Como Decidir se Comprará Ações Individuais ou Fundos Mútuos

Ações são o lugar certo para colocar o seu dinheiro a longo prazo. Mas será que você deve comprar ações individuais ou fundos mútuos? As seguintes considerações podem ajudá-lo a se decidir.

Passos

  1. Pergunte a si mesmo se você tem tempo para pesquisar ações. Se você deseja colocar tempo e energia para aprender sobre análise de segurança e aplicá-la à pesquisa individual de ações, e gastar algum tempo monitorando seus capitais, escolha as ações individuais. Mas se você não tem tempo ou inclinação para isso, compre fundos mútuos; investimentos passivos através de fundos indexados são, provavelmente, sua melhor opção.
  2. Considere os custos operacionais. Quantas operações no mercado de ações você faz por ano? Qual é o volume médio das suas operações no mercado de ações? Você pode comprar ações individuais com um custo operacional menor do que R$ 20,00, através de um corretor de ações. Fundos mútuos, por outro lado, têm 3 custos principais: cargas (taxas cobradas quando você compra ou vende um fundo mútuo), despesas operacionais anuais (taxas cobradas como uma porcentagem do seu investimento total), e turnover (spreads, comissões de corretores e ganhos capitais incorridos por administradores de fundos mútuos quando transferem seu portfolio e que são passados aos seus investidores de fundo mútuo). O turnover é um custo escondido, que é estimado em 1,24% do ativo para cada 100% de turnover. Por exemplo, se você investir R$ 200.000,00 num fundo mútuo que cobra 5% de carga, 1% de despesas operacionais e que tem 100% de turnover anual, você pagaria R$ 10.000,00 pela carga, investindo apenas R$ 190.000,00 no fundo, e a cada ano as despesas operacionais e o turnover lhe custariam R$ 4.456,00, os quais você não vê, porque estas taxas são automaticamente deduzidas do valor líquido de ativo do fundo mútuo. Como as taxas cobradas em um fundo mútuo são uma porcentagem dos seus ativos, quanto mais dinheiro você tiver para investir, maior a probabilidade de que seria melhor se você estivesse investindo em ações individuais. Por outro lado, se você tende a fazer operações no mercado de ações frequentemente e paga a corretores, como comissão, uma porcentagem do seu investimento significativamente maior do que as despesas operacionais anuais cobradas por um fundo mútuo, você provavelmente estará melhor investindo em fundos mútuos.
  3. Considere quanto investir. Geralmente, para obter diversificação adequada, você precisa investir somas aproximadamente iguais em, pelo menos, 10 ações diferentes. Para um corretor barato que cobra R$ 6,00 por operação, isso significa R$ 60,00 em comissões.
    • Se você tem menos de R$ 1.000,00 para investir, não considere fundos mútuos ou indexados. Escolha dentre aqueles que cobram a menor taxa de despesas e que tenham o menor turnover. Por exemplo, investir R$ 1.000,00 em um fundo indexado do mercado de ações sem cobrança de carga, que cobra 0,18% de despesas operacionais, e tenha um turnover anual de 4,5%, lhe custará apenas R$ 2,36 por ano em taxas (calculadas como (0,0124*0,045 + 0,0018*R$ 1.000,00), e R$ 23,60 após 10 anos. Isso é muito menos do que você pagaria em comissões comprando ações individuais.
    • Se você tem mais de R$ 20.000,00 para investir, ações individuais são provavelmente o melhor. O fundo indexado de baixo custo mencionado acima lhe custará R$ 47,16 por ano, e R$ 471,60 após 10 anos, o que é significativamente maior do que os R$ 60,00 que você pagaria em comissões para construir um portfolio diversificado de 10 ações individuais.
    • Se você tem entre R$ 1.000,00 e R$ 20.000,00 para investir, aposte entre ações individuais e fundos mútuos; faça sua escolha baseado em suas preferências.
  4. Considere quanto controle você necessita ter sobre seu investimento. Se você prefere ter controle sobre quais ações possuir e quando comprar e vender, escolha ações individuais. Se você prefere delegar compra e venda, e confiar as decisões a um administrador profissional de finanças, escolha os fundos mútuos.
  5. Considere quanta diversificação você necessita para se sentir confortável. Se você é paciente o suficiente para construir seu portfolio através do tempo, até obter 10 a 30 diferentes ações, e você está disposto a aceitar alguns riscos empresariais específicos, escolha as ações individuais. Por outro lado, se você prefere diversificação instantânea e riscos empresariais específicos mínimos, escolha os fundos indexados, que controlam centenas, senão milhares, de ações diferentes.
  6. Considere a facilidade de execução. Ações individuais são fáceis de vender online durante um dia útil, enquanto os fundos mútuos podem ser comprados apenas ao final do pregão, quando o valor de ativo líquido (VAL) do fundo é computado.
  7. Considere sua estratégia de investimentos. Fundos mútuos permitem que você faça uma retirada mensal automática de sua conta bancária por apenas R$ 100,00 por mês, o que lhe permite investir regularmente, como no dollar-cost averaging (DCA). Muitos fundos mútuos permitem reinvestir dividendos. Comprar ações individuais através de corretores, por outro lado, toma mais esforço de sua parte. Se você prefere aspectos do fundo mútuo como o investimento sistemático do tipo DCA e reinvestimento de dividendos, mas prefere ações individuais baseado nas outras considerações, você pode ter o melhor de ambos investindo em Planos de Compra Direta de Ações (PCDA) oferecidos por muitas empresas. Veja como comprar uma ação sem um corretor.
  8. Decida se a propriedade em empresas reais é importante para você. Comprar ações individuais lhe dá uma parcela de propriedade das empresas, enquanto adquirir fundos mútuos não lhe confere direito de propriedade das ações individuais. Como dono de uma fatia, é permitido a você comparecer às reuniões anuais de acionistas e participar nas decisões corporativas. Comprar ações diretas também garante as vantagens de ser um acionista, oferecidas por muitas empresas.

Dicas

  • Se você ainda não conseguiu se decidir, saiba que ações ou fundos mútuos não devem ser uma decisão simples. Você pode investir em ambos, dando melhor diversificação, e permitindo que experimente cada um para descobrir qual método de investimento funciona melhor para você.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.