Como Identificar um Golpista

Os golpistas se esforçam para ganhar a sua confiança e, antes que você perceba, todas as suas economias foram pro ralo. Como os golpistas são especialistas em conquistar a confiança alheia, é importante saber reconhecer um antes de cair em um dos seus golpes. Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a identificar as manobras de um vigarista e alguns golpes comuns.

Passos

  1. Pergunte como ele conseguiu seu nome. Se eles não tiver uma boa resposta, provavelmente pegou seu nome na lista telefônica, ou através de outra vítima atual.
  2. Peça para eles lhe darem uma cópia escrita do negócio que estão propondo. Golpistas não gostam de colocar seus golpes no papel e podem dar desculpas para não fazê-lo, como falta de tempo, por exemplo.
  3. Peça para eles conversarem com seu advogado, consultor financeiro ou contador. Um golpista dirá que não tem tempo para falar com ninguém, ou pegará as informações de contato mas nunca fará contato algum.
  4. Peça referências. Peça para falar com várias outras pessoas que já tenham feito negócios com ele e tenham obtido resultados concretos. Procure os nomes e os números de telefone na lista telefônica ou na internet, para se certificar de que elas sejam pessoas reais. Não aceite depoimentos on-line como substitutos.
  5. Ignore a pressão para agir imediatamente. Um golpista tentará convencê-lo de que você precisa agir agora, ou perderá uma oportunidade de ouro. No entanto, se este bom negócio não estiver disponível amanhã, o risco não vale a pena.
  6. Verifique se alguma queixa foi apresentada contra essa pessoa.
    • Reclame Aqui
    • Procon
  7. Fique atento aos sinais de alerta. Se você já tiver realizado uma transação com alguém, fique atento aos seguintes sinais de alerta:
    • Sigilo — Ele pediu pra você não contar pra ninguém?
    • Somente dinheiro em espécie — Muitos (mas não todos) golpistas não gostam de ser pagos com cheque, porque eles deixam um rastro no papel.
    • Um pote de ouro te aguardando ao dobrar a esquina — O golpista está te enrolando enquanto ele recebe mais dinheiro do que você (por exemplo, "a qualquer momento você vai receber uma bolada...”). Sua própria vontade de acreditar pode permitir que esta enrolação continue por muito mais tempo do que o senso comum permitiria, porque você não quer enfrentar a possibilidade de foi enganado.
    • A enrolação se transforma em intimidação — Quando sua paciência chega ao fim e você começa a questionar a credibilidade do golpista, ele pode passar a te tratar como um traidor, ou até mesmo como um idiota. Ele pode tentar te intimidar para que você não tome providência alguma, até que ele possa fugir com o dinheiro. (Exemplo: "Você tem tanta culpa nisso quanto eu tenho.")
  8. Conheça os seus próprios pontos fracos. Estas são as características e situações que os golpistas exploram com mais frequência:
    • Solidão.
    • Solidariedade, vontade de ajudar o próximo.
    • Desespero com dinheiro (por exemplo, alguém altamente endividado, empresa enfrentando problemas financeiros).
    • Insatisfação com a vida e uma tendência a buscar uma "solução rápida".
    • Se apaixonar — Se um novo interesse romântico quiser que você faça algum investimento junto com ele, peça uma segunda opinião! Peça a opinião de profissionais e dos seus familiares.

Golpes comuns

Dicas

  • Há golpes “rápidos” e golpes “a longo prazo”. É com os golpes a longo prazo que a maioria das pessoas deve se preocupar, porque o golpista pode falar muito e apresentar vários planos incríveis, sendo bastante convincente.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.