Como Dar uma Estrela

Dar estrela é uma habilidade básica e comum da ginástica que irá fortalecer seu tronco e ajudar a chegar em movimentos mais avançados. Existem dois tipos básicos de estrela: a estrela lateral e a estrela frontal. Para fazer uma estrela lateral, você começa e termina olhando na mesma direção. Esse tipo de estrela é mais fácil para iniciantes, mas a estrela frontal, onde você começa olhando para frente e termina olhando para trás, é a estrela tradicional que você irá ver na ginástica artística, por exemplo. Se você quer saber como dar estrelas, siga estes passos simples.

Preparando-se

  1. Alongue-se. É importante alongar seus músculos antes de tentar a estrela, ou você pode ter uma distensão ou luxação. Para se preparar para a estrela, alongue seus pulsos, tornozelos e músculos das coxas se sentando com as pernas abertas e esticando as mãos para a frente, trazendo o tronco para junto do chão. Passe alguns minutos alongando os pulsos e esticando os dedos com as costas da mão viradas para você, movendo os tornozelos, ombros e pescoço em círculos, e você estará pronto.
  2. Veja se você tem espaço suficiente. Praticar em uma praia, na grama ou em um tatame irá lhe dar espaço suficiente para praticar o movimento. Também é melhor aprender em uma superfície macia, como um tapete ou carpete. Se sua única opção é praticar em casa, tire toda a mobília, fios e objetos pendurados; eles podem não só ficar no caminho, como deixar você com ansiedade demais para fazer tudo da maneira certa.
  3. Imagine uma linha reta no chão. Seus dois pés devem ficar na linha; durante a estrela, suas mãos ficarão na linha logo à frente do pé que você escolher para começar.

Estrela Lateral

  1. Fique na posição inicial apropriada. Fique olhando para o lado, ao invés de olhar para a direção da estrela. Afaste os pés apenas a distância do quadril e levante os braços para cima com as palmas das mãos viradas para a frente. Deixe seus ombros bastante firmes para que eles não cedam durante a estrela, mas prepare-se para dobrar os pulsos quando suas mãos fizerem contato com o solo.
  2. Decida se a estrela será para a direita ou para a esquerda. Essa decisão deve ser baseada no que parece mais confortável para você. Também tenha em mente que apesar de você ter tendência a ir na direção da sua mão dominante, essa decisão não tem a ver necessariamente com o fato de ser destro ou canhoto.
  3. Aponte um pé na direção para onde será a estrela. Deixe o outro pé virado para fora para ter maior equilíbrio.
  4. Olhe para o ponto onde você irá colocar as mãos. Isso ajudará a controlar sua mira e evitar que você fique desorientado.
  5. Ponha seu pé inicial no chão na sua frente à medida que você começa a virar o corpo de cabeça para baixo. Se você começou com o pé esquerdo, leve seu braço para baixo até que sua mão toque o chão logo depois do local para onde seu pé esquerdo está apontado. Enquanto seu primeiro braço desce, sua outra perna deve subir. O pé que você usou para começar deve subir por último, à medida que você ganha impulso. Sua segunda mão irá para o chão logo depois da primeira, na mesma distância dos ombros.
  6. Ponha sua segunda mão no chão e erga suas pernas. Chute com força para que as pernas saiam do chão. Você apoiará seu peso nos seus braços, usando seus ombros e tronco como suporte (igual a uma parada de mão), com suas pernas no ar em forma de V ou abertas. Lembre-se que você não precisa ficar nessa posição - a estrela não deve levar mais de 3-4 segundos para ser feita, então seu corpo não precisará ficar parado nessa posição, e ainda irá para a frente. Não é tão difícil quanto parece.
    • Suas mãos devem ficar retas, firmes e dando equilíbrio.
    • Deixe seus quadris acima dos joelhos, mantendo o corpo reto.
  7. Ponha o pé não-dominante no chão. Quando a mão com a qual você começou o movimento for sair do chão, a perna oposta deve ficar logo depois da sua outra mão na linha imaginária. Uma vez que seu pé estiver firme no chão, sua segunda mão irá se erguer do chão e sua outra perna irá para baixo. Tenha em mente que na medida que você leva cada perna de volta para o chão, você precisa dobrar um pouco o joelho correspondente.
  8. Lembre-se da regra básica para a estrela lateral: mão, mão, pé, pé. Você deve colocar no chão uma mão, depois a outra, depois um pé e por fim o outro. Essa é a fórmula básica da estrela.
  9. Pratique. Pratique a estrela o máximo que puder. Você precisará de trabalho duro e persistência para que ela fique perfeita, mas isso será possível se você se esforçar o suficiente. Depois de dominar a estrela lateral, você pode usá-la para aprender a fazer a estrela frontal. Algumas pessoas até começam já aprendendo a estrela frontal, que é um movimento padrão na ginástica artística, mas é um pouco mais difícil.

Estrela Frontal

  1. Prepare a posição inicial. Fique com os braços retos levantados acima da cabeça com as palmas das mãos apontadas para a frente. O pé que você colocar para frente será o pé inicial da estrela, então escolha o que você achar mais confortável. Ao inclinar o corpo para frente, ele deve ficar em linha reta das mãos até o calcanhar.
  2. Imagine uma linha reta saindo do seu pé inicial. Isso lhe ajudará a guiar suas mãos e pés. À medida que você se prepara para a estrela, você pode girar seus ombros um pouco para o lado ao invés de deixá-los retos para a frente.
  3. Ponha seu pé inicial no chão na sua frente à medida que você começa a virar o corpo de cabeça para baixo. Comece sua estrela com o braço que está acima da perna dianteira. Por exemplo, se você colocou o pé direito para frente, leve seu braço direito para o chão até que a mão esteja no chão, a uma distância razoável à frente do seu pé direito. À medida que você baixa a mão direita, a perna esquerda começa a subir (ou vice-versa). Chute a perna traseira para cima e empurre com a perna dianteira para dar suporte.
  4. Leve a outra mão para o chão alguns centímetros depois da primeira mão, em cima da linha imaginária. Para se preparar melhor para a segunda metade do movimento, tente se certificar de que sua primeira mão está perpendicular à linha imaginária, e a segunda paralela à linha com os dedos apontando para a primeira mão. Enquanto o segundo braço desce, a perna dianteira sobe.
  5. Abra as pernas no ar. Depois de estar com as duas mãos no chão, você apoiará seu peso nos seus braços, usando seus ombros e tronco como suporte (igual a uma parada de mão), com suas pernas no ar em forma de V ou abertas. Lembre-se que você não precisa ficar nessa posição - a estrela não deve levar mais de 3-4 segundos para ser feita, então seu corpo não precisará ficar parado nessa posição, e ainda irá para a frente. Não é tão difícil quanto parece.
    • Para o resto do movimento, pode ajudar imaginar a saída da estrela como a tentativa de sair de uma parada de mão.
  6. Use seus braços para sair do chão dando impulso. É aqui que estar com a segunda mão virada ajuda. À medida que você pega impulso, desça suas pernas esticadas.
  7. Deixe seu corpo reto novamente à medida que suas pernas descem. Você deve agora ter seus braços acima da cabeça e estar de frente para o local onde você começou.
  8. Ao colocar as pernas no chão, dê um pequeno pulo para trás. Isso ajuda a manter o equilíbrio e dá à sua estrela uma bela finalização. Seu pé dianteiro deve estar a uma distância confortável do pé traseiro, e o joelho dianteiro deve estar dobrado.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.