Como Escrever Uma Carta de Nomeação

As cartas de nomeção são usadas para ajudar os comitês a escolherem os indivíduos para receber um prêmio, posição, bolsa de estudos ou algum outro prêmio. Compreender como uma carta dessas deve ser escrita pode levar tempo, mas é importante mantê-la focada, detalhada e organizada para que a sua nomeação se destaque das demais.

Passos

  1. Saiba tudo o que puder sobre a nomeação em si. As nomeações podem ser para uma posição, bolsa de estudos ou um prêmio. É importante reunir o máximo de informações que puder sobre ela para poder criar uma situação mais forte para o seu candidato. Quais são os critérios para a nomeação de alguém? Quais características os revisores estão procurando? Como eles vão escolher o vencedor? Qual é o prazo? Existe uma organização patrocinadora? Quem ganhou no passado?
  2. Identifique a pessoa que você gostaria de nomear. Você já deve ter uma pessoa em mente para essa nomeação. Caso não tenha, comece a pensar em potenciais candidatos. Faça uma lista com os nomes de quem manifestar as qualidades que os revisores buscam para recompensar.
  3. Compile uma lista de razões pelas quais o candidato deva ser selecionado. Os motivos podem incluir exemplos, histórias, ilustrações e estatísticas sobre o trabalho da pessoa. É importante que você seja o mais específico possível em sua carta de nomeação. Dê vida a essa pessoa, ajude os revisores a visualizá-la.
    • Obtenha uma cópia do currículo ou CV do candidato. Isso pode lhe fornecer informações sobre o seu passado que você ainda não sabe, além de servir como um ponto de partida para a sua escrita.
    • Fale com o candidato para saber mais sobre ele. Ele pode surpreendê-lo com outras informações sobre a sua formação e experiência.
    • Pergunte mais informações a outras pessoas. Converse com elas pessoalmente ou peça para lhe enviarem um e-mail. Pergunte se elas têm uma história ou um exemplo que possam compartilhar.
  4. Encontre um tema. Escreva a sua carta de nomeação em torno de uma ideia central; isso ajuda os revisores a acompanharem o caso. Outro ponto positivo é que isso ajuda com que eles lembrem da sua nomeação, pois tudo irá apontar para um único tema, em vez de um monte de informações desconexas.
  5. Escreva o primeiro esboço da sua carta de nomeação. Dê uma olhada na lista de razões que você reuniu para nomear essa pessoa. Inclua as histórias, exemplos e estatísticas relacionadas ao seu tema.
    • Mantenha a organização. Ordene as informações de uma maneira que faça sentido e seja fácil de seguir. Use tópicos quando for apropriado. Se necessário, liste as suas razões como se fossem cabeçalhos e inclua exemplos apropriados em cada seção.
    • Pratique uma boa escrita. Varie a estrutura da frase, formate o texto em parágrafos e use uma linguagem atraente.
    • Use exemplos concretos. Quanto mais específico e detalhado puder ser ao compartilhar uma história específica, melhores são as chances do comitê de revisão lembrar da sua nomeação. Mantenha os exemplos concisos, mas detalhados.
  6. Edite a sua carta. Leia e verifique se há erros ortográficos e gramaticais. Garanta que o formato seja coerente e organizado. Peça para outras pessoas darem uma lida também; elas serão capazes de fornecer mais comentários objetivos, além de uma perspectiva diferente.
    • Tenha o cuidado de escrever o nome do candidato corretamente e listado o título apropriado dele. Escrever o nome ou o título errado é constrangedor para você e para o candidato, e dá ao corpo decisório a impressão de que afinal você não conhece tão bem o seu candidato.
    • Mantenha a sua carta de nomeação menor que duas páginas. Algo maior que isso é improvável de ser lembrado de uma forma positiva.
    • Certifique-se de que tudo esteja relacionado com o tema que você escolheu. Mais uma vez, esta mantém tudo unificado.
    • Verifique se você atende aos critérios para a carta de nomeação. Evite desqualificações imediatas devido a não seguir as orientações.
  7. Faça as alterações finais. Decida o que você precisa cortar, modificar e o que pode adicionar. Leve as ideias e sugestões dos outros em consideração. Em seguida, envie através das orientações fornecidas pela comissão.

Dicas

  • Leve o tempo que for necessário. Escrever uma forte carta de nomeação leva tempo e prática. Não tente concluí-la em 20 minutos. Escreva e reescreva até que sua carta se encaixe em todos os critérios e esteja livre de erros.
  • Tente novamente se o seu candidato não for selecionado. A maioria das bolsas de estudos e prêmios são dados em uma base regular. Dê uma segunda olhada em sua carta de nomeação e faça tudo o que puder para torná-la mais forte.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.