Como Desenvolver o Cérebro do Seu Bebê

Um bebê é uma das máquinas de aprendizagem mais perfeitas da natureza. Com alguma perspicácia, você pode estimular e alegrar o seu bebê. Aqui vão algumas formas de desenvolver o cérebro dele.

Passos

  1. Entenda que bebês são projetados para aprender. Atividades comuns como dar comida, trocar fralda, cantar, levar para passear no carrinho ou dar beijos, todas são educativas. Você não precisa fazer atividades diferentes das naturais ou focar intensamente em "atividades educacionais" para que haja benefícios.
  2. Cuide do bebê. Um bebê precisa estar de barriga cheia, fralda limpa, num ambiente confortável e cercado de amor para crescer o melhor possível.
  3. Converse com o bebê. Narre todas as suas atividades (fazer uma xícara de chá, trocar fralda, olhar a caixa de correio. Fale da forma como preferir; pais costumam ter uma entonação diferente ao conversar com seus bebês, e ela pode ajudar a estimulá-los. Leia um livro com ele.
  4. Cante para o bebê. Cante canções de ninar, jingles da TV, suas músicas favoritas.
  5. Brinque com o bebê. Brincadeiras clássicas como "Achou!", beijar a barriga do bebê ou rolar uma bola um para o outro são ótimas. Dance com o bebê no colo.
  6. Saia de casa. Uma volta de carrinho pode ser muito estimulante, conhecer lugares novos como o correio, a praça e por aí vai.
  7. Alongue e massageie. Bebês amam mexer o corpo. Aprenda a fazer massagem e yoga para bebês, que poder ajudar a acalmar, revigorar e estimular. Mas simplesmente mover um bebê de forma que o agrade (como bater palmas, brincar de aviãozinho ou de "Serra-serrador") é um ótimo exercício, e massageá-lo com óleo é ótimo para o desenvolvimento tátil.
  8. Providencie uma estação de brincadeiras. Costumam ser as favoritas dos bebês recém nascidos até um ano. Consistem principalmente de tapetes macios, às vezes cercados nas bordas com um espaço no meio para o bebê. Pode haver partes penduradas para os bebês pequenos tentarem agarrar. Normalmente há partes com texturas enrugadas, macias ou onduladas para o bebê tocar, apertar e acariciar. Algumas vêm com luzes brilhantes que piscam, sinos e outras fazem barulhos divertidos ou tocam música e algumas fazem tudo isso.
  9. Olhe em volta. Bebês ficam fascinados com coisas nas quais adultos nem prestam mais atenção. Carros passando pela janela, aquários, árvores balançando ao vento, roupas girando na secadora.
  10. Escolha os brinquedos apropriados para a idade. Certifique-se de que o brinquedo é apropriado para o bebê. Um bebê de 4 meses pode achar um espelho fascinante, mas um de 6 dias não vai conseguir vê-lo direito e um de um ano vai ficar entediado com ele. Normalmente, brinquedos educacionais têm a faixa de idade na embalagem. Certifique-se de que o brinquedo é seguro, apropriado e está limpo.
  11. Repita tudo que você ensinar para o bebê. Quanto mais você repetir coisas do tipo mostrar para o bebê como se aperta uma bola, mais rápido as conexões entre neurônios vão se formar. Logo se conclui que quanto mais interação positiva você oferecer a um bebê, mais você ajuda a estimular o cérebro. Esse estímulo faz com que novas conexões formem novos caminhos neurológicos e fortaleçam os já existentes. Mas assim que o bebê parecer entediado, pare.
  12. Se divirta com o bebê. No geral, tudo que o bebê achar divertido deve ser estimulante e educacional. Não se preocupe se o bebê está ou não aprendendo; se ele está feliz, está aprendendo algo importante.
  13. Saiba a hora de parar. Se o bebê começar a se agitar, chorar o parecer entediado, é hora de parar. Ansiedade, fadiga ou necessidades físicas interferem no aprendizado. Se o bebê não estiver feliz, é hora de mudar para outra coisa.
  14. Ensine uma segunda língua para o bebê. O conhecimento de uma segunda língua trás muitas vantagens e é melhor se começar até os 3 anos, quando a criança aprende sons novos com maior facilidade.

Dicas

  • Escolha brinquedos interativos, que o bebê possa manipular. Evite brinquedos que toquem músicas divertidas, mas não exijam muita ação do bebê.
  • Bebês são naturalmente atraídos a objetos coloridos, de formato grande e brilhantes, e que façam barulhinhos como de chocalhos ou sininhos.
  • Compre brinquedos para uma faixa etária acima da do seu bebê.

Avisos

  • Evite DVDs, vídeos ou programas de TV infantis. Eles não promovem aprendizado natural e saudável.
  • Engasgar é um risco sério em brincadeiras infantis. Um item que passe dentro de um rolo de papel higiênico não é seguro para um bebê. Certifique-se de que todos os brinquedos foram feitos para bebês, não tenham partes pequenas removíveis e estão em boas condições .
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.