Como Fazer Perfume

Quer fazer seu próprio perfume-assinatura? Ou talvez esteja procurando por uma ideia de presente caseiro única. Você pode preparar as próprias fragrâncias empolgantes usando ingredientes do supermercado.

Entendendo a ciência do perfume

  1. Conheça as diferentes notas. Os perfumes são uma mistura de diversos níveis de aromas, também chamados de "notas". Quando você borrifa uma fragrância na pele, ela passará por essas notas na seguinte ordem:
    • As notas de cabeça são as que você sente primeiro. Elas também são as que somem mais cedo, geralmente dentro de 10 a 15 minutos.
    • As notas de coração aparecem conforme as de cabeça vão sumindo. Elas são o centro da fragrância, determinando a qual família o perfume pertence. Por exemplo: oriental, amadeirado, fresco ou floral.
    • As notas de fundo acentuam ou fixam as notas de coração da fragrância, também conhecidas como o corpo dela. Elas formam a fundação do perfume, fazendo com que o aroma dure de quatro a cinco horas na sua pele.
  2. Familiarize-se com as notas de cabeça mais populares. Estas incluem manjericão, bergamota, toranja ("grapefruit"), lavanda, limão, lima, menta, néroli, alecrim e laranja doce.
  3. Conheça as notas de coração mais comuns. Entre elas estão pimenta-do-reino, cardamomo, camomila, canela, cravo, pinho, jasmim, junípero, capim-limão, néroli, noz-moscada, rosa, pau-rosa e ylang-ylang.
  4. Entre em contato com as notas de fundo populares. Nelas se incluem cedro, cipreste, gengibre, patchuli, pinho, sândalo, baunilha e vetiver.
  5. Saiba as proporções. Ao misturar uma fragrância, primeiro adicione suas notas de cabeça, depois as de coração e por fim as de fundo. A razão ideal para misturar as notas é 30% de notas de cabeça, 50% de notas de coração e 20% de notas de fundo.
    • Alguns perfumistas recomendam combinar no máximo três a quatro notas dominantes.
  6. Conheça a receita básica. Para fazer um perfume, você precisa de mais do que notas de cabeça, coração e fundo: você também precisa de uma base na qual adicioná-las.
    • O processo começa com um óleo carreador. As escolhas populares incluem jojoba, amêndoas doces e semente de uva.
    • Em seguida, você adicionará lentamente as gotas das notas ao óleo.
    • Por fim, você acrescentará algo para ajudar a mesclar os ingredientes. O álcool é uma escolha popular, pois evapora rapidamente e ajuda a espalhar as notas do perfume. Uma opção comum entre os perfumistas amadores é uma vodca de alta qualidade, com teor alcoólico de 40 a 50%.
    • Caso esteja procurando fazer um perfume sólido, parecido com um hidratante labial, use cera de abelha derretida como fixador em vez de álcool ou água.
  7. Descubra quais notas seus perfumes favoritos contêm. Caso não tenha certeza de como estruturar uma fragrância, dê uma olhada nos ingredientes das suas preferidas.
    • Se estiver com dificuldades para encontrar os ingredientes ou separá-los em notas, o site Fragrantica é um ótimo recurso para detalhar as notas de perfumes populares.

Sabendo de quais materiais você precisa

  1. Compre frascos de vidro âmbar. Muitas pessoas recomendam esses recipientes porque o vidro escuro ajuda a proteger o perfume da luz, que pode diminuir sua validade.
    • Os frascos não podem ter guardado nenhum alimento antes, pois quaisquer odores residuais serão transferidos para o perfume.
    • A exceção é se você quiser que o aroma do que estava no vidro antes passe para o perfume. Cuidado: um perfume de chocolate com banana e amendoim pode ter um gosto melhor do que o cheiro!
  2. Compre um óleo carreador. É ele que transfere os aromas de uma fragrância particular para sua pele. Geralmente, eles não têm odor e são usados para diluir os óleos e aromas concentrados que podem irritar sua pele.
    • O óleo carreador pode ser qualquer um, até azeite de oliva, se você não se importar com o cheiro.
    • Uma perfumaria popular leva pétalas de rosa à quase fervura em azeite de oliva virgem e mistura tudo com vitamina E para estabilizar.
  3. Compre o álcool mais forte que conseguir encontrar. Uma escolha comum entre muitos perfumistas amadores é uma vodca de qualidade com teor alcoólico de 40 a 50%. Outros preferem álcool a 80%.
    • As escolhas populares para o álcool a 80% incluem o álcool vínico neutro e orgânico e o álcool de cereais.
  4. Selecione os aromas. Seu perfume pode ser feito a partir de uma ampla gama de ingredientes. Os aromáticos comuns para as fragrâncias incluem os óleos essenciais, as pétalas de flores, as folhas e as ervas.
  5. Decida sobre o método. Ele variará um pouco dependendo dos materiais. Dois aromáticos populares são a matéria-prima vegetal (flores, folhas e ervas) e os óleos essenciais; a tática variará dependendo do material.

Usando folhas, flores ou ervas frescas

  1. Obtenha um frasco de vidro transparente. Esse tipo de recipiente não é tão importante quanto o material. Só garanta que a) ele esteja limpo e b) ele seja de vidro. O frasco também precisa de uma tampa com um bom encaixe.
    • Os perfumistas geralmente recomendam usar vidro âmbar, que pode aumentar a validade da fragrância protegendo-a da luz.
    • Evite usar frascos que tenham guardado comida antes, mesmo que tenham sido lavados, pois o vidro pode transmitir o odor.
  2. Compre um óleo sem cheiro. As escolhas populares para uso em perfumes incluem óleo de jojoba, óleo de amêndoas e óleo de semente de uva.
  3. Colete flores, folhas ou ervas cujos aromas sejam atraentes para você. Colha os materiais vegetais quando o cheiro estiver forte e as folhas, secas. Deixá-los secar ao ar livre pode fazer com que eles fiquem moles e com um odor menos eficaz.
    • Pode ser melhor coletar e secar mais plantas do que o necessário, para o caso de você querer adicionar mais e fortalecer o aroma do óleo mais tarde.
  4. Remova os materiais vegetais indesejados. Caso esteja usando flores, deixe apenas as pétalas. Se estiver utilizando folhas ou ervas, remova os galhos e outros pedaços que possam interferir com o odor.
  5. Esmague um pouco a matéria-prima. Este Passo é opcional, mas pode ajudar a destacar mais o cheiro. Você pode pressioná-la de leve com uma colher de pau.
  6. Despeje um pouco de óleo no frasco de vidro. A quantidade a ser usada é pequena, apenas o bastante para cobrir as pétalas, as folhas ou as ervas.
  7. Adicione os materiais vegetais ao óleo e feche bem a tampa.
  8. Deixe o frasco ficar em um local escuro e fresco por uma a duas semanas.
  9. Abra, coe e repita. Se o óleo não estiver com um cheiro tão forte quanto o desejado após esse tempo, você pode coar as matérias-primas velhas e adicionar novas ao óleo perfumado, e em seguida armazená-lo mais uma vez.
    • Você pode repetir o processo por várias semanas ou meses até que o perfume tenha atingido a força desejada.
    • Guarde o óleo! O que você quer descartar é o material vegetal velho.
  10. Preserve o óleo perfumado. Quando estiver feliz com ele, você pode adicionar de uma a duas gotas de preservantes naturais como vitamina E ou extrato de semente de toranja para ajudar a estender a validade do produto.
    • Caso queira transformar o óleo em uma substância sólida, você pode acrescentar um pouco de cera de abelha a ele: derreta um pouco da cera no micro-ondas, combine-a com o perfume e coloque toda a mistura em um recipiente para resfriar e solidificar.

Usando óleos essenciais

  1. Junte os materiais. Você precisará dos seguintes ingredientes:
    • 2 colheres de sopa de óleo carreador (jojoba, amêndoas ou semente de uva servirão)
    • 6 colheres de sopa de álcool de 50 a 80%.
    • 2 colheres e meia de sopa de água engarrafada (não da torneira).
    • 30 gotas de óleos essenciais (pelo menos um de cada: fundo, coração e cabeça).
    • Filtro de café.
    • Funil.
    • 2 frascos de vidro transparentes.
  2. Despeje 2 colheres de sopa do óleo carreador na garrafa de vidro.
  3. Adicione os óleos essenciais. Você deve acrescentar cerca de 30 gotas no total. Comece com as notas de fundo, siga para as de coração e por último coloque as notas de cabeça. A proporção ideal é 20% de fundo, 50% de coração e 30% de cabeça.
    • Preste atenção aos aromas que está adicionando: se um deles for muito mais forte do que o resto, é melhor adicionar menos para que ele não se sobreponha a tudo.
  4. Acrescente o álcool. Use um produto de alta qualidade com teor alcoólico elevado. A vodca é uma escolha popular entre os perfumistas amadores.
  5. Deixe o perfume descansar por pelo menos 48 horas. Feche a tampa e deixe a fragrância curar por no mínimo esse tempo. Você pode deixá-la por até seis semanas, que é quando o aroma chegará a seu auge.
    • Verifique a garrafa com regularidade para ver qual o grau da fragrância.
  6. Adicione duas colheres de sopa de água engarrafada quando estiver contente com o cheiro.
  7. Agite a garrafa vigorosamente por um minuto para garantir que os conteúdos estejam bem misturados.
  8. Transfira o perfume para outra garrafa. Usando um filtro de café e um funil, despeje a fragrância em uma garrafa de vidro âmbar limpa. Você também pode transferi-la para uma garrafa mais bonita se for dá-la de presente.
    • É bom rotular a garrafa com os ingredientes e uma data para que você possa acompanhar quanto tempo o perfume dura. Dessa maneira, você saberá se deve fazer mais ou menos da próxima vez.
  9. Experimente uma variação. Para fazer um perfume sólido (parecido com um hidratante labial) em vez de um líquido ou em spray, experimente substituir a água por cera de abelha derretida. Você a adiciona à fragrância e despeja a mistura morna em um recipiente para que ela se solidifique.
    • É possível comprar a cera em lojas de produtos naturais.

Dicas

  • Não exagere com os aromas. Sinta o cheiro de cada ingrediente e pense bem antes de decidir se eles combinarão. O excesso de notas pode arruinar uma fragrância.
  • Para limpar um frasco de vidro, lave-o com a água mais quente possível, depois coloque-o em uma assadeira e seque-o no forno a 110 ºC.
  • Considere modelar os aromas com base nas suas comidas e bebidas favoritas. Por exemplo, você pode fazer um perfume de chai usando óleo de canela, óleo de laranja doce, óleo de cravo e óleo de cardamomo. Outro exemplo é uma torta de abóbora, que pode conter os seguintes óleos essenciais: canela, cravo, gengibre, noz-moscada, baunilha e laranja.

Avisos

  • Evite colocar sucos de fruta no seu perfume, pois eles podem fazer a fragrância coalhar ou azedar. Além disso, os limões são fototóxicos, ou seja, aplicar produtos contendo o suco deles na pele pode causar queimaduras solares.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.