Como Cuidar de uma Tartaruga de Caixa

Tartarugas de caixa são pequenas tartarugas terrestres que podem fechar completamente o casco. Elas são criaturinhas fascinantes e independentes e só podem ser criadas por adultos ou crianças muito responsáveis. Suas necessidades são complexas e -- sendo répteis -- não gostarão de carinho ou interação forçada, como cachorrinhos e gatinhos gostariam. Mas se quiser levar para casa essa criaturinha encantadora e cascuda, então você precisa saber como e quando cuidar dela. Se quiser começar, então siga para o Passo 1.

Consiga uma Tartaruga de Caixa

  1. Pegue sua tartaruga em um grupo de resgate local ou sociedade de répteis. Faça uma busca na internet para encontrar algum na sua área ou confira com o departamento de biologia de uma universidade próxima. Há um monte de répteis rejeitados que precisam de um bom lar. Não as compre de pets-shop, especialmente porque algumas obtêm as tartarugas através do incentivo a "coleta" ilegal ou invasão de pântanos e outros habitats de tartaruga.
    • As pets-shop vendem quase exclusivamente tartarugas capturadas no habitat natural e, ao contrário, você deve procurar por criadores e revendedores em sites de boa reputação ou conferir em organizações de resgate que tenham animais que precisem de um bom lar.
  2. Encontre um bom veterinário de répteis. Para isso você pode perguntar nas sociedades de répteis ou buscar na internet. A maioria dos veterinários não sabe muito sobre répteis ou outros animais "exóticos" porque a maior parte dos seus estudos é concentrada em mamíferos. Evite ir a um veterinário geral, não especialista em répteis, quando sua tartaruga tiver problemas. Cães e gatos são o "pão com manteiga" da prática veterinária, então um veterinário com bastante conhecimento sobre répteis, conseguiu isso como um "trabalho de amor" e ele vale seu peso em ouro. Leve a tartaruga ao veterinário uma vez ao ano se estiver saudável ou quando achar que ela está doente.
  3. Decida se quer cuidar das suas tartarugas dentro ou fora de casa. Há benefícios em cada. Se cuidar das suas tartarugas dentro de casa, você pode mantê-las em um grande aquário de vidro, o que pode ser mais fácil de dar manutenção. Se cuidar delas do lado de fora, você precisará fazer um grande cercado de madeira (ou comprar um). Cuidar dentro de casa é mais fácil, pois você não terá que ir lá fora ou se preocupar com coisas como temperatura ou outros animais ou coisas que possam afetar sua tartaruga. Embora as tartarugas estejam acostumadas a ficar na natureza e podem ficar um pouco mais felizes do lado de fora.
    • Mesmo se você decidir cuidar da sua tartaruga na área externa, você não deve deixá-la andar livremente pelo seu jardim. Isso é muito perigoso e a deixará vulnerável a ataques de outros animais.

Faça um Lar para sua Tartaruga

  1. Crie um cercado externo para sua tartaruga. Faça o cercado de tartaruga com no mínimo 1,20 por 1,80 para cada tartaruga; maior para mais tartarugas. Use tábuas lisas de madeira de cerca de 30,5 centímetros de largura. No alto de cada canto, prenda um pedaço triangular de madeira que ligue cada lado. Isso fornecerá estabilidade extra para as paredes e fornecerá uma "lingueta" sobre a qual a tartaruga não poderá escalar. Elas sempre tentam escalar pelos cantos para fugir!
  2. Ou então considere fazer um cercado interno para sua tartaruga. Se quiser seguir o caminho do aquário de vidro, então você deve ter um aquário raso que tenha pelo menos 150 litros de tamanho. Você também pode fazer um cercado de compensado ou concreto. As paredes devem ser adequadamente altas para que assim as tartarugas não rastejem para fora. Elas dever ser suficientemente altas -- pelo menos 60 centímetros -- assim, você não precisará de uma tampa. Se tiver que usar uma tampa, certifique-se de que há ventilação para que a tartaruga respire. Ao invés de um aquário de vidro, você também pode tentar uma caixa de plástico. Essas caixas de plásticos ou madeira podem ser melhores, pois as laterais são opacas, assim sua tartaruga não ficará assustada ou estressada devido a toda atividade que ela vê no recinto em que está.
    • Alinhe a base do habitat com um revestimento como areia e solo ou lascas de madeira misturada com turfa. Isso é conhecido como substrato úmido. Se o substrato for mais seco, a pele da sua pobre tartaruga pode rachar.
    • Tenha uma lâmpada incandescente de 75 a 100 watts em um canto da caixa. Tartarugas precisam de luz para se manter aquecidas. Se a temperatura ambiente normalmente for de 23-26 graus, então você pode não precisará de uma lâmpada, mas coloque a caixa perto de uma janela assim a tartaruga pega um pouco de luz solar por pelo menos 2-6 horas por dia, sempre deixando-a com a opção de sair do sol.
    • Tanques podem ser mais difíceis para limpar que cercados de madeira, então seja diligente quando for a hora da limpeza.
  3. Tenha o substrato correto. O substrato é o que deve estar no fundo do cercado e isso deve dar a umidade e cuidado necessários. Para tartarugas em área externa, você pode usar uma mistura de solo e folhas, certificando-se de que suas tartarugas tenham espaço para entrar e se esconder e de que haja bastante solo para hibernação. Você terá que trocar o solo em volta da piscina assim que ele ficar molhado, evitando o risco de congelamento (se houver esse risco na sua região). Para tartarugas criadas em área interna, você pode usar granulado para coelho e misturar o substrato diariamente para mantê-lo aerado. Você também pode usar lascas de madeira ou substrato de répteis, se não quiser fazer seu próprio substrato
    • Assegure-se de umidificar o cercado diariamente para manter sua tartaruga úmida.
  4. Limpe o cercado regularmente. Não importa se está cuidando da sua tartaruga de caixa em área interna ou externa, é importante manter o ambiente limpo. Você tem que ficar comprometido com a limpeza do revestimento pelo menos uma vez por semana. Limpe a vasilha de água diariamente e depois limpe todo o habitat uma vez ao mês, usando detergente para louças misturada com algumas gotas de alvejante (só tenha certeza de que o sabão é sem amônia). Remova a tartaruga antes de limpar e certifique-se de que a mistura de sabão foi completamente removida antes de colocar a tartaruga de volta, para que assim os produtos químicos do sabão ou do alvejante não a machuquem.
  5. Monte a paisagem do cercado da tartaruga. Encha o cercado com plantas comestíveis como menta, grama comum ou ervas culinárias como tomilho ou cebolinha. Faça um playground de aventura com pequenos galhos para escalar, vasos de flor para se esconder, pedras para se aquecer ao sol e, é claro, uma vasilha de água para mergulhar e beber. Parte do cercado precisa de sol direto (especialmente no começo da manhã, para que sua tartaruga pegue sol e se aqueça para então ter vontade de comer) e parte precisa ter sombra. Tartarugas apreciam receber diariamente um monte de grama cortada umedecida; elas gostarão de se entocar e dormir lá.
    • Você pode fazer isso tanto se cuidar da sua tartaruga dentro ou fora de casa.
  6. Dê à sua tartaruga bastante água. Essas tartarugas amam entrar na água, então certifique-se de ter uma pequena piscina para ela brincar. Limpe a água diariamente. Se a tartaruga estiver dentro de casa, então você deve colocá-la na água todos os dias para evitar que ela se sinta tão seca. Elas não são as maiores nadadoras do mundo, mas se estiverem em um ambiente externo, você deve fazer um grande poço para elas nadarem. Algumas amam nadar por mais de uma hora todos os dias, enquanto outras preferem atravessá-la -- ela são como as pessoas.
    • Certifique-se de manter a água morna.
    • A área da água deve ter uma saída fácil.
    • Coloque a água em um prato, panela, vidro ou tigela, certifique-se de que tenha pelo menos 5 centímetros de profundidade, profundidade suficiente para a tartaruga entrar completamente, mas não tão fundo que dificulte a natação.

Cuide da sua Tartaruga

  1. Alimente sua tartaruga regularmente. Tartarugas adultas precisam comer 3 ou mais vezes por semana enquanto as jovens precisam comer regularmente. Tartarugas devem ser alimentadas pela manhã e precisam comer uma mistura de frutas, vegetais e proteínas (50-75% da dieta de uma tartaruga jovem deve ser constituída de proteína; enquanto tartarugas adultas precisam de 10-20% da dieta em proteína). Todas as frutas devem ser lavadas ou descascadas. Você também precisa se certificar de que sua tartaruga tenha bastante vitamina A. Aqui estão algumas comidas que as tartarugas amam comer:
    • Proteína: caramujos, lesmas, gafanhotos, minhocas, grilos, camundongos, comida de cachorro enlatada, larvas de traças, cigarras ou tatus-bola.
    • Frutas: tomates, uvas, mangas, melões, figos, peras, morangos, ameixas pretas, nectarinas, framboesas e maçãs.
    • Vegetais: couve, repolho, espinafre, alface roxa, couve-china, acelga chinesa, batatas doces, cenouras, cogumelos, dentes-de-leão e abóboras.
    • Alimentos com vitamina A: camundongos, vegetais amarelos, folhas verdes escuras, comida coberta com carbonato de cálcio, lactato, citrato ou gluconato (dê a cada 2-4 semanas se a tartaruga já não come alimento o bastante com vitamina A).
      • Saiba o que fazer se sua tartaruga estiver teimosa e não quiser comer. Tente alimentá-la com comidas brilhantes, vermelhas, amarelas ou laranjas ou animais vivos para estimular seu interesse. Alimente suas tartarugas quando elas estão mais ativas, o que deve ser no começo da manhã ou fim da tarde. Você também pode tentar umidificar o habitat com água antes de alimentá-las.
  2. Forneça à sua tartaruga bastante luz do sol e calor. Suas tartarugas precisam de um tanto de luz solar direta para metabolizar vitamina D3 e para evitar deficiência de cálcio. A luz não será efetiva se for só a que passa através do vidro. É recomendado que suas tartarugas recebam o espectro completo de luz, por pelo menos 12-14 horas por dia, juntamente com outra fonte de luz/calor. O cercado interno não deve ter temperatura inferior a 15°C e deve se manter em cerca de 21-27°C durante o dia.
    • Desligue todas as luzes a noite, mas forneça calor extra através de fitas de calor ou tapetes aquecedores, se necessário.
  3. Saiba se sua tartaruga está doente. Se sua tartaruga estiver doente, você deve ser capaz de reconhecer que ela não está bem o mais rápido possível e depois deve levá-la ao veterinário. Aqui estão algumas coisas para ficar de olho:
    • Mudanças na alimentação ou comportamento por mais de 2 semanas.
    • Áreas cinzas ou esbranquiçadas no casco ou pele da tartaruga.
    • Amolecimento do casco.
    • Um casco seco ou descascando.
    • Pele seca, descascando ou transparente.
    • Pele com uma coloração avermelhada.
    • Secreção nasal.
    • Inchaços ou caroços, especialmente sobre o ouvido.
    • Espuma ou secreção nos cantos da boca.
  4. Prepare-se para o período de hibernação. Sua tartaruga de caixa vai querer hibernar durante um período aproximado de quatro a seis meses de clima frio, dependendo de onde você vive. Faça um check-up da sua tartaruga com o veterinário de répteis de confiança antes que ela hiberne. Seu veterinário é a melhor pessoa para esclarecer todas as suas dúvidas sobre a hibernação. Certifique-se de que sua tartaruga não sofra danos e que a água se mantenha morna durante esse período.
  5. Seja gentil com sua tartaruga. Tartarugas não gostam de muito manuseio, mas ainda assim você pode construir um relacionamento com ela sem tentar colocá-la no colo. Tartarugas podem morder se estiverem descontentes, e essas mordidas podem doer de verdade! Se você for calmo e cuidadoso com sua tartaruga, ela irá confiar em você e te amar. Venha sempre alimentá-la no mesmo horário, e não se atrase, assim você construirá uma rotina e seu bichinho escamoso favorito estará esperando por você. Quanto mais vocês se conhecerem, mais forte será o relacionamento entre vocês.
    • Se precisar segurá-la, não a deixe com os pezinhos debatendo no ar. Coloque uma mão abaixo dos seus pés para que ela se sinta segura. Preferencialmente, se divirta apenas vendo sua tartaruga de caixa comendo à distância. Ela geralmente será mais ativa de manhã e por volta do pôr do sol.
    • Algumas vezes elas gostam de comer em uma colher, mas não deixe sua tartaruga dependente disso.
    • Se você tem uma tartaruga dentro de casa, leve-a para fora em dias de sol aberto. Mas assegure-se de colocá-la em um cercado externo e fique de olho, pois ela pode fugir rápido! Isso deve alegrar sua tartaruga, mas certifique-se de não deixá-la ansiosa com a mudança.
    • Lave suas mãos antes e depois de manusear sua tartaruga ou as vasilhas dela. Mantenha você e sua tartaruga felizes e sem germes.

Dicas

  • Se sua tartaruga não comer, atraia-a com as duas comidas mais tentadoras para tartarugas: minhocas (as tartarugas são atraídas pelo movimento) e morangos (tartarugas amam esse cheiro).
  • Tartarugas de caixa são grandes escapistas. Verifique o habitat procurando por rotas de escapes, pois elas escalam e cavam. Você ficaria impressionado com a forma que escapam.
  • Dê cenouras para suas tartarugas.
  • Use luzes UVA e UVB se elas forem mantidas em um terrário.
  • Não mantenha sua tartaruga o tempo todo dentro de um terrário, a menos que ela esteja se recuperando de uma doença ou então se ela não puder hibernar e você tiver que cuidar dela dentro de casa por todo o inverno.
  • Encontre um veterinário de répteis experientes antes de pegar sua tartaruga.

Avisos

  • Lave suas mãos com sabão antibacteriano depois de manusear suas tartarugas ou trocar a água. As fezes delas podem conter salmonela e, a não ser que faça um exame em laboratório, você não terá como saber.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.