Como Se Livrar de Lesmas

As lesmas são uma praga para muitos jardineiros; esses gastropodezinhos ardilosos se infiltram à noite, comendo as folhas e os frutos de muitas plantas. Em vez de deixá-los tomar conta do seu amado jardim, aja para eliminar os que estão arruinando suas plantas; com uma variedade de técnicas, incluindo armadilhas e predadores naturais, você ficará livre das lesmas em breve. Note que todos esses métodos também funcionam contra os caracóis.

Colocando armadilhas e caçando

  1. Use armadilhas de cerveja ou leite nas plantas importantes. As lesmas só perceberão essas armadilhas a cerca de 1 m de distância, portanto elas são mais adequadas para jardins pequenos ou áreas mais importantes. Prepare-as da seguinte maneira:
    • Enterre um copo alto e com bordas no solo. Deixe a borda 1,3 cm acima da terra para evitar prender besouros que caçam lesmas.
    • Encha o copo até a metade com cerveja ou leite.
    • Substitua a cada poucos dias. Se as lesmas estiverem escapando, troque por uma mistura de mel, levedura e um pouco de água, tudo fervido até ficar grudento.
  2. Faça uma armadilha de farinha de milho. Ela é mais barata, mas pode não atrair tantas lesmas. Coloque uma ou duas colheres de sopa da farinha em um pote e deixe-o de lado. Mantenha a farinha seca, e ela matará as lesmas expandindo-se dentro delas.
  3. Prenda as lesmas com armadilhas benevolentes. Esses moluscos se reúnem em locais sombreados e úmidos, como embaixo de tábuas de madeira, vasos ou caixas de papelão. Coloque itens desse tipo no jardim e verifique-os todos os dias para ver se há lesmas ali reunidas. Leve-as para bem longe de casa. Para obter os melhores resultados, atraia-as com um dos seguintes alimentos:
    • Folhas de repolho;
    • Cascas de frutas cítricas umedecidas;
    • Ração seca.
  4. Proteja as armadilhas contra a chuva e os outros animais. A água vai acabar com as armadilhas líquidas e de farinha de milho. Faça uma cobertura para elas. Se você tiver animais de estimação que possam comer a isca, construa uma cobertura resistente. A dica é usar um vaso de cabeça para baixo com uma pequena abertura no fundo.
  5. Cace as lesmas à noite. Embora esta não seja a tarefa mais divertida do mundo, caçar lesmas pode ser necessário para lidar com grandes infestações. Use uma lanterna e luvas descartáveis, recolhendo os moluscos com um graveto ou colocando-os em um balde de água com sabão. Caso tenha um capacete com lâmpada, suas duas mãos ficarão livres, tornando a caça mais fácil.
    • Verifique as partes de baixo das folhas;
    • Siga todas as trilhas de gosma que você enxergar.

Afastando as lesmas

  1. Mantenha o jardim seco. Você não verá os resultados imediatamente, mas deixar o local mais seco é o melhor método para o controle de lesmas a longo prazo. Seguem algumas táticas para tornar seu jardim menos convidativo para essas pestes que adoram água:
    • Regue as plantas entre o começo e o meio da manhã para que o solo seque antes do anoitecer.
    • Instale um sistema de irrigação por gotejamento para minimizar o uso da água.
    • Mantenha o jardim limpo e apare a grama com regularidade.
    • Evite as coberturas orgânicas, como aparas de palha ou de grama.
    • Espace as plantas o bastante para permitir que o ar circule entre elas.
  2. Faça cobertura vegetais ou chá com certas plantas. As seguintes preparações afastam as lesmas até certo ponto, se você puder encontrá-las em lojas de jardinagem:
    • Cobertura de folhas de carvalho ou farinha de caule de tabaco, espalhada como uma barreira ao redor das plantas;
    • Chá de absinto, feito com cortes da mesma planta deixados de molho na água morna por 24 horas. Coe e misture com água e sabão. Em seguida, borrife sobre o solo ou sobre as lesmas.
  3. Monte uma barreira usando tiras de cobre. Compre lâminas de cobre largas o bastante para as lesmas não conseguirem ultrapassá-las usando o corpo. Faça uma barricada ao redor das plantas ou dos canteiros.
    • As crianças podem se cortar com essas tiras.
  4. Polvilhe sal nas superfícies que não sejam de terra. Espalhe a substância nas superfícies por onde as lesmas sobem para matá-las sugando a umidade. Saiba que o sal pode facilmente matar as plantas e arruinar o solo. Use-o ao redor dos vasos de plantas em uma varanda ou coloque uma barreira no solo antes de espalhar o sal, para proteger sua integridade.
    • Evite usar esse mineral nas situações em que ele possa entrar em contato com a água, como quando há a possibilidade de chuva ou onde um irrigador esteja sendo usado. A água pode dissolver o sal e lavá-lo das superfícies seguras para dentro do solo, danificando a qualidade da terra.
  5. Faça barreiras com remédios caseiros. Os jardineiros frustrados já usaram praticamente qualquer substância no jardim para tentar afastar as lesmas. Seguem as melhores soluções caseiras, mas é improvável que elas afastem 100% dos moluscos:
    • O pó de café pode ter efeitos leves sobre a saúde do seu jardim.
    • A areia grossa e afiada arranha as lesmas, mas pode não as afastar totalmente.
    • As algas marinhas não são tão eficazes quanto o sal puro, mas podem ser um pouco mais seguras para o solo. A farinha de algas calcificada é a melhor, se você puder encontrá-la.
  6. Cultive plantas que afastem as lesmas. Alguns vegetais afugentam esses animais por causa do gosto, da textura ou das toxinas que contêm. Plante-os como uma barreira ao redor de todo o jardim ou deixe um perto de cada planta. Eles não são 100% imunes, mas afastarão muitas lesmas sem exigir um esforço maior do que o plantio inicial. Experimente as seguintes espécies:
    • Ervas: gengibre, alho, cebolinha, menta e chicória;
    • Vegetais: as folhas amargas no geral são menos atraentes para as lesmas do que as doces. Tente plantar couve, repolho ou brócolis.
    • As variedades de hosta com folhas azuis são mais resistentes.
    • Flores para sombra total: astilbe, coração-sangrento, dedaleira, lobélia, algumas violetas e amores-perfeitos. Também as flores dos gêneros Ranunculus e Vinca, mas essas se propagam rápido.
    • Flores para sombra parcial: Plox, campânula, Hemerocallis. Também as mentas, porém elas se espalham rápido.
  7. Considere usar barreiras mais poderosas, porém mais perigosas. Existem diversos materiais que podem matar as lesmas ao contato. Eles podem ser usados para se fazer barreiras eficazes que evitam os movimentos desses moluscos, mas devem ser manuseados com cuidado e mantidos secos. O uso incorreto pode fazer mal a seu jardim e até a pessoas ou animais que o frequentem. Aplique esses materiais em superfícies que não sejam de terra, exceto quando a indicação for diferente.
    • Avisos de segurança: não inale nenhuma dessas substâncias nem as manuseie usando as mãos nuas. Esses elementos podem não ser adequados para jardins onde crianças ou animais de estimação brinquem.
    • Terra de diatomáceas: pode prejudicar insetos benéficos.
    • Cinzas de madeira: elevam o pH do solo, o que pode afetar as plantas.
    • Cal hidratada: aumenta bastante o pH do solo e pode torná-lo inabitável para muitas plantas.
    • Spray de 1% de cafeína: deve ser aplicado diretamente às plantas que você deseja proteger. Ele mata as lesmas quando elas se alimentam. Pode ter um impacto negativo e imprevisível em muitas plantas.

Usando predadores naturais

  1. Introduza carabídeos ao jardim. Eles são predadores naturais das lesmas. Você pode comprar as larvas em lojas de jardinagem e distribuí-las pelo jardim no começo da primavera. Elas vão se alimentar, entrar na pupa e emergir como besouros adultos no verão.
    • Como alternativa, você pode incentivar os besouros selvagens a se aproximarem das suas plantas fornecendo refúgios secos embaixo de pedras, grama ou palha. Assim, os insetos podem ser esconder dos predadores, e seu jardim se torna uma casa atraente. Por sorte, esses bichos podem viver em quase qualquer lugar nos quais as lesmas também podem.
  2. Use os pássaros a seu favor. Eles são os maiores predadores naturais das lesmas. Os patos, as galinhas, os tordos, as gralhas e outras espécies comuns todas gostam de um escargot no jantar. Se você não tiver muito nojo, pode pegar as lesmas e jogá-las aos pássaros selvagens de manhã; com o tempo, eles ficarão condicionados a procurar por elas na sua região, e você não precisará "alimentá-los" por muito tempo. Você também pode deixar que seus patos ou galinhas, se criar alguns, comam as lesmas do seu jardim diariamente.
    • Fique de olho nas suas galinhas, pois elas também podem comer as plantas.
    • Encoraje os pássaros a fazerem ninhos no seu jardim fornecendo cercas vivas ou arbustos densos, comedores e uma "banheira".
  3. Traga alguns sapos. Eles adoram lesmas e as comerão, junto com outras pragas, se você der a eles uma casa no seu jardim. Caso esteja tentando atrair sapos selvagens, vire um vaso ou outro recipiente de cabeça para baixo contra uma pedra para criar um esconderijo escuro para esses anfíbios. Ou você pode comprar sapos para morarem no seu jardim e comerem as lesmas diariamente. Também é possível adicionar um pequeno lago decorativo para os sapos e as rãs morarem.
    • Não coloque peixes no lago, ou eles podem comer os girinos.
  4. Use nematoides, se necessário. Estes são vermes parasitas microscópicos que vivem na terra. Você pode comprar espécies específicas para matar lesmas em lojas de jardinagem. Eles podem ser extremamente eficazes, porém são uma faca de dois gumes. Depois que todas as lesmas forem mortas, os predadores delas (e os nematoides) deixarão a área ou morrerão. Caso você não reaplique os vermes de vez em quando, uma grande onda de lesmas pode invadir e tomar conta do jardim por causa da falta de ameaças.
    • Os nematoides devem vir com instruções. Geralmente, eles são espalhados sobre o solo e regados.

Usando controles químicos

  1. Borrife amônia nas lesmas. Você pode criar um spray matador fazendo uma solução de amônia e água. Misture uma parte de amônia para uso caseiro com seis partes de água. Despeje em um borrifador e aplique nos moluscos sempre que os vir. Só tome cuidado para não a usar diretamente nas plantas, pois com o tempo ela pode queimar as folhas.
  2. Use pílulas de fosfato de ferro. Esses elementos matadores de lesmas podem ser encontrados nos centros de jardinagem, para serem espalhados ao redor do jardim. As lesmas são atraídas por eles, mas, depois de consumidos, eles causam a morte delas dentro de uma semana. O tratamento é seguro para a maioria dos animais de estimação e plantas comestíveis, mas ainda assim pode ser uma boa ideia minimizar o uso.
    • O nome comercial desse lesmicida é Ferramol.
  3. Experimente o metaldeído. Ele é um tratamento antilesmas comum, porém com suas limitações. O metaldeído pode ser bastante nocivo para os animais de estimação, principalmente os cães. É essencial manusear e colocar essa isca da maneira correta para evitar a criação de uma situação perigosa para os bichos de estimação.
    • Evite os metaldeídos na forma de "pílulas", que podem ser confundidos com petiscos. Prefira a forma granulada.
    • Guarde o metaldeído em um local onde os cães não possam alcançá-lo.
    • Não aplique o tratamento perto de plantas comestíveis.
    • Espalhe o metaldeído de leve, nunca em pilhas, que os animais de estimação podem confundir com comida.
    • Esse lesmicida trabalha melhor em dias quentes e secos, mas não pode ser usado sob a luz solar. Coloque-o embaixo das folhas à noite, quando a previsão do tempo for de sol.
    • Procure por produtos com doses leves de veneno e menor impacto ambiental.

Dicas

  • Borrife WD40 ao redor das bases dos ofurôs, cerca de 5 a 7,5 cm a partir dos lados. Ele durará um pouco, mesmo durante os períodos de chuva. Aplique duas vezes por semana.
  • Se estiver caçando as lesmas manualmente, procure por elas no começo da noite, de preferência em noites úmidas, ou pegue-as de manhã cedo.
  • Tente atrair as lesmas com uma gota de manteiga de amendoim cercada por sal.

Avisos

  • Existe certa controvérsia quanto às pílulas de fosfato de ferro conterem um ingrediente que forma uma combinação tóxica quando aplicado. Diz-se que elas contêm EDTA, que está listado como um ingrediente inerte.
  • Muitas das iscas para lesmas vendidas como seguras contêm toxinas que machucam ou matam diversos invertebrados, incluindo minhocas.
  • As lesmas são moluscos, não insetos; portanto, os inseticidas comuns não funcionarão.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.