Como Administrar Fluídos Subcutâneos em um Gato

A pior notícia para uma pessoa não é ficar sabendo que o seu gato tem doença renal, é descobrir a respeito das exigências e responsabilidades que ela deve assumir para manter seu animalzinho saudável. Este artigo descreve uma maneira muito simples de administrar esses fluidos em seu amado felino.

Passos

  1. Compre um suporte para soro. Esta não é, de forma alguma, uma compra frívola: se a doença renal for detectada precocemente, é possível que você precise gerenciar fluidos em seu gato durante os próximos 3 anos. Este equipamento pode ser encontrado no Mercado Livre a partir de R$ 150,00. Se não quiser gastar muito dinheiro, pendure um cabide na porta e anexe o saco de fluidos nele. A coisa mais importante é fazer com que o saco fique bem acima do gato para que os fluidos desçam mais rápido.
  2. Comece com um gato com fome. Deve haver um atraso no almoço dele de 1 a 3 horas. Não esconda o que você estiver fazendo. Você pode até dizer: "Nós temos que administrar fluidos agora!" No entanto, não pegue-o até que tudo esteja no lugar e pronto para começar.
  3. Encha uma bacia larga com água morna.
  4. Coloque o saco de fluídos dentro dessa bacia para aquecê-lo.
  5. Ligue uma música tranquila que você goste. Isto é para ajudar a mantê-lo calmo, o que também acalmará o felino. Acaricie-o e fale em voz baixa para que ele não se agite quando você tocá-lo.
  6. Enquanto a bolsa estiver aquecendo, limpe bem um grande espaço em sua bancada da cozinha (ao lado da pia é melhor).
  7. Instale o suporte para soro.
  8. Reúna uma toalha limpa e agulha nova. Pegue o saco de soro e sinta a temperatura. Deve estar morno para quente. Pendure-o quando estiver com a temperatura agradável.
  9. Se for uma bolsa de soro nova, arranque o pequeno pedaço de borracha branca no fundo do saco. Pegue o tubo e encontre a ponta, que está cercada por uma tampa de plástico transparente. Remova a tampa e insira a extremidade pontiaguda na parte inferior do saco. Tenha cuidado para não perfurar os lados do tubo interior do saco.
  10. Coloque a agulha e libere a linha (deixe correr um pequeno fluxo de fluidos para limpar as bolhas de ar). Certifique-se de que tudo está exatamente onde você quer e seja possível alcançar sem precisar se deslocar mais do que o alcance do seu braço.
  11. Pegue uma lata de comida de gato e coloque cerca de 2 colheres de sopa do alimento diretamente no balcão, onde você quiser que o rosto do gato fique. Amasse bem e coloque 2 colheres de chá de água sobre a comida para deixá-la mais mole.
  12. Há uma boa possibilidade de que mesmo que seu gatinho perceba o que vem a seguir, ele permita que você o pegue, pois sabe que haverá comida.
  13. Coloque o feline no balcão da cozinha e deixe que ele se interesse pela comida. É possível que ele tente fugir, mas não desista. Se ele estiver suficientemente faminto, voltará.
  14. Quando ele tiver começado a comer, segure-o no lugar o mais suavemente possível e encontre um bom lugar entre os omoplatas com bastante pele solta.
  15. Com o polegar e o dedo médio, levante suavemente a pele. Empurre o seu dedo indicador entre eles, criando uma "tenda" de pele.
  16. Insira a agulha logo abaixo do seu dedo indicador e paralelo à coluna vertebral. Certifique-se de que o buraco da agulha está virado para cima; assim é menos doloroso para os gatos com pele mais rígida, já que a agulha desliza com menos resistência. A agulha não precisa ser inserida completamente, apenas o suficiente para que ela não caia.
  17. Inicie os fluidos. O suporte deve estar perto o suficiente para que você possa verificá-lo frequentemente e se certificar de que tudo está funcionando como deveria. Dessa forma você também saberá quando fechar os fluidos.
  18. Enquanto todo mundo estiver calmo e o gato estiver comendo a comida, você não precisa segurar com muita força o animal. É claro que você não deve deixá-lo ir, mas apenas manter as mãos sobre ele deve ser suficiente. Ele pode até mesmo dar um passo para comer algum pedaço da comida que está mais distante.
  19. Após o gato ter absorvido o suficiente de fluídos (ou apenas tenha terminado de comer – o felino perderá a paciência assim que a comida terminar, então certifique-se de que você tenha colocado alimento suficiente!), retire a agulha, coloque-a na pia e deixe que o gato vá embora. Depois que o animal tiver saído da bancada, desligue o fluído e limpe todo o material.
  20. Após ter tirado a agulha, acaricie e elogie seu gatinho. Diga algo como “você foi muito corajoso!” ou “ótimo trabalho!"
  21. Antes de começar a limpar tudo, dê ao gato o resto da comida em seu pratinho no local normal que ele costuma comer.
  22. Limpe tudo e depois dê a si mesmo um agrado. Pelo menos no início, isso será muito mais desagradável para você do que para o gato!

Dicas

  • Algumas pessoas conseguem administrar muito bem os fluidos enquanto estão sentadas em uma poltrona. Elas apenas mantêm o suporte ao lado da cadeira e seguram o gato no colo. Se isso funcionar para você, vá em frente!
  • Mantenha tudo estéril! Não toque na agulha além do ponto de inserção. Não toque no final da linha ou na linha que é conectada ao saco. NÃO use a mesma agulha duas vezes; sempre utilize uma agulha nova em cada inserção.
  • Permaneça calmo! Se você não estiver calmo, o seu gato também não ficará. Isto estressará vocês dois.
  • Se o fluxo diminuir:
    • Tente levantar e ajustar a pele sob a agulha.
    • Tente mover ligeiramente a agulha.
    • Eleve um pouco mais o saco de fluídos.
  • Não é tão assustador quanto parece. Depois de ter feito isso algumas vezes, você se sentirá muito melhor sobre o processo.
  • Não é tão importante que o gato coma enquanto estiver recebendo os fluidos, por isso, se ele não quiser comer, não force.
  • Lembre-se sempre de que você o ama e o está ajudando a viver por mais tempo. Isto evitará que você tenha vontade de estrangulá-lo quando ele fugir antes de obter o tratamento completo!
  • Se o gato não quiser comer e continua tentando fugir, tente colocá-lo em uma caixa de papelão com uma certa profundidade, com um cobertor macio ou toalha no fundo. Isto ajuda a acalmar alguns gatos.
  • Seu gato deve ficar o mais imóvel possível, então aceite que você terá que limpar a bancada da cozinha antes do tratamento e depois.

Avisos

  • Não faça isso sem a recomendação de um veterinário!
  • Seu gato pode vazar líquidos após a agulha ser removida; se tiver sido uma experiência particularmente traumática, é possível que o local da aplicação sangre um pouco. Aplique pressão na área durante um minuto ou mais, se possível.
  • Alguns gatos gostam de lamber a agulha depois que ela é retirada. Cuidado com isso!
  • Alguns gatos agem de forma agressiva e podem morder/arranhar o manipulador depois de ser picado com uma agulha. Saiba como restringir o seu gato corretamente para o caso disso acontecer.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.