Como Jogar Badminton

Quem não gostaria de aprender a jogar o jogo de raquetes mais rápido do mundo? Badminton é um esporte que pode ser praticado com dois ou quatro jogadores, cujo objetivo é marcar pontos, jogando uma peteca do lado adversário. Apesar de possuir algumas semelhanças com o Tênis, as regras do Badminton são um pouco diferentes e é importante conhecê-las bem antes de jogar. Se você quer se tornar um campeão de Badminton ou apenas impressionar uma garota no parque, veja os passos abaixo.

Aprendendo as regras

  1. Entenda o objetivo do jogo. Badminton, assim como o Tênis, é jogado com raquete, por dois jogadores, ou dois times de dois jogadores cada. O objetivo é fazer 21 pontos. O ponto é marcado quando um jogador consegue derrubar a peteca no lado da quadra correspondente ao adversário, passando por cima da rede.
    • Para vencer um game, é preciso fazer 21 pontos, desde que a diferença seja de dois pontos. Isso significa que se o placar empatar em 20 pontos, o vencedor deve fazer 22, e assim por diante.
    • Se ninguém conseguir fechar o game até chegar aos 29 pontos, o primeiro a fazer 30 pontos, vence.
    • O primeiro time ou jogador a fechar dois games vence a partida. Se estiver empatado em 1-1, um terceiro game deve ser jogado para decidir a partida.
  2. Conheça bem a quadra. A quadra de badminton possui 13,4 metros de comprimento por 6,1 de largura, em jogos com 4 jogadores. Em jogos de dois jogadores, ela deve ter 13,4 metros de comprimento por 5,18 de largura. A rede deve ser posicionada exatamente na metade da quadra, com 1,55 cm de altura. Quando o jogo tiver 4 jogadores, o meio metro extra em cada lado da quadra pode ser utilizado para sacar e devolver a bola. Aqui estão outras informações que você precisa saber:
    • Cada lado da quadra possui uma área de saque. O sacador deve mandar a peteca sempre na diagonal; ou seja, se o sacador estiver na área de saque da direita, ele deve mandar a peteca para a esquerda na quadra do adversário.
    • Em jogos de dois jogadores, o sacador deve mandar a peteca na diagonal, e ela pode atingir a área de saque e as linhas de fundo do adversário. Em jogos de 4 jogadores, o sacador deve mandar a peteca na diagonal, e ela pode atingir as linhas laterais, mas não pode atingir a linha de serviço. Portanto, em jogos de dois, a quadra é mais comprida para o sacador, e em jogos de quatro, ela é mais larga.
    • Após o saque, a quadra toda passa a estar na mira. A peteca deve se manter dentro dos limites da quadra.
  3. Entenda os princípios básicos do jogo. Eis o que você precisa saber, além das informações da quadra e das regras de pontuação:
    • Com uma moeda, é feito o sorteio de quem começa sacando e qual equipe jogará em qual lado.
    • O primeiro saque deve vir do lado direito para o lado esquerdo da quadra adversária.
    • Se o sacador cometer uma falta, o adversário pontua e vai para o saque. Se o receptor cometer uma falta, o adversário pontua e continua no saque, dessa vez, mudando de lado na área de saque. O time pontua depois de cada serviço (diferente do vôlei, por exemplo).
    • Em jogos de duplas, cada time tem apenas uma saque. Portanto, se o jogador de um time errar o saque, a vez de sacar passa para o outro time.
    • Quando o time receptor pontua e vai para o saque, os jogadores não trocam de lugar para sacar. A troca, da esquerda para a direita, ou vice-versa, só acontece quando eles pontuam depois do próprio saque.
    • Após cada game, os times mudam de quadra, e o time vencedor começa o próximo game sacando.
  4. Entenda quando um jogador comete uma falta. Existem várias situações que provocam a marcação de uma falta. Veja quais são:
    • Quando o saque não passa da rede. No badminton, você só tem uma chance de sacar. A única exceção é quando a peteca bate na rede e cai na quadra adversária. Nesse caso, o sacador pode tentar de novo.
    • Quando a peteca bate na rede ou passa por baixo dela, em qualquer jogada.
    • Quando a peteca atinge um jogador.
    • Quando a peteca cair fora dos limites da quadra.
    • Quando um jogador deixar a peteca cair na sua própria quadra.
    • Quando o sacador não manda a peteca na diagonal.
      • Para jogadores mais avançados, pode-se também considerar uma falta quando o sacador atinge a peteca em uma posição mais alta que sua cintura, ou quando ele sustentar a cabeça da raquete mais alta que sua mão. Mas para os iniciantes, seguir essas regras pode resultar em menos ralis e o jogo pode ficar entediante.
  5. Aprenda os truques básicos para bater na peteca. A raquete padrão do badminton tem 68 cm e pesa cerca de 100 gramas. A maioria delas é feita de metal e nylon, e é preciso bastante força para bater na peteca com elas. Os golpes principais são o forehand e o backhand (como no Tênis) e você precisa de um pulso leve e ágil para executá-los. Eis algumas informações sobre os golpes:
    • A posição dos pés é muito importante. Olhe para a peteca e se posicione dando pequenos passos para bater, ao invés de tentar alcançá-la de uma vez.
    • Pratique os movimentos e as batidas, a fim de se aperfeiçoar. O correto é bater no centro da peteca, e não nas penas.
    • Aperfeiçoe seu golpe de longa distância. Esse é o golpe mais comum do jogo, cujo objetivo é mandar a peteca de um jeito que seu adversário tenha que se afastar da rede, permitindo que você se prepare para a próxima jogada.
    • Pratique o golpe de curta distância. Nesse golpe, você deve bater devagar e gentilmente para que a peteca caia bem perto da rede, dificultando a defesa para o adversário.
    • Dê uma cortada. Esse é um golpe poderoso que você pode usar para atingir a peteca acima da altura da rede. Para isso, é preciso levantar a raquete acima das costas, como se fosse usar a raquete para coçar as costas, então bata bem forte na peteca, como se fosse esmagá-la no chão.
    • Direcione a peteca. Isso pode ser feito com o golpe forehand ou com o backhand, e consiste em mover a peteca paralela ao solo, passando bem perto da rede, dificultando a defesa do adversário.

Aperfeiçoando os golpes

  1. Aprenda como segurar a raquete. O modo como você segura a raquete afeta o seu golpe. Existem dois jeitos básicos de segurar a raquete. Veja abaixo:
    • A empunhadura forehand. Segure a raquete com a o cabo apontado para você e a cabeça da raquete perpendicular ao solo. Segure firme o cabo. O espaço entre seu dedão e seu indicador deve formar um V. Diminua o espaço entre os dedos para maior controle durante o golpe.
    • A empunhadura backhand. Segure da mesma forma que o forehand. Então movimente a raquete no sentido horário para que o V entre os dedos fique do lado esquerdo. Posicione seu dedão no chanfro traseiro no cabo para maior potência.
  2. Aperfeiçoe o saque. Existem vários estilos de saque, veja alguns:
    • O saque alto. Esse saque é ótimo para deslocar o adversário para trás, em jogos individuais; não faz muito efeito em jogos de duplas. Para esse saque é preciso usar a empunhadura forehand. Relaxe, flexione seus joelhos, e se posicione alguns centímetros atrás da linha de saque. Posicione a perna correspondente à mão da raquete atrás da outra perna. Movimente a raqueta para trás e depois para frente. Segure a peteca pelas penas e solte-a de leve na sua frente. Atinga a peteca com a cabeça da raquete.
    • O saque baixo. Mais comum em jogos de duplas, ele pode ser executado com o forehand ou com o backhand.
      • Usando o forehand, se posicione alguns centímetros atrás da linha de saque, leve sua raquete para trás, na altura da cintura e movimente-a para frente. Segure a peteca pelas penas e traga-a para perto da raquete ao invés de soltá-la. Atinga a peteca em altura elevada, mas ainda perto da cintura, e empurre-a tentando fazê-la atingir a fita da rede.
      • Usando o backhand, Posicione a perna correspondente à mão da raquete à frente da outra perna, com os pés apontando para o adversário. Movimente a raquete rapidamente para trás e para frente, segurando a peteca pela ponta das penas, na altura da sua cintura. Empurre a peteca tentando fazê-la atingir a fita da rede. Diminua a distância entre seus dedos para maior controle.
  3. Aprenda o saque flick e o drive. Veja como:
    • O saque flick. Use esse golpe para um saque rápido, mas não abuse dele. Jogue a peteca como se você fosse dar um saque baixo, então acelere o movimento da cintura e dos braços.
    • O saque drive. Esse saque é perfeito para jogos individuais e em duplas. Nele, a peteca faz um movimento rápido, porém num ângulo mais chapado. Posicione-se na linha de saque, com a perna correspondente à mão da raquete na frente da outra perna, segure a raquete na altura da cintura, movendo para trás. Jogue a raquete para frente, arremessando a peteca, que deve passar a rede em um ângulo mais chapado.
  4. Domine o forehand. Se a peteca vier baixa à sua frente, você deve batê-la com o golpe forehand. Veja como:
    • Deixe a cabeça da raquete solta, atrás de você.
    • Mantenha os joelhos flexionados e prontos para se mover.
    • Mova-se para frente com a perna correspondente à mão que segura a raquete.
    • Mantenha os braços retos enquanto move a raquete, movendo o pulso segundos antes de atingir a peteca.
    • Mova a raquete para cima para pegar impulso.
    • Continue até que a raquete fique próximo ao seu ombro.
  5. Domine o backhand. Para esse golpe, é preciso esperar a aproximação da peteca. Veja o que você deve fazer:
    • Mova seu pé direito à frente de seu corpo (se você for destro), de modo que seu ombro direito fique de frente para a rede.
    • Dobre seu cotovelo direito e posicione sua mão direita em volta do corpo, preparando-se para mover a raquete, transferindo seu peso para o pé esquerdo, deixando o pé direito livre.
    • Transfira seu peso para a perna da frente, esticando o cotovelo conforme move a raquete para frente, até tocar a peteca.
  6. Aprenda a defender os golpes. A defesa pode ajudar a desacelerar a peteca ou mudar sua direção. Trata-se de uma habilidade avançada, que dificulta as jogadas do adversário. Veja como fazer:
    • Defenda os golpes na rede. Comece o movimento normalmente, então mova a raquete para dentro, para defender em ângulo perpendicular ao centro, fazendo a peteca cruzar a quadra, ao invés de voltar reta, como o adversário espera.
    • Defenda as cortadas. Mova a raquete perpendicular ao centro, enquanto a peteca ainda está no ar. Esse movimento desacelera a peteca e a faz cair mais perto da rede na quadra adversária.
  7. Aprenda a defender um ataque alto. Também conhecido como smash, esse golpe permite maior potência para bater na peteca. Para realizá-lo, direcione sua mão livre para a peteca e bata nela com a raquete, antes que ela caia, direcionando-a para baixo na quadra adversária.
    • A mira é muito importante - tente mirar em um ponto difícil para a defesa do adversário.

Aperfeiçoando a estratégia

  1. Volte sempre à posição de alerta depois de cada jogada. Isso significa que você deve voltar à sua posição, soltar um pouco os dedos, e se preparar para a próxima jogada. Se seu adversário te fizer mover para o outro lado da quadra, haverá muito espaço para ele jogar a peteca antes de você poder voltar para defender, portanto volte para sua posição o mais rápido possível.
    • Seus pés devem estar abertos na direção dos ombros e paralelos, e seus dedos devem estar apontados para a rede.
    • Mantenha os joelhos flexionados e sua raquete na mão, com o braço à frente do corpo.
    • Não fique parado normalmente, ou seu corpo ficará muito rígido na hora do movimento.
  2. Fique preparado para se movimentar a qualquer momento. Esteja preparado para correr para a rede, atravessar a quadra, voltar para a linha de saque ou buscar a peteca em qualquer lugar. O elemento surpresa é muito importante, portanto, fique esperto para as jogadas do seu adversário.
  3. Use o smash sempre que puder. O smash é o golpe mais potente do jogo, pois permite ao jogador atingir a peteca o mais forte e mais rápido possível, dificultando a defesa. Procure oportunidades para essa jogada quando a peteca estiver bem no alto.
  4. Mantenha o adversário em movimento. Não devolva a peteca na mão do adversário, ou você deixará o jogo muito fácil para ele. Seu objetivo é fazer o adversário se movimentar na quadra, deixando-o cansado e com dificuldades de devolver a peteca.
  5. Crie uma estratégia. Não bata na peteca, esperando que o adversário cometa erros; planeje aonde você quer jogar, como você quer jogar, e o motivo da jogada. Se você jogar de qualquer jeito, não vai chegar muito longe.
  6. Varie. Enquanto algumas jogadas sejam as mais aconselhadas, se você jogar sempre do mesmo jeito, seu adversário vai acabar entendendo seu estilo mais rápido. É importante manter o elemento surpresa nas jogadas, para que seu adversário não saiba o que esperar do seu jogo.
    • Isso inclui onde você saca, quais jogadas você escolhe, e onde você joga a peteca.
  7. Explore os pontos fracos do adversário. Se quiser ganhar, você deve ditar as regras do jogo e deixar o adversário desconfortável. Se seu adversário tiver um backhand fraco (como a maioria dos iniciantes), force essa jogada repetidamente. Se ele for lento, faça-o movimentar pela quadra. Se ele gosta de jogar perto da rede, jogue no fundo. Se seu adversário gosta do golpe smash, não jogue a peteca no alto. Fique ligado nas fraquezas do adversário para vencer mais facilmente.
    • É importante observar de perto seu adversário. Não importa a que ponto do jogo esteja, comece a observar o adversário o mais cedo possível.

Dicas

  • Siga as regras e divirta-se jogando badminton.
  • Mantenha-se concentrado durante o jogo.
  • Salte, se for necessário!
  • Aprenda diferentes golpes para se tornar um melhor jogador.
  • Esteja preparado.

Avisos

  • Se sua peteca tiver penas de verdade, lembre-se que elas podem quebrar.

Materiais Necessários

  • Raquetes de Badminton para cada jogador
  • Uma peteca
  • Uma quadra
  • Uma rede de badminton
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.