Como Identificar um Carvalho Venenoso

O carvalho venenoso (muitas vezes assim chamado para diferenciá-lo da árvore de carvalho) se refere a 2 espécies de plantas nativas dos Estados Unidos. O carvalho venenoso do Atlântico (Toxicodendron pubescens) cresce principalmente no sudeste do país, enquanto o carvalho venenoso ocidental (Toxicodendron pubescens) cresce principalmente ao longo da costa do Pacífico. Ambas as plantas são aparentadas e têm aparência similar. Estas plantas são conhecidas pela reação alérgica que provocam mediante contato, causada pela toxina urushiol. Aprender a identificar o carvalho venenoso ajudará a evitar esta reação.

Passos

  1. Procure por folhas com estrutura trifoliada, ou seja, contendo 3 folhetos anexados a cada nodo do caule. Muitas videiras e arbustos também têm essa característica, por isso o carvalho venenoso pode não ser identificado somente por este padrão.
  2. Procure por projeções nas folhas. Estes lóbulos podem variar muito em tamanho, sendo frequentemente tão pequenos que dão uma aparência ondulada à borda da folha.
  3. Busque um brilho lustroso na lateral superior da folha e uma textura aveludada e fosca na lateral inferior.
  4. Meça as folhas com uma régua. Elas normalmente têm 15 cm de comprimento.
  5. Observe o verde brilhante das folhas da planta. As folhas são verdes brilhantes durante a primavera, adquirindo um tom amarelado ou rosado no verão. No outono, elas ficam amarelas e finalmente se tornam marrom escura. Elas caem no inverno.
  6. Observe o tom marrom acinzentado presente nos caules.
  7. Observe os caules para descobrir se eles são cobertos por pequenos pelos. Isto dará a eles uma textura felpuda. Tenha atenção, pois pode não ser seguro tocar os caules para avaliar esta textura, uma vez que até eles contém urushiol.
  8. Busque por flores de tom amarelo esverdeado pálido em moitas próximas aos frutos. O carvalho venenoso produz flores durante toda a primavera. Elas são muito pequenas, tendo normalmente apenas 1 cm de diâmetro.
  9. Procure por frutos brancos esverdeados localizados em moitas próximos às flores. Eles possuem um tom de verde muito pálido e surgem no final da primavera.
  10. Meça a planta. O carvalho venenoso é um arbusto, e geralmente não atingirá mais do que 1 metro de altura.
  11. Observe a forma com a qual o carvalho venenoso atravessa o solo conforme cresce. Embora possa parecer uma videira no solo, ele não ascenderá tão facilmente como a maioria das videiras.

Dicas

  • A melhor forma de evitar contato com o carvalho venenoso é vestindo calças compridas e blusas de manga ao andar ao ar livre.
  • Detergente líquido é excelente para retirar os resíduos de veneno do carvalho, principalmente se usado imediatamente. Leve o detergente juntamente com água e papel toalha caso você vá para uma área externa onde poderá entrar em contato com a planta antes de conseguir identificá-la.
  • Para tratar a pele após o contato com o carvalho venenoso, esfregue álcool isopropílico na área afetada e enxágue com água fria. Evite usar o álcool se a erupção cutânea atingir uma grande parte do corpo. O uso desse produto também deve ser evitado em crianças pequenas. As erupções cutâneas não se espalham ao coçar, mas se você tiver óleo de urushiol nas mãos, elas podem surgir em qualquer parte da pele que você toque.

Avisos

  • Todas as partes da planta contém a toxina urushiol. Mesmo após as folhas caírem no inverno, não é seguro tocá-la.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.