Como Resetar um Kindle

Se o Kindle não responder aos comandos ou começar a apresentar problemas, é possível tentar reiniciá-lo para realizar a solução de problemas. O reinicio normal ajudará a resolver a maioria dos problemas, mas fazer com que o eReader seja restaurado às configurações de fábrica é uma solução mais permanente. Por sorte, para cada tipo de Kindle, há simples passos que precisam ser adotados para que o dispositivo volte a funcionar normalmente.

Preparando-se para reiniciar o Kindle

  1. Experimente reiniciar o aparelho antes de começar. Algumas vezes, o Kindle acaba travando entre o estado “ligado” e “desligado”, podendo ser observado um leve travamento ou limitação na resposta aos comandos. Desligue o aparelho, conecte-o na tomada para carrega-lo e religue-o. A melhor opção é adotar esses passos antes de tomar medidas mais drásticas, já que o problema pode ser pequeno e temporário.
  2. Escolha o reinício normal ou de fábrica. A primeira opção não apagará as senhas memorizadas e nem livros digitais armazenados no dispositivo, servindo para fazer com que o eReader funcione mais rapidamente ou para “escapar” quando a tela de início travar. A segunda opção, no entanto, deletará todos os dados e o Kindle será restaurado aos padrões de fábrica. É um último recurso, devendo ser utilizado apenas quando o aparelho travar constantemente, apresentar erros que comprometam o uso ou ao sofrer dano interno.
    • Caso já tenha feito o reinício normal e os problemas persistirem, pode ser necessário reverter o Kindle ao estado de fábrica.
    • A Amazon no Brasil oferece excelente atendimento ao consumidor, ajudando o cliente a decidir qual a melhor opção a se escolher de acordo com o problema.
    • Se o Kindle sofreu uma queda ou caiu dentro de água, o ideal é deixá-lo para conserto com um técnico profissional. Caso a garantia ainda esteja válida, a Amazon oferece outro eReader de graça; do contrário, ainda é possível comprar outro Kindle remanufaturado com bom desconto.
  3. Carregue o Kindle. Isso é fundamental para qualquer tipo de reinicialização que for ser realizada. Conecte o aparelho através do cabo de força que o acompanha. Verifique se o indicador de bateria – na parte superior direita da tela inicial – está totalmente preenchido. Quando o carregamento terminar, remova o cabo de força do Kindle.
    • O dispositivo necessita ao menos 40% de bateria para que possa ser resetado às configurações de fábrica.
  4. Faça o backup de arquivos e senhas importantes. Após restaurar o Kindle aos padrões de fábrica, tudo contido no disco rígido será perdido, mas o conteúdo adquirido pela Amazon ainda estará ligado à conta, podendo ser baixado novamente. No entanto, eBooks adquiridos por outros meios precisam ser salvos em outro local. Para isso, conecte o Kindle a um computador através de um cabo USB. Clique e arraste tudo para uma pasta separada na seção de downloads.

Realizando um reinício normal no Kindle

  1. Reinicie o Kindle (1ª Geração) normalmente. Primeiro, desligue o eReader colocando o botão de energia na posição “off”. Abra a parte de trás do Kindle e remova a bateria. Espere um minuto, coloque-a de volta e ligue o aparelho deslizando o botão de energia para a posição “on”.
    • Para que a bateria seja retirada do Kindle, use as unhas ou um objeto pequeno e pontudo, como uma caneta. Evite tesouras ou facas, já que tais utensílios podem danificar a bateria.
    • A parte de trás do Kindle deve fazer um som de “encaixe” ao ser corretamente colocada.
  2. Reinicie o Kindle 2ª Geração ou versões superiores. Primeiro, segure o botão de energia por 20 segundos. Deslize o mesmo botão para “off” e segure-o nessa posição de 20 a 30 segundos antes de soltá-lo. A tela de reinício (que pode ser totalmente escura ou branca) deve aparecer depois que o botão de energia for solto.
  3. Dê tempo para que o Kindle termine o processo de reinicialização. Ele demora um ou dois minutos; tenha paciência e espere que o dispositivo finalize a reinicialização. Depois que o processo for concluído, o Kindle ligará automaticamente; se isso não acontecer dentro de 10 minutos, ligue-o manualmente através do botão de energia.
    • Existe a chance de o aparelho travar durante o processo de reinício. Esse pode ser o caso se o Kindle ficar na mesma tela por mais de 10 minutos.
  4. Carregue o Kindle. Se o eReader travar durante o processo de reinicio ou não responder aos comandos, conecte o carregador e deixe-o carregando por 30 minutos ou mais. Garanta que o Kindle fique tempo suficiente para obter a carga completa; tirá-lo da tomada cedo demais pode fazer com que o usuário tenha que repetir os passos anteriores.
  5. Segure o botão de energia novamente. Após terminar de carregar o Kindle, deslize o botão de energia e segure-o por mais 20 segundos; a tela de reinício deve surgir mais uma vez. Espere que o processo seja concluído após um ou dois minutos antes de verificá-lo novamente. O método de reinício normal será concluído.
  6. Verifique as funções do eReader. Folheie um eBook utilizando os botões de setas no lado do Kindle, pressione os botões da parte inferior e veja se estão funcionando normalmente. Desligue e ligue o Kindle, observando se o encerramento e a inicialização do sistema estão normais. Continue verificando os outros recursos até garantir que está tudo em ordem. Se os problemas persistirem, repita os passos anteriores ou realize a reinicialização ao estado original de fábrica.

Reiniciando o Kindle às configurações de fábrica

  1. Reverta o Kindle 1ª Geração às configurações de fábrica. Comece deslizando o botão de energia para “on”. Com o dedo ou um pequeno objeto afiado, abra a proteção traseira do aparelho e encontre um pequeno orifício que possui o botão de reinício às configurações de fábrica. Pegue um palito de dente ou algo fino e pequeno, que entre no local e pressione o botão por 30 segundos ou até que o Kindle desligue. Espere que o processo de reinício seja concluído.
  2. Restaure o Kindle 2ª Geração às configurações de fábrica. Deslize e segure o botão de energia por 30 segundos. Imediatamente após esse passo, pressione e segure o botão “Home”. Faça isso até que a tela pisque e depois espere que o aparelho conclua a reinicialização.
  3. Reinicie o Kindle Keyboard ao estado original de fábrica. Segure o botão de energia de 15 a 30 segundos e espere que o dispositivo reinicie. O Keyboard voltará às configurações padrões de fábrica. Caso isso não funcione, repita os passos e tente outra vez, verificando se o Kindle está totalmente carregado.
  4. Revertendo o Kindle DX às configurações originais de fábrica. Basta pressionar o botão de energia por pelo menos 20 segundos e o dispositivo ficará com a tela preta e logo desligará. Espere o reinício do Kindle. Se não funcionar, tente novamente, sempre garantindo que ele possui ao menos 40% de bateria, o mínimo necessário para reverter o aparelho aos padrões de fábrica.
  5. Solucione os problemas no Kindle Touch. Primeiramente, pressione o botão “Home” e depois a opção “Menu”. Uma barra aparecerá; selecione “Configurações” e depois “Menu” novamente. Escolha "Reverter às Configurações de Fábrica” e espere que o aparelho reinicie.
  6. Reinicie e restaure o Kindle “5-Way Controller” (os eReaders da 4ª e 5ª Geração). Selecione a opção “Menu” e depois “Settings” (Configurações). Novamente, entre em “Menu” e depois em “Restore to Factory Settings" (Restaurar às Configurações de Fábrica). Agora, basta aguardar a finalização do processo.
  7. Reinicie o Kindle Paperwhite. Comece tocando em “Menu”, na tela inicial. Uma janela pop-up surgirá; nela, selecione “Configurações” e depois “Menu” mas uma vez. Nessa tela, vá até a parte inferior e toque em “Reiniciar Dispositivo”. Uma janela de aviso aparecerá, permitindo que o usuário confirme ou desista do processo de reinício. Ao tocar em “Sim”, o Paperwhite será restaurado aos padrões de fábrica.
  8. No Kindle Fire ou Kindle HD, selecione o menu na parte superior do aparelho e toque em “More...” (Mais). Selecione “Settings” (Configurações) e procure pela opção “Device” (Dispositivo). Toque sobre ela e desça até o fim da página, procurando a opção "Restore to Factory Settings" (Restaurar às Configurações de Fábrica). Espere que o disco do Kindle seja apagado. Se isso não der certo, tente novamente, mas verifique se a bateria está carregada.

Dicas

  • Se reiniciar o Kindle não resolver o problema, entre em contato com a Amazon aqui.
  • Continue tentando. Às vezes, o Kindle não responde à primeira tentativa de reinício. Faça-o mais duas ou três vezes.
  • Após reiniciá-lo por três vezes, pare. A sequência de reinicializações não é boa para o sistema do Kindle, logo, é uma boa ideia fazer um intervalo e deixar o dispositivo “descansar” por um tempinho, além de carregá-lo.

Avisos

  • Caso esteja com receio que há algo errado com o hardware do Kindle, leve-o ao um técnico profissional. Não abra e tente mexer nos componentes do aparelho.
  • Sempre mantenha backups dos eBooks e senhas. Mesmo após reiniciá-lo da maneira normal, há sempre possibilidade de ocorrer uma perda de informações.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.