Como Deletar a Si Mesmo da Internet

Você busca fugir da internet? Embora a notoriedade na internet possa ser emocionante para algumas pessoas, para outras, isso pode tornar-se um grande fardo. Apagar a si mesmo(a) completamente, nem sempre será possível, mas, se você seguir estes passos certamente, chegará perto.

Passos

  1. Pense nisto com muito cuidado antes de prosseguir. Muito do que é sugerido aqui não poderá ser desfeito. Isto significa que você perderá informações e, até mesmo, qualquer presença comercial que você tenha desenvolvido ao longo do tempo. Em alguns casos, você poderá também perder a oportunidade de abrir uma nova conta utilizando o mesmo nome ou endereço de e-mail. Estas são medidas drásticas e devem ser tratadas como tal.
    • Pense sobre o que está lhe motivando a excluir a si mesmo(a) completamente da internet. É um perseguidor ou golpista? É apenas por uma única má experiência? Ou você está apenas cansado(a) desta intrusão em sua vida privada? Certifique-se de entender completamente esta questão antes de seguir em frente.
    • Existem outras soluções para o problema, tal como mudar o seu nome de usuário ou utilizar um endereço de e-mail diferente do que geralmente utiliza? Por exemplo, se o seu atual endereço de e-mail possui algum tipo de associação desagradável ou indesejada, você pode criar um endereço de e-mail separado que você possa utilizar apenas para assuntos profissionais como, por exemplo, envio de currículos, criação de perfis de negócios, etc.
    • Perceba que você poderá não lembrar de todos os sites nos quais já participou, criou contas, comentou, etc.
  2. Delete as contas. Como já foi notado, é possível que você já tenha se cadastrado em mais sites do que poderá lembrar. Quanto mas conhecido for o site, melhor será o efeito ao excluir sua conta do mesmo quando se deseja sumir da internet. Isto não irá, necessariamente, remover o que ficou marcado em sua memória, mas já é um bom começo. A seguinte lista é fornecida para ajudar e tornar mais fácil a tarefa de lembrar e remover suas contas em diversos sites e serviços:
    • Exclua-se do Facebook;
    • Exclua-se do Twitter;
    • Exclua-se do Youtube;
    • Exclua-se do Linkedin;
    • Exclua-se do Flickr;
    • Exclua-se do StumbleUpon;
    • Exclua-se do MySpace;
    • Exclua-se do PayPal;
    • Exclua-se do eBay, Mercado Livre e outros sites de leilões e vendas online;
    • Exclua-se do Barato Coletivo, Peixe Urbano e outros sites de vendas coletivas;
    • Exclua-se das redes e sites acadêmicos (escola, faculdade ou universidade). Apenas caso você não esteja mais matriculado ou possua algum vínculo com a mesma.
    • Exclua-se de sites de jogos. Remova todas as suas informações de todos os sites de jogos. Sim, isto inclui todos os itens virtuais que você possa ter ganho e acumulado durante estes anos. Caso o site permita, dê estes itens para alguém que você saiba que os quer.
    • Encerre contas associadas. Sites associados, tais como o Hootsuie, Tweetdeck, etc., são aplicações terceiras que lhe ajudaram a utlizar suas contas em redes sociais. Não esqueça estas contas.
  3. Lide com contas que não possam ser excluídas. Alguns sites não lhe permitem uma completa remoção de conta, forçando-o(a) a apenas desativar a mesma (mantendo ainda suas informações no sistema) ou abandonar a sua conta. Se existir uma razão real para a remoção (por exemplo, proteção à testemunha), entre em contato com o dono ou engenheiro do site; no mínimo, você deverá ser capaz de conseguir uma mudança de nome, protegendo a sua identidade real. No entanto, se você não puder chamar ninguém para intervir em seu nome, existe outra forma de fazer este desligamento:
    • Retire cada pedaço de informação sobre você da conta. Se deixar alguns campos em branco não for uma opção (ou se você suspeita que suas informações continuam sendo gravadas em algum lugar), sobrescreva com dados falsos (Dingus Oppenheimer IV, seria um bom nome para substituir o seu original) ou, irremediavelmente, informações gerais (João da Silva). (Não existem razões para associar algum outro pobre coitado com sua conta abandonada). Note que, caso você tente fornecer um novo endereço de e-mail, o site, provavelmente, irá enviar um e-mail de confirmação, o que significa que e-mails não existentes estão fora de questão. Isto nos leva ao próximo passo.
    • Crie uma nova conta de e-mail com algum provedor gratuito. Quanto mais improvável for o nome de usuário, melhor.(Ex: jr7_9ld6@qualquercoisa.com). Certifique-se de passar informações falsas para esta conta também. Não feche esta página; se o seu endereço for tão estranho quanto deveria ser, você poderá não encontrá-lo novamente.
    • Associe a conta que você não conseguia excluir a este novo endereço de e-mail. Confirme-o quando lhe for solicitado. Uma vez que o tenha feito, certifique-se de que o seu endereço de e-mail original não está mais em local algum desta conta.
    • Cancele seu novo endereço de e-mail. Agora, a sua conta está associada a um endereço de e-mail que não existe mais. Existe sempre a possibilidade de alguém, futuramente, criar um endereço de e-mail exatamente igual ao que você criou (jr7_9ld6@qualquercoisa.com) e também tentar se cadastrar no site onde você associou este e-mail, o que deixará esta pessoa bastante confusa, mas isto, provavelmente, não irá tirar sua noite de sono.
  4. Encerre seus sites pessoais. Se você criou sites na internet, você precisará removê-los por completo. Alguns dos sites que você talvez tenha que excluir:
    • Blogs. Se você possui um blog popular, tenha em mente que, provavelmente, trechos do mesmo já podem estar espalhados por toda a internet. Não há nada que você possa fazer quanto a isto.
    • Blogs em sites. Muitos sites oferecem blogs como brinde por você se cadastrar; não esqueça estes, caso tenha se cadastrado em algum deles.
    • Grupos, tais como o Ning, Gro.ups, Yahoo Groups, etc. Sua capacidade de encerrar grupos que você possa ter criado, dependerão da participação dos membros dos grupos.
    • Mensagens em fóruns. Este é, provavelmente, o mais próximo do impossível em muitos sites, mas faça o seu melhor.
    • Artigos que você possa ter adicionado em sites de terceiros. A sua capacidade de remover estes artigos dependerá dos termos de uso e condições de cada site.
  5. Verifique com a sua operadora de telefonia para certificar-se de que você não está sendo listado online. Caso esteja, solicite a remoção completa de seus dados. O mesmo deverá valer para qualquer outro serviço ao consumidor que possua bases de dados online que possam fazer com que os seus dados estejam disponíveis na internet.
  6. Cancele todas as listas de e-mail. Isto deverá ser bastante simples, visto que, geralmente, as instruções para remover seu email encontram-se no próprio campo dos e-mails da lista com um link direto. Siga as instruções de cada lista que você participa. Se você não conseguir localizar tais instruções, entre em contato diretamente com o administrador da lista.
  7. Remova os retornos de engines de busca que possam apontar para você. Realize buscas aleatórias com diversas combinações de seu nome ou contas que você costuma utilizar online para ver se existe alguma coisa que você possa ter esquecido de remover, removendo em seguida manualmente. Lembre-se de que a engines de busca também utilizam um mecanismo de cache para armazenar dados de sites antigos - incluindo menções a você - mesmo que tenham sido alteradas recentemente ou deletadas. Uma vez que não é o interesse de uma engine de busca apresentar resultados de buscas desatualizados, estes dados serão removidos naturalmente com o tempo. Em alguns casos, no entanto, você deverá contactar as engines de busca diretamente para solicitar estas remoções. Tenha em mente que solicitar estas exclusões de engines de busca pode ser trabalhoso e requerer papeladas e solicitações judiciais (ex: faxes, etc., para confirmar a sua real identidade). Principais engines de busca e buscadores de pessoas que você poderá querer verificar incluem:
    • Google
    • Yahoo
    • Bing
    • White Pages
    • US Search
    • Intelius
    • Yahoo People Search
    • Acxiom
    • People Finder
    • Zaba Search
  8. Matenha a educação. Considerando que você pode ser motivado pela raiva, medo ou irritação, não deixe que isto interfira em seu tom ou atitude ao contactar administradores de sites. Eles são humanos e responderão às solicitações razoáveis em termos também razoáveis. Se você está desejando a exclusão de seu nome por estar buscando emprego, explique isso a eles; isto, no mínimo, irá deixá-los sabendo que você possui uma razão genuína. Evite gritar, tomar ações legais (entrar na justiça - a menos que você o queira e apenas caso eles tenham demonstrado não cooperar) ou, em geral, evite ser um um "mal jogador".
  9. Considere utilizar uma empresa profissional para remover os seus detalhes da internet. Se entrar em contato com cada engine de busca lhe é incômodo (e isto é uma perspectiva negativa), você pode utilizar um serviço profissional para fazer o trabalho por você. Claro que você precisará pagar pelo serviço, mas poderá valer a pena se você estiver recebendo pressão para remover estes dados. Busque por um serviço que:
    • Seja capaz de remover "profundamente da internet", além de apenas dos serviços mais óbvios.
    • Caso possível, tenha acordos em vigor com provedores de bases de dados.
  10. Cancele sua conta de e-mail. Se você chegar a este extremo, o método para remoção irá variar de acordo com o local onde você está hospedando seus e-mails, seja ele um provedor gratuito ou pago, na internet. Certifique-se de adiar a exclusão da conta de e-mail até ter finalizado todo o resto, pois você, provavelmente, irá precisar de sua conta de e-mail para a maioria dos passos listados aqui.
    • Caso utilize um provedor gratuito (ex: Gmail, Hotmail, etc.), cancele seguindo as instruções providas pelo site do mesmo.
    • Caso seja pago, contacte a empresa em questão para conseguir instruções. Mesmo empresas que fornecem estes serviços online possuem pessoas reais com quem você possa tirar suas dúvidas e receber atendimento.
    • Algumas contas de e-mail gratuitas deletam-se automaticamente com a falta de uso.
    • Sempre verifique se você não está jogando no lixo informações vitais e que você deseja manter antes de remover sua conta. Transfira todo o material que você queira para um pendrive ou outra forma de armazenamento.
  11. Limpe o seu computador.
    • Remova todo o histórico de internet, cookies, etc.
    • Remova o seu navegador de internet, caso você esteja realmente desesperado(a) e inflexível.
    • Remova o seu computador se você estiver realmente deixando a tecnologia de lado.
  12. Esqueça o que você não pode remover. Existem coisas sobre as quais você nada pode fazer. Nestes casos, é melhor apenas aceitar a realidade e seguir com sua vida. Se restos de informações de sua vida online voltarem a lhe assombrar, você sempre poderá negar que seja você - especialmente, se você possuir um nome comum. Esteja avisado de que os seguintes casos de sua presença na internet serão muito difíceis de se apagar:
    • Menções a você em notícias, posts de blogs, arquivos de áudio, etc.
    • Entrevistas que você possa ter dado à jornais, estações de rádio, etc.
    • Comentários que você possa ter deixado aqui, ali ou em qualquer outro local.
    • Fotos de você em algum álbum online de outra pessoa.
    • Fotos que você tenha tirado, mas que acabaram caindo no blog ou site de outras pessoas.
    • Informações em fontes do governo que sejam consideradas apropriadas de se manterem públicas (exceto quando um processo está em curso para remover tal informação).

Dicas

  • Se você está se sentindo viciado e é isto que o(a) motiva a excluir seus dados da internet, você pode preferir remover o vício ao invés da internet.
  • Existem alguns aplicativos que lhe ajudam a remover a si mesmo(a) de sites online. Faça uma busca por eles.
  • Se existe um problema de informação falsa ou difamatória sobre você online, entre em contato com um advogado desta jurisdição.

Avisos

  • Tenha em mente o ditado: "uma vez online, lá para sempre". Sempre tenha cuidado com o que você compartilha no meio virtual: uma grama de prevenção vale um quilo de cura.
  • Alguns sites utilizam-se de técnicas de chantagem emocional para lhe convencer a ficar. Comentários tais como "todos os seus amigos sentirão sua falta" são utilizados para lhe fazer mudar de ideia; afinal, o site não quer perder o seu patrocínio. Se você está oscilando, pegue as fotos de seus amigos da vida real, coloque-as à sua frente na mesa, aperte "delete" no site e ligue para seus amigos de verdade, convide-os para bater um papo em algum local e beber algo. Você irá superar esta situação com esta atitude.
  • Espere uma "bronca" de alguns webmasters que vão insistir nos direitos deles de manter as informações públicas disponíveis ao público. Alguns deles não levam em conta o lado pessoal, vendo isto apenas como uma afronta pessoal contra o que eles representam. Seja persistente e, caso necessário, consiga ajuda de uma empresa privada ou de um advogado se a sua necessidade por privacidade for séria ou estiver lhe pressionando.

Materiais Necessários

  • Computador
  • Modelo de pedido para webmasters. Caso esteja enviando muitos destes, crie um modelo bom e bem fundamentado inicialmente.
  • Aconselhamento jurídico no caso de a questão ser séria (tal como proteção à testemunha, etc.)
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.