Como Entender e Admirar Diferenças Culturais

As pessoas muitas vezes se perguntam: por que as guerras começam? A resposta é que, por todo o mundo, nações, pessoas, firmas, entre outros lutam por razões ilógicas que mal disfarçam o fato de que as pessoas não se entendem e que invejam as diferenças de seus vizinhos. É verdade que diferenças nos distanciam, mas nos esquecemos de uma coisa: somos todos humanos e nossas personalidades são, muitas vezes, diferentes, ainda que tenhamos a mesma cultura ou família. Então, vamos aprender a admirar e, até mesmo, a amar nossas diferenças.

Passos

  1. Entenda. Entenda que todas as pessoas são diferentes. Algumas são mais mal-humoradas, sábias ou simpáticas do que outras, mas isso não deve mudar o modo como as trata: de modo justo e carinhoso.
  2. Observe. Converse com pessoas de diferentes culturas, de diferentes lugares do mundo ou que gostem de certos hobbies, e descubra o que as faz gostar tanto disso.
    • Descubra uma história sobre o hobby/cultura/cidade natal dessa pessoa. Dessa forma, será capaz de apreciá-la mais do que agora, com seu conhecimento limitado.
    • Converse com pessoas que não conhece. Lembre-se de que há apenas seis graus de separação entre todos nós.
  3. Experimente novos lugares. Vá para um lugar fora do seu estado, país ou mesmo da sua zona de conforto e experimente como outras pessoas vivem.
  4. Misture sua própria vida com outras culturas por alguns dias. Faça uma pesquisa e experimente comidas que ficaram famosas devido a uma cultura. Explique para sua família as raízes dela, para que possam senti-la e experimentá-la também.
  5. Estude histórias e tradições de outros povos do mundo, do seu país ou de sua cidade. Orgulhe-se da sua própria cultura, mas também sorria e admire diferentes modos de viver como exemplos da diversidade das nações e regiões que lhe interessem.
  6. Aceite essas diferenças. Compreenda que somos todos humanos e que temos nossas próprias opiniões, hábitos e modos de viver.

Dicas

  • Tente observar e estudar as pessoas mais de perto, sem julgá-las. Isso ajuda a entendê-las.
  • Faça serviço comunitário — não pelo trabalho, mas pelo aprendizado que trará. Ajude as pessoas mais necessitadas do mundo, do seu país e/ou de sua cidade quando puder.
  • Celebre a diversidade. A vida é muito curta para ficar resmungando (reclamando e criticando), então, aprenda como olhar para o lado bom de tudo e todos.

Avisos

  • Evite julgar, ser desagradável ou antagonizar desnecessariamente outros por quaisquer motivos. Seja tolerante, entendendo que, sim, eles são diferentes, mas provavelmente pensam que você é estranho também.
  • Evite estereotipar pessoas de outra cultura. Alguns são diferentes do "normal" e atípicos, mas muitos ideais são antigos ou são atrações turísticas.
    • Cultura "caipira" não é típica de Kentucky, do Tennessee ou da Virgínia Ocidental, nos EUA, por exemplo — e os caubóis com armas e andando a cavalos são vistos apenas em paradas no Texas, EUA — mas pessoas podem pensar que, devido a filmes e séries de TV, esses estereótipos representam a forma de viver nesses lugares.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.