Como Identificar DVDs Falsos

Com cópias não-autorizadas de filmes e outros tipos de mídias sendo vendidas por todo o mundo, você pode estar pensando se o DVD que comprou é pirata. Se for comprar de um vendedor de rua ou online, veja a seguir como verificar a autenticidade do DVD.

Sinais básicos da falta de autenticidade

  1. Pesquise o filme que você deseja adquirir. Descubra quantas versões foram oficialmente lançadas, os extras do filme e para quais regiões o filme foi codificado. Isto permitirá que você encontre um DVD falso facilmente quando estiver comprando e irá dar-lhe uma melhor noção de quais são os melhores negócios e quais são bons demais para serem verdade.
    • Por exemplo, DVDs originais da Disney raramente são da “Região 0”, “podem ser reproduzidos em todas as regiões” ou “compatíveis com a Região 1”. Se vir que um DVD da Disney está com estas inscrições, você poderá inferir que o DVD possivelmente é pirata.
  2. Olhe a capa com cuidado. O design da capa deve ser igual ao das cópias vendidas por lojas confiáveis (como grandes lojas de varejo). Mas, para garantir, compare-a com um DVD da mesma região. Por exemplo, um DVD original do filme Rei Leão, da Disney, provavelmente terá apenas uma mídia física. No entanto, as versões americanas ou europeias provavelmente terão dois DVDs. Se o filme veio em apenas um disco, isso não garante que a versão é pirata (procure pelo holograma da Disney). Variações no design da capa devem levantar suas suspeitas, pois ela foi possivelmente impressa para cópias pirateadas. Se você detectar palavras escritas de forma errada, então não há mais nenhuma dúvida. Outra coisa que você deve olhar é a qualidade da impressão. Imagens "arenosas", papel machê e cores desbotadas são indicativos de que a capa foi fotocopiada. O Código Universal do Produto, na parte traseira da caixinha do DVD, deve ser preto apenas. Se estiver com outras cores por cima do preto ou por cima do código, ou se as linhas do CUP não puderem ser distinguidas por causa da imagem do código de barras sendo reprocessada através de cópias, o produto provavelmente é pirata.
    • Se estiver pensando em pedir um DVD que não vem com capa (geralmente, são DVDs usados ou que eram para aluguel), nem pense nisso.
    • A ausência de selos de segurança e embalagem plastificada também deve levantar suspeitas.
    • Muitas vezes, ao saber que um filme é DVD9, pessoas associam este fato com cópias piratas pois muitos lançamentos oficiais dos estúdios não fazem a distinção entre tipos de DVD; geralmente, quem distribui cópias falsas é que especifica o tipo de DVD, mostrando que seus produtos piratas são de melhor qualidade. No geral, qualquer propaganda em relação à "qualidade" já deve deixá-lo com suspeitas, pois os lançamentos originais raramente fazem menção sobre tipo de DVD e qualidade. Na Tailândia, isto é uma exceção, pois algumas cópias originais de filmes possuem versões em DVD9 e DVD5 (DVD9 é um disco de dupla camada, e estes geralmente possuem mais recursos, como extras e trailers).

Avaliando a qualidade

  1. Examine o DVD se já tiver comprado-o. Provavelmente, você já o reproduziu e a qualidade é questionável o suficiente para você ler este artigo e confirmar. Algumas perguntas perguntas adicionais podem ser feitas:
    • Você consegue ver através do DVD? Se conseguir ver o outro lado com facilidade, provavelmente o disco não é original, apesar de nem sempre ser o caso.
    • O DVD é colorido (dourado, azul, roxo, etc) e não prata? Se ele for de uma destas cores, provavelmente não é um DVD produzido em massa.
    • Coloque o DVD contra a luz e incline-o para um lado. Você poderá conseguir ver o nome do fabricante do DVD, como a Maxell. Se o disco possuir este nome, então provavelmente ele foi gravado. O conteúdo dele é pirateado.
  2. Coloque o DVD em seu drive de Disco. No Windows, clique em Meu Computador e depois clique no drive do seu player. Você poderá ver o tamanho do disco. Ele deve ter um valor próximo de 5 GB sendo utilizado num único lado ou mais se for de dupla camada (porém, isto varia de acordo com o tempo do filme). Depois, entre no Windows Explorer e clique com o botão direito nos vários arquivos armazenados no DVD para verificar as propriedades. Procure pela data de criação. Se o DVD não estiver mais sendo produzido, por exemplo, e a data for recente, algo está errado. No entanto, este método provavelmente não vai funcionar com DVDs da Disney importados com proteção contra cópias, e os resultados podem ser enganosos.
  3. Se a lombada do DVD for fina demais e a caixa for opaca, provavelmente ela é falsa.
  4. Se mensagens aleatórias aparecerem sobre a ilegalidade de cópias piratas, ou se as cores ficarem distorcidas, é sinal de que o filme pode ter sido gravado no cinema com uma câmera.
  5. Procure pela proteção contra cópias. Todos os DVDs são protegidos contra cópias, devido às leis de direitos autorais. Logo, verificar se o DVD possui proteção contra cópias pode funcionar, já que as cópias piratas geralmente não possuem estas proteções. Se você possui um DVD recente, tente fazer uma cópia dele. Se o processo der certo, então o DVD que você comprou é pirata. Se não funcionar devido à proteção contra cópias, pode ser um bom sinal.
    • Insira o DVD do filme.
    • Abra um programa de cópia de CD/DVD.
    • Tente criar uma cópia. Desta maneira, você poderá determinar se é ou não uma cópia.

Pedindo um reembolso

  1. Reclame com o vendedor. Se for uma loja ou negócio, entre em contato e peça um reembolso. Se recusarem, faça uma reclamação no PROCON. Se for um camelô ou vendedor de rua, denuncie-o às autoridades. E, por fim, se for um vendedor online, como num site de leilões, deixe feedback negativo e denuncie-o à administração do site. Se desejar, você pode também denunciar um vendedor de produtos piratas ao departamento anti-pirataria de um estúdio de filmes.

Dicas

  • Produtos falsos e pessoas falsas andam lado a lado. É pouco provável que um vendedor de rua, que está com seus produtos no canto da calçada, vá vender um DVD de um filme novo por metade do preço das lojas confiáveis. Um bom indicativo de sites que vendem produtos piratas é que, como ele foi montado às pressas, não deve possuir páginas de termos e condições, deve ter muitos erros ortográficos nos textos ou até erros de contexto, pois um corretor ortográfico pode ter sido usado.
  • Se você comprar um DVD pirata de um grande leilão online, você deve reportar às autoridades federais, pois não é um caso local.
  • A maioria dos DVDs piratas vem da Ásia. Se você está pensando em comprar de um vendedor situado na Ásia, em leilão, fique atento. Veja o que mais ele está vendendo e leia as descrições atentamente. Deve ser ressaltado que muitos vendedores asiáticos vendem DVDs originais, e que não é justo (e possivelmente ilegal) discriminar os vendedores baseando-se apenas na localização geográfica deles.

Avisos

  • Camelôs podem não gostar ou até não estarem mais no local da próxima vez se quiser um reembolso.
  • Existe sempre o risco de ser enganado ao fazer negócio com vendedores pouco confiáveis; compre com cuidado.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.