetos. Embora a melhor maneira de aprender a explorar uma caverna de forma segura seja indo com espeleólogos experientes e prestando atenção no que eles fazem para manter a segurança, aqui estão algumas orientações para você que quer iniciar essa atividade.

Passos

  1. Vá com um grupo. Mesmo que você seja experiente, sempre que for explorar uma caverna vá com pelo menos duas outras pessoas. Em caso de emergência, se alguém vier a se ferir, uma pessoa poderá ficar com o membro do grupo ferido, enquanto a outra buscará ajuda.
    • Se você é um iniciante, procure ser guiado por um profissional que esteve naquela caverna antes. Se você puder explorar uma caverna que seja explorada regularmente por outras pessoas e esteja dentro de um parque de propriedade do governo (por exemplo, Parque Nacional das Cavernas Carlsbad no Novo México, EUA), será melhor.
  2. Equipe-se. Não contar com os equipamentos necessários poderá fazer com que a sua experiência seja terrível e, em alguns casos, poderá significar a diferença entre a vida e a morte.
    • Use um capacete que tenha lanterna frontal. Use pilhas novas nele e leve duas fontes extras de luz (também com pilhas novas). A lanterna do seu celular não conta!
    • Use calças e mangas compridas. A maioria das cavernas são bastante frescas. Isso é mais importante se você estiver indo em uma caverna apertada, pois assim você evitará que sua pele fique toda arranhada ou cortada por rochas ásperas ou cortantes. Esteja ciente de que as cavernas, muitas vezes têm um monte de lama e, "lama de caverna" são difíceis de serem removidas das roupas. Você pode considerar usar roupas especiais (algum tipo de macacão, por exemplo).
    • Se você estiver indo a lugares apertados (ou seja, onde você vai precisar rastejar, se contorcer, etc.) use joelheiras, cotoveleiras e luvas.
    • Use sapato anti-derrapante.
    • Leve comida, água e um pequeno kit de primeiros socorros. Ande levemente e com segurança, levando com você uma bolsa simples e prática.
  3. Olhe para trás. Muitas vezes cavernas parecem muito diferentes na direção oposta, muitos exploradores inexperientes se perdem. Algumas vezes mesmo estando muito perto da entrada, eles não conseguem reconhecer a passagem de onde vieram. Periodicamente, olhe para trás e tire uma foto mental do ambiente para que você não se perca no seu caminho de volta. Se você precisar marcar o seu caminho, use fita adesiva com cores vivas (pequenos pedaços de fita fluorescente) e jogue-as pelo caminho quando você sair da caverna.
    • Não siga as setas que estão riscadas ou pintadas nas paredes, elas geralmente estão erradas, e, além disso, são consideradas vandalismo.
    • Não leve corda, supondo que ela possa te guiar de volta a entrada. A caverna é muito grande e você teria que levar bastante corda; isso com certeza iria incomodá-lo muito na sua caminhada.
  4. Explore a seu próprio risco. Se você quer descobrir partes da caverna que ainda não foram documentadas, certifique-se que você saiba o que está fazendo. Exploradores experientes conseguem detectar mudanças de temperatura, vento e geologia, para saber a direção que devem seguir e, mesmo assim, correm riscos fatais. Um novo túnel que você descobrir poderá levá-lo a uma vala escorregadia de 100 pés, ou a um grupo de rochas no teto prestes a desabar em cima de você. Isso seria bem arriscado.
  5. Deixe a caverna do jeito que você encontrou. Não deixe nenhum sinal de que você esteve lá. Em algumas cavernas, tocar nas suas estruturas naturais pode travar o seu desenvolvimento. Esta é uma boa razão para o uso das luvas. "Não deixe nada além de pegadas, não leve nada além de lembranças".

Dicas

  • Exploração de cavernas é também conhecido como espeleologia. Ao pesquisar, use os dois termos para obter melhores resultados.
  • Cada caverna é diferente. Pesquise sobre a sua caverna e descubra o que os moradores fazem (e o que algumas pessoas infelizes não fazem) para manter a segurança na caverna que você irá explorar.
  • Se você tiver um mapa da caverna, leve-o com você. Oriente-se com freqüência, e leve uma bússola.

Avisos

  • Não tire o capacete enquanto você estiver em movimento. Ele não está lá apenas para enfeitar. Às vezes um nanosegundo de contato entre sua cabeça e uma pedra poderá significar muito para sua integridade física.
    • Não explore uma caverna, se você tiver medo de insetos (especialmente aranhas), se não consegue ficar em pequenos espaços (não gosta de ressonância magnética? Não irá gostar de cavernas.), se tiver medo de alturas (talvez você precise ficar em bordas com nada além de uma corda para segurar, ou subir escadas pequenas, se pendurar por uma corda na escuridão), ou se não gosta do escuro.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.