Como Lidar Com Pessoas Que Te Ignoram

Infelizmente, ser ignorado faz parte da vida. Todos nós passamos por isso em algum momento. É fácil se sentir magoado ao ser ignorado por alguém, mas geralmente existe uma imagem maior que talvez não esteja vendo. Ele é apenas humano, como você — é importante tratá-lo dessa forma.

Resolvendo a situação com a outra pessoa

  1. Reflita sobre suas ações recentes. Isso pode ser um desafio para muitas pessoas, pois elas não querem admitir que erraram ou sequer notam que fizeram algo para ofender outra pessoa.
    • Prepare-se para se desculpar assim que perceber ter feito algo errado. Mesmo que a outra pessoa pudesse ter agido de forma mais cortês, é sempre melhor mostrar que você está acima disso.
    • Pratique diferentes técnicas de meditação, caso você tenha dificuldades para refletir.
  2. Faça-a falar. Convide a pessoa para uma conversa. Se estiver tentando ignorá-lo e você a convidar para uma conversa em público, ela talvez se sinta mais forçada a participar. A maioria das pessoas não quer ser vista em público ignorando outras.
  3. Seja gentil. Se perceber que você está fazendo um esforço, ela pode querer um novo diálogo. Agir de forma rude apenas criará uma barreira maior e mais complicada.
  4. Escolha um horário para conversar. Planeje um momento em que vocês estejam livres. Se o tempo for inoportuno, a outra pessoa talvez fique ainda mais frustrada.
  5. Pergunte por que está sendo ignorado. Às vezes, as pessoas nem sequer percebem que estão ignorando alguém. Ser sincero e direto com ela pode dar a você informações preciosas. Não seja excessivamente rude ao confrontá-la.
  6. Expresse os seus sentimentos. Isso pode ser difícil, mas abrir-se para essa pessoa pode resolver todo o problema. Expor os seus sentimentos é um processo vulnerável e poderia até mesmo resultar em feridas emocionais. Revele-se, mas não conte absolutamente tudo.
  7. Não force o assunto. Algumas pessoas simplesmente precisam de um tempo longe de você. Pode ser bastante útil evitar uma discussão e, em seu lugar, optar por uma conversa relaxada.
  8. Não seja barulhento ou grite. Criar um confronto tenso apenas estenderá o período de turbulência com ela.
  9. Peça ajuda de terceiros. Tente passar a mensagem através de outra pessoa. Às vezes, você simplesmente não consegue contatar quem o está ignorando. Em certas situações, pode ser bastante útil ter a ajuda de uma terceira pessoa para solucionar o problema. Escolha alguém que tenha amizade com vocês dois, mas que seja neutro. Você sempre pode usar um conhecido próximo para ajudar a resolver as coisas, caso estejam dispostos.

Sabendo quando deixar para lá

  1. Não leve para o lado pessoal. A maioria das pessoas se depara com alguém que passa a ignorá-las; tire o poder dessa grosseria e não mostre que isso o afeta. Torne isso um problema delas, não seu.
  2. Concentre-se na jornada, não na barreira. Esse nem sempre é o passo mais fácil, mas ao passar tempo trabalhando em seus objetivos pessoais, as opiniões e ações dessa pessoa com relação a você deixarão de ser importantes. Pense nelas como barreiras metafóricas que não necessariamente estão no seu caminho, mas existem.
  3. Ignore-a também. Se ela não quer se associar com você por diversas razões, tampouco tenha qualquer associação com ela. Ao ignorá-la, ela talvez passe a notar mais as suas atitudes. Essa também é uma ótima forma de manter a calma. Mesmo que você se sinta despedaçado por dentro, saiba que essa pode se mostrar uma solução eficaz com o tempo.
  4. Dê espaço. Algumas pessoas simplesmente precisam passar um tempo longe dos amigos. Talvez não se trate de algo justificável, mas muitas delas simplesmente o ignorarão se quiserem fazê-lo. Essa talvez seja a situação mais dolorosa e frustrante na qual estar, mas tente dar tempo a elas.
  5. Não force a mudança. Você nem sempre pode mudar o humor de alguém com educação, se a pessoa estiver disposta a ser rude. Às vezes, o melhor a se fazer é esperar até que ele descubra o que realmente quer por conta própria.

Construindo a autoconfiança

  1. Faça várias listas. Tente passar tempo desenvolvendo três listas: as suas forças, as suas conquistas e algo que você admira em si mesmo. Caso queira, pode pedir a um familiar que o ajude com esse exercício. Guarde a lista em um lugar seguro e leia-a sempre que sentir-se triste.
  2. Mantenha uma boa higiene pessoal. É importante que esteja cuidando de si mesmo. Preste atenção ao corte de cabelo, ao comprimento das unhas e aos dentes.
  3. Limpe o seu espaço. Você ficará surpreso ao ver o quanto a sua saúde mental pode melhorar em um ambiente limpo e organizado. Concentre-se no cômodo. Você pode até mesmo pedir a ajuda de alguém para reposicionar os móveis.
  4. Pratique um hobby. Envolva-se com uma atividade como pintura, música, poesia ou dança. Concentrar-se em atividades artísticas aperfeiçoa a sua autoexpressão e fortalece o seu senso de habilidades. Como resultado, você terá interações mais positivas com outras pessoas.
  5. Faça uma contribuição. Participar de uma organização voluntária dentro de sua comunidade pode ser uma experiência muito positiva. Fazer a diferença desenvolve a opinião positiva que você tem de si mesmo.
  6. Reconheça as suas criações. Muitas inseguranças relativas a outras pessoas surgem de nossa autoestima. Tente separar os seus sentimentos da realidade da situação. Isso não será fácil porque geralmente somos seres emocionais, mas tente ver as circunstâncias com um ponto de vista não tendencioso. Você poderia tentar fazer diferentes exercícios de escrita para ajudar as ideias a fluírem.
  7. Procure ajuda profissional. Se ainda tem dificuldades ao ser ignorado por alguém, há aqueles que podem ajudar. Terapeutas ou conselheiros estudantis auxiliam pessoas nessa situação o tempo todo. Você pode começar procurando ajuda de um conselheiro em sua própria escola, sem custo algum.

Desenvolvendo amizades mais fortes

  1. Mantenha os amigos que tem. Aqueles que tinha antes de ser ignorado provavelmente ainda serão seus amigos, certo? Se as coisas ficarem estranhas porque se envolveu com outras pessoas, apenas seja honesto.
    • Faça uma atividade que todos apreciem.
  2. Revele-se. Compartilhe os medos, as falhas e as inseguranças em seu interior. Ser vulnerável é difícil quando você está com alguém, mas pode criar um laço bastante próximo entre as pessoas. Vocês podem até mesmo fazer uma troca de experiências e contar um para o outro as situações difíceis que vivenciaram no passado.
  3. Mantenha abertas várias linhas de comunicação. Quanto mais canais de comunicação tiver, melhor. No mundo atual, pode ser difícil manter-se em dia com todas as formas de comunicação existentes. De vez em quando, dê uma olhada rápida em redes sociais e passe o seu telefone para os amigos.
  4. Torne o seu contato valioso. Definitivamente, não há problema algum em telefonar para um amigo apenas para falar com ele. Tente pedir conselhos sérios ou apenas compartilhe algo importante que tenha acontecido recentemente com você.
  5. Torne-se disponível. Se um amigo estiver passando por algo, você deve separar tempo para ele. Ninguém gosta de amizades de mão única. Se você tem planos, tente encontrar janelas de horário ou adie-as avisando de um imprevisto importante.

Dicas

  • Não se frustre e faça uma cena. Esse tipo de episódio não é bom, pois passa a impressão de que é você quem tem problemas, mesmo que esteja apenas frustrado.
  • Às vezes, pode ser que o problema não seja culpa sua. Talvez, a pessoa apenas queira um tempo para ficar sozinha. Ou, ainda, talvez não gostou tanto de você e pode estar feliz por estar fora de sua vida. Não tente se forçar, o você acabará causando danos a si mesmo e às pessoas ao seu redor. Entenda a situação e não tente unir esses laços novamente. Há sete bilhões de pessoas no mundo apenas esperando por você!
  • As pessoas ignoram outras por diversas razões, mas o importante a se lembrar é que é preciso seguir adiante e fazer novas amizades.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.