Como Criar um Youtube Poop

YouTube Poop BR (YTPBR) é uma categoria de vídeos muito popular na Internet, que envolve a remixagem de vários clipes com cenas, diálogos ou imagens adicionais que buscam aumentar o humor do vídeo. O YouTube Poop pode ser considerado uma forma de arte ou uma fonte de alívio cômico para algumas pessoas. Criar um YouTube Poop pode ser algo simples com um pouco de prática, mas tornar-se um bom "Pooper" pode exigir tempo e esforço.  Neste artigo, você encontrará uma lista de passos que vão te mostrar a como criar um YTPBR.

Preparando-se Para Se Tornar um "Pooper" do Youtube

  1.  Conheça os diferentes estilos de poopar. Cada pooper tem um estilo próprio. É recomendado assitir vários poopers diferentes para descobrir qual mais lhe agrada..
    • Certifique-se de que os Poopers que você conferir ainda estejam fazendo vídeos, porque os Poopers aposentados podem usar piadas que eram divertidas na época deles, mas que agora soam como ultrapassadas ou clichês.
  2.  Pesquise sobre os diversos estilos de Poop. Por exemplo:
    • Poops Clássicos - Em um bom YTPBR Clássico ou normal, você pode ver cortes aleatórios, repetições, reverse, sentence mixing, ear rapes, efeitos visuais coloridos e chamativos e outras coisas que são reunidas para deixar um vídeo mais agradável ou engraçado.
    • Poop Modinha - É o estilo mais odiado pelos verdadeiros apreciadores do YTPBR. Este é um estilo que só é aceito pelas crianças que amam aqueles memes da Internet, e não é algo considerado engraçado ou original pela comunidade do YTPBR. Geralmente as pessoas que fazem esse estilo de Poop não conhecem nada sobre o assunto. Ironicamente esse estilo costuma ter mais visualizações que um Poop de verdade. A melhor maneira de saber se um YouTube Poop é um Poop Modinha é olhar o título que pode ser algo como "Vídeo Zoeira" ou "Um Poop Dorgas ", e que usam, em sua maioria, os memes mais populares (e sem graça) no momento, como Chico Bioca e No Céu tem Pão? (Aviso: Nem todos que utilizam esse memes são modinha) Estes poops também devem ser evitados se você pretende ser respeitado entre os poopers de verdade.
      • Este estilo é muito controverso entre a comunidade, não sendo considerado Poop de verdade.".
    • Poops de Terror - Poops que contém cenas com sustos e com mortes de personagens..
    • Alguns YouTube Poops são baseados em cenas de luta de RPG, como o Final Fantasy. Eles são chamados de YTPRPGs. Não são muito populares no Brasil.
    • Alguns YTPs podem contar uma história ou terem continuidade. Os mais famosos são "My Little PORNÔ" e "Os defensores do Heavy Metal."
    • YouTube Poop Music Vídeo, mais comumente conhecidos como YTPMVs, são um outro estilo. Eles podem ser muitas coisas, desde alguma palavra de um personagem editada de uma fonte "poop" para soar como uma música que já existe, até as frases de um personagem em câmera lenta ou acelerada, geralmente com uma batida simples para soar como um ritmo. Recomenda-se que você ganhe experiência suficiente antes de tentar um estilo como este, e que saiba ler e conseguir partituras (a não ser que você esteja fazendo um rap).
  3.  Consiga um software básico de edição de vídeo. O Windows Movie Maker, um programa de edição de vídeo simples que vem instalado nas versões recentes do Windows até o Windows 7, deve ser suficiente. No entanto, para muitas pessoas, ele é considerado extremamente difícil de trabalhar e lento. Muitos outros poopers têm optado pelo uso do Sony Vegas ou do Adobe Premiere para fazer seus vídeos. Cuidado, pois tentar conseguir estes programas ilegalmente devido aos seus altos preços pode resultar em ações judiciais.

Criando o YouTube Poop

  1.  Escolha o vídeo ou vídeos que você quer editar. Alguns alvos comuns são as cut-scenes de videogames e desenhos animados obscuros dos anos 90. No entanto, praticamente qualquer fonte - ou até mesmo a falta de uma fonte, como é o caso de um dos YouTube Poops - pode ser usada. As seis coisas possíveis de fazer em um YouTube Poop são filmes, programas de TV, vídeos online, jogos de computador, anúncios e clipes musicais. Programas infantis como o "Bob Esponja" e "As Pistas de Blue" são bem populares.
  2.  Baixe e importe o vídeo. Use um programa para baixar vídeos do YouTube para conseguir o vídeo que você deseja editar. O mais usado é o Any Video Converter (AVC).
  3.  Divida o filme nas partes que você quer editar. Isso pode ser feito usando a ferramenta "splice", ou emenda, que é comumente encontrada em programas de edição de vídeos, e que permite a criação de partes facilmente gerenciáveis. Tenha cuidado para não deixar esses pedaços muito pequenos, o que pode impedir que seja possível trabalhar com eles.
  4.  Faça suas edições. Elas podem incluir a duplicação de seções (geralmente menores do que meio segundo e com passos aleatórios em cada seção), o acréscimo de flashes de imagens ou texto (conhecido como "Subliminals"), cortar palavras de um personagem para fazer com que ele diga coisas novas e que ele não disse anteriormente (palavrões e piadas sexuais são os mais usados, apesar de alguns considerarem que isso é muito usado, diminuindo sua popularidade), aumentar o volume de um clipe para níveis extremamente altos, ou inserir clipes de outros vídeos.
  5.  Assista o vídeo editado do início ao final. Você precisa ter certeza de que o vídeo faz sentido, toca bem e não contém erros. Durante esta etapa, você também pode adicionar/alterar novas piadas ou elementos. Tente passar por cada quadro e procure erros enquanto você edita o vídeo, se puder.
  6.  Salve o vídeo em um formato de vídeo padrão, como WMV, AVI, MOV e MP4. Você também pode salvá-lo como um projeto para poder editá-lo depois. Para criar um "poop" ainda mais divertido, pegue o vídeo "pooped" feito agora e outros "poops" posteriores para torná-los melhores. Há um vídeo pouco conhecido chamado "Chain YTP.wmv" que mostra um bom exemplo de toda a comunidade participando, com opiniões de vários estilos.
  7.  Envie o vídeo para o YouTube. O esquema de nomenclatura comum é "YouTube Poop: Título Criativo." Essa abordagem não é mais usada comumente pelos "poopers" mais novos. Muitas pessoas vão deixar o "YouTube Poop" fora do título para deixá-lo menor, embora isso dificulte encontrá-los e pode erroneamente atrair "trolls."

Dicas

  • Embora seja perfeitamente aceitável "emprestar" estilos de pooping de outros poopers quando você estiver começando, tente combinar os estilos de alguns poopers, ou adicionar seu próprio toque especial. Isso torna seus vídeos mais interessantes e únicos.
  • Se você precisa de inspiração, tente assistir os YouTube Poops criados por outros Poopers famosos do YouTube. Observe-os atentamente e verifique as classificações e os comentários dos YTPs que você assistir para ver o quanto eles são curtidos.
  • Pratique uma outra arte, como a animação ou o desenho. Isso te permitirá adicionar elementos mais interessantes, como criar uma cena completamente nova. Por favor, consiga a permissão do criador do desenho animado antes de fazer isso.

Avisos

  • Fique atento ao introduzir novos "estilos" de Poops. A grande maioria da comunidade se acalmou em criar novos estilos por enquanto.
  • Alguns YouTube Poops podem ser NSFW (Not Safe For Work, ou Não Seguro Para o Trabalho), o que significa que eles podem conter referências sexuais, racismo, linguagem rude, sangue exposto, pornografia ou qualquer outra coisa que possa ser considerada imprópria para um trabalho normal ou para o ambiente doméstico. Tenha cuidado com quais Poops você assiste, ou o que você inclui neles.
  • Tenha cuidado ao usar clipes sem a permissão do detentor dos direitos autorais, e certifique-se de que o seu trabalho siga as leis Fair Use ou quaisquer leis parecidas existentes no seu país. Nos EUA, as leis 'Fair Use' vão permitir usar um material com copyright/direitos autorias sem permissão, desde que algumas condições relacionadas à quantidade de material usado forem cumpridas. Por favor, saiba que as leis de direitos autorais variam de país para país. Em caso de dúvida, peça permissão primeiro.
    • Só porque algo está na internet não significa que isso esteja isento de direitos autorais. Não importa quão bem você consiga cobrir seus rastros, ainda será possível te encontrar.
    • Tenha cuidado para não infringir os direitos autorais de qualquer coisa de propriedade da Disney, Warner Brothers, CBS, Universal ou ABC. Essas empresas são relativamente rigorosas quando se trata da aplicação de direitos autorais. Nunca use um vídeo produzido pela Viacom ou Hit Entertainment; estas corporações são "impiedosas", particularmente persistentes e, na verdade, já são conhecidas por terem processado muitas pessoas pela violação de direitos autorais.
  • Você pode ofender as pessoas que são fãs ou que fizeram determinado trabalho. Certifique-se sempre de pedir permissão primeiro.

Materiais Necessários

  • Um vídeo para editar. Você pode baixar o vídeo de alguma outra pessoa, ou consegui-lo utilizando outros métodos (como retirá-lo de um DVD).
  • Uma conta no YouTube. Tente NÃO nomeá-la como algo assim: "DinnerWeegee9000", pois dessa forma você não será levado muito a sério.
  • Um programa de edição simples, como o Windows Movie Maker (ele só funciona bem se você tiver o conhecimento necessário), ou então escolha o Sony Vegas, Adobe Premiere e o Final Cut Pro. Estes são os principais editores utilizados para fazer os YTP; os três últimos mencionados particularmente são utilizados por um grande grupo de pessoas com experiência. Outros programas como o iMovie, Nerovision, Pinnacle, Cyberlink e Editstudio também podem ser usados. O editor de vídeos VideoPad é o mais fácil de usar, e você terá um tempo ilimitado com a versão gratuita, podendo economizar com ele também. Além disso, a versão paga dele é bem barata, apesar de ser um pouco limitado em opções de paródias (pooping).
  • Um programa de download de filmes do YouTube, como o Any Video Converter ou o Leawo. Muitos conversores de vídeo online vão funcionar bem, como o Keepvid ou o iDesktopTV.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.