Como Evitar Bebidas Batizadas

Existem várias histórias sobre bebidas que foram batizadas com substâncias desconhecidas, e algumas delas infelizmente são verdadeiras. O ato de batizar uma bebida é feito com o objetivo de deixar o alvo desorientado, inconsciente, ou de diminuir as inibições dele. O propósito de fazer isso pode ser para poder realizar um assédio sexual, um roubo, e até mesmo em alguns casos pode ser uma tentativa de sabotar atletas antes de um jogo. Algumas das drogas colocadas em bebidas para causar sonolência ou até mesmo inconsciência incluem flunitrazepam, que é um sedativo, GHB (gama-hidroxibutirato), que é uma droga terapêutica neuroprotetora que pode causar inconsciência, e cetamina, um anestésico usado em animais. Se você tiver qualquer preocupação por estar sozinho ou por sentir que a situação parece estranha, é bom se manter alerta e limitar a quantidade de bebida consumida. A seguir estão algumas sugestões para lhe ajudar a identificar e evitar bebidas que tenham sido batizadas quando estiver em um evento social ou bar.

Passos

  1. Fique próximo ao serviço de bebidas. Se você receber uma bebida de alguém que acabou de conhecer ou mal conhece, fique no bar enquanto a bebida é pedida e servida. Você poderá ver o barman prepará-la e passá-la pelo balcão. Ou, peça que as bebidas sejam trazidas à mesa por garçons.
  2. Prefira garrafas ou latas lacradas ao invés de bebidas em copo. Se você não estiver com pessoas de confiança, beba de uma garrafa e veja a tampa ser removida pelo barman.
  3. Tampe a sua bebida. Se você receber uma bebida no copo, segure-a de uma maneira que sua mão cubra o topo do copo. Segurar com a palma da mão por cima do copo ao invés de segurar pelo lado fará com que seja mais difícil alguém derrubar qualquer coisa na bebida sem você notar.
  4. Sempre fique de olho na sua bebida. Não deixe sua bebida sozinha, não importa por quanto tempo. Dê o copo para um amigo cuidar ou termine de beber antes de ir à pista de dança ou ao banheiro. Se você sair de perto da bebida, e então retornar com dúvidas em relação à segurança dela, deixe-a de lado e pegue uma nova.
  5. Aceite bebidas apenas de pessoas que conhece. Se você não puder observar a bebida sendo servida, ou tiver receios a respeito da pessoa que está lhe oferecendo a bebida, é melhor recusar educadamente. Se você estiver bebendo com amigos, normalmente não terá problema; e peça para eles ficarem de olho em você se você sair com alguém desconhecido durante a noite para que, se algo inconveniente realmente acontecer, alguém mais possa cuidar da situação.
  6. Evite bebidas compartilhadas. Pode ser uma estratégia para lhe dar uma sensação falsa de segurança. Nunca pegue ou roube uma bebida de alguém que não conhece; nunca se sabe o que há na bebida delas, e só porque elas conseguem tolerar não significa que você consiga.
  7. Procure sinais óbvios de que a bebida foi adulterada. Coisas como, por exemplo, a bebida ter saído do lugar de onde você a deixou, um canudo ter sido tirado ou colocado, mais ou menos líquido do que você se lembra, efervescência ou bolhas estranhas, cores ou odores diferentes, pacotes medicinais vazios próximos ao copo ou no chão etc.
  8. Pare de beber qualquer coisa que tenha um gosto estranho. Se beber algo que tenha um sabor estranho ou diferente, pare já e não beba mais. Suponha imediatamente que a situação não é mais segura e vá embora o mais rápido possível ou fique perto de um amigo, ou, melhor ainda, vão embora juntos.

Dicas

  • Saiba que mulheres também podem batizar e batizam bebidas.
  • Beba copos de água junto às bebidas alcoólicas. Isso lhe ajuda a se manter alerta, para que seja menos provável que você fique desorientado. Além disso, se alguém colocar uma substância estranha na sua água é mais provável que você sinta o gosto imediatamente (porém, novamente, a maioria das substâncias usadas não possuem sabor ou cor!).
  • Observe sintomas de que você foi drogado: incluem se sentir sonolento, doente, começar a sentir que está perdendo o controle ou começar a perder a consciência, os órgãos parecerem que não podem se mexer, tontura e mal-estar. Esses sintomas virão mais rápido que a embriaguez, então é importante saber como seu corpo reage ao álcool para poder notar a diferença. Peça ajuda imediatamente a amigos ou à equipe do bar, ou ligue para família e amigos se não puder conseguir ajuda imediata onde estiver.
  • Se você vir seu amigo parecer estar mais embriagado do que seria possível com a quantidade de álcool que ele consumiu, aja rapidamente para tirá-lo da situação. Infelizmente, devido ao fato de esse tipo de droga geralmente ter sintomas parecidos aos da embriaguez, pode ser difícil notar a diferença, tornando essas drogas ainda mais perigosas.
  • As drogas usadas como Boa Noite Cinderela são, na maior parte, sem cor e sem cheiro, ou podem ser mascaradas pelo tipo de bebida usado.

Avisos

  • Nunca é uma boa ideia sair de um bar com alguém que não conhece – mas, se for absolutamente necessário, informe aos seus amigos com quem você está saindo e para onde está indo.
  • Não fique muito paranoico lendo este artigo. Embora as dicas e os avisos acima sejam bons conselhos a se seguir, você não precisa passar todas as noites que for a um bar com medo. Se você estiver preocupado em ser drogado e/ou estuprado o tempo todo e isso estiver impactando sua vida, talvez você tenha um transtorno de medo ou ansiedade, o que pode ser tratado.
  • Lembre-se sempre de beber com responsabilidade; um estudo do Reino Unido mostrou que apenas 2% de um total de 1.014 vítimas de estupro tiveram a bebida batizada com sedativos. É muito mais comum, em uma situação de bar, alguém tirar proveito do fato de você estar simplesmente embriagado. Lembre-se que o álcool também é um sedativo com efeitos amnésicos.
  • Saiba que qualquer bebida pode ser batizada, incluindo suco, água, chá, café, refrigerante e leite.
  • Além disso, cigarros também podem ser batizados; apenas fume os seus próprios.
  • Um estudo feito novamente no Reino Unido com 75 pacientes, maioria mulheres, que contaram aos doutores ou à polícia que a bebida havia sido batizada, sugeriu que, na verdade, as pacientes se tornaram incapacitadas devido ao abuso do álcool.

Materiais Necessários

  • Telefone celular
  • Plano de fuga
  • Olhar atento aos detalhes
  • Um plano de não ficar bêbado com estranhos
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.