Como Pescar um Peixe Jacaré

O peixe-jacaré é perigoso. Caso tenha coragem o bastante para enfrentar esse animal quase pré-histórico e de aproximadamente 50 kg, você poderá encontrá-lo nas águas calmas e turvas da área de drenagem do Rio Mississipi, nos EUA. Este artigo irá lhe ensinar o melhor método para desafiar esse monstruoso peixe.

Encontrando o peixe-jacaré

  1. Vá para o sul dos EUA. O peixe-jacaré habita a bacia do rio Mississippi, desde o sul de Ohio e Illinois até o Golfo do México e é mais comumente encontrado nas massas de água doce do Texas, Alabama, Louisiana e Arkansas. Os maiores são geralmente encontrados no Texas.
    • O Pântano Henderson, que se localiza ao oeste de Baton Rouge, Louisiana, e o Lago Pontchartrain, ao norte de Nova Orleans, possuem grandes populações de peixes-jacaré.
    • O mesmo se aplica aos rios Pearl e Pascagoula no Mississippi, aos rios Mobile, Tensaw, Tennessee, e Tombigbee no Alabama e aos rios Escambia, Choctawhatchee e Apalachicola na Flórida.
    • Os rios do Texas, como o Colorado, Trinity, Guadalupe, Sabine, entre outros, são os mais frequentados e possuem os maiores recordes de aparições de peixes-jacaré até o momento, assim como as maiores populações desse peixe.
  2. Encontre um lamaçal ou remanso. Um "lago morto" é um lago formado devido à inundação de um rio adjacente, mas que permanece cheio mesmo quando o rio volta ao seu estado normal. Esse é o lugar perfeito para se pescar um peixe-jacaré. Certifique-se de que seja permitido pescar no local e possua todas as licenças necessárias na região.
    • Caso o local da pesca seja de difícil acesso, será preciso que você alugue um barco.
  3. Aprenda a localizar o peixe-jacaré. Ele é um tipo de peixe com nariz comprido, dentes afiados e que aparenta ser pré-histórico. Eles podem pesar mais de 100 kg e sobreviver até duas horas fora d’água. Além disso, o peixe-jacaré é o maior peixe de água doce de toda a América do Norte, podendo ter de 2,5 até 3 metros de comprimento. O recorde mundial de maior peixe-jacaré pescado com vara é de 126 kg. O maior pescado com arco e flecha é de 165 kg.
    • Se o focinho do peixe possuir mais de duas vezes o comprimento de sua cabeça e não for muito largo, ele provavelmente não é um peixe-jacaré.
    • Os peixes-jacaré não possuem manchas.
    • O peixe-jacaré possui um nariz mais largo do que longo e duas fileiras de dentes, enquanto os outros peixes só possuem uma. Ele pode extremamente grande.
  4. Saiba quando e onde procurar. O peixe-jacaré desova em águas salobras durante a primavera, mas o melhor momento para caçá-los é no final do verão, quando o clima está quente e seco.
    • Nos meses de julho e agosto, os peixes-jacaré podem ser encontrados em áreas de curvas de rios profundos adjacentes a lagos de águas rasas. Eles se reúnem nas águas profundas e será possível identificá-los mais facilmente nas águas rasas, quando eles vêm à superfície para se alimentar.

Pescando um peixe-jacaré

  1. Certifique-se de que o seu equipamento esteja à altura de sua tarefa. Se você planeja pescar um peixe que pode pesar até 100 kg e possui vários dentes afiados em forma de agulha, você precisará de mais do que uma simples vara e uma linha. Traga uma vara rígida de material composto e uma linha extraforte. Como você deverá trazer o peixe para a superfície, é apropriado usar um flutuador como isca.
    • A melhor opção é ter um grande carretel aberto ou giratório que seja capaz de conter uma linha extraforte que possua de 150 a 200 metros de comprimento, pesando de 10 a 50 kg. Use uma vara rígida de grafite ou de material composto, que tenha de 1,8 a 2,4 metros de comprimento.
  2. Utilize como linha aproximadamente 60 a 90 cm de fio de aço e 18 a 36 kg de fio teste.
    • Prenda a isca em um gancho triplo 6/0 e use um prumo de 7 gramas.
    • Use um flutuador de plástico ou cortiça, que seja capaz de manter a sua isca suspensa próxima à superfície da água.
  3. Traga uma isca viva de tamanho considerável. Alguns pescadores aconselham utilizar uma tainha de 20 a 25 cm com as escamas removidas, mas quaisquer outros peixes similares serão um bom banquete para o peixe-jacaré.
    • As carpas também são comumente utilizadas como iscas.
  4. Fique de olho na movimentação de cardumes na água. Quando encontrar um cardume de peixes se movimentando como se estivesse sendo perseguidos por um algum animal carnívoro faminto, você provavelmente estará próximo de um peixe-jacaré. Prepare a isca e a lance na água.
  5. Lance a iscar na parte profunda do canal. Deixe o carretel aberto para permitir que o peixe-jacaré morda a isca e nade com ela por alguns instantes. Fique de olho no flutuador. Quando ele começar a sacudir na superfície da água, ou quando ele afundar, você saberá que o peixe-jacaré foi fisgado. Abaixe a vara em sua direção e espere pelo menos sete segundos após a linha ser puxada.
    • O peixe-jacaré nada com a comida antes de tentar comê-la. Se você tentar puxar antes da hora, você correrá o risco de perder o peixe ou enganchá-lo em um ponto não ideal.
  6. Prenda o anzol. O peixe-jacaré possui uma placa óssea dura em sua boca, isso faz com que os pescadores optem pela utilização de anzóis agudos, os quais necessitam de uma força considerável para prenderem o alvo. Para garantir que você acerte o anzol na parte macia e segura da boca do peixe-jacaré, você poderá ter que ajustá-lo algumas vezes. Se você tiver deixado pelo menos 100 metros de linha do carretel para fora, isso poderá exigir uma força considerável e algumas puxadas.
    • Assim que você acertar o anzol, começará sua luta contra o peixe-jacaré.

Lutando contra o peixe-jacaré

  1. Estime o tamanho do peixe quando sentir a tensão na linha. Muitos peixes de grande porte dão trabalho para serem retirados da água. Tente mantê-lo afastado de ramos e galhos para que ele não se enrosque e consiga escapar.
  2. Lute com o peixe até que ele fique esgotado. Traga-o para você pouco a pouco, deixando-o ficar cansado. Não gaste energia sem necessidade tentando puxá-lo rapidamente. Nunca tente puxar o peixe-jacaré rapidamente, mesmo que ele seja de menor porte, pois ele costuma morder como forma de defesa. Caso seja um peixe-jacaré muito grande, pode ser melhor cravar arpões em suas brânquias, a fim de que sua cabeça (e seus dentes) não sejam um risco para os ocupantes do barco.
    • Um arpão é, basicamente, um pau com um gancho afiado na ponta, utilizado para pegar peixes de grande porte próximos ao barco. Geralmente, o peixe é golpeado com o arpão nas guelras e sob a espinha dorsal, ferindo-o mortalmente. Se você quiser pescar o peixe e liberá-lo em seguida, não realize esse procedimento.
  3. Seja extremamente cuidadoso se optar por libertar o peixe. Geralmente, os pescadores não recomendam a pesca do peixe-jacaré sem que se tenha a intenção de matá-lo. Trazer um peixe-jacaré vivo para o seu barco ou para a costa é extremamente perigoso. A remoção de um gancho agudo de uma boca cheia de dentes requer a utilização de um bom alicate. Certifique-se de que o peixe esteja exausto e que você esteja vestindo um protetor de braço e mão nesse caso.
    • Cortar a linha irá deixar o gancho ainda embutido na boca do peixe, fazendo com que suas chances de sobrevivência sejam mínimas.
    • O peixe-jacaré e muitos outros predadores de água doce estão cada vez mais ameaçadas. Portanto, a melhor coisa a se fazer a fim de preservar esses peixes é pescar e soltar.
  4. Considere alternativas criativas. Muitos pescadores locais irão dizer que o melhor método para pescar peixes-jacaré é utilizar um arco de caça e flechas de pesca. A pesca com arco é muito mais emocionante para a maioria das pessoas, uma vez que combina a pesca com a caça.
    • Alguns pescadores preferem utilizar uma pistola para matar o peixe quando este se aproxima do barco. Tenha muito cuidado e certifique-se de estar licenciado caso opte por essa opção.
  5. Considere levar o peixe-jacaré para jantar. Geralmente, o peixe-jacaré é uma espécie de troféu, dado o seu tamanho e aparência feroz. Ele é um peixe comestível (alguns dizem que ele é bastante saboroso), mas muito difícil de limpar. Suas escamas são como uma armadura e se desprendem todas juntas, se for aplicada a técnica correta.
    • Crave a cabeça do peixe em um espaço vazio e utilize uma faca para cortar da cauda até a espinha dorsal, desprendendo as escamas. Em seguida, corte a cabeça e cauda do peixe e passe a faca em suas laterais e em sua parte inferior.

Dicas

  • Ao trazer o peixe-jacaré para um barco ou para terra firme, não o pegue pelo focinho, pois seus dentes podem facilmente cortar sua mão caso ele se debata.
  • Considere seriamente a contratação de um guia para sua primeira viagem para pesca destes peixes. O tempo que um guia irá lhe economizar, bem como as considerações de segurança que ele dará, deverão fazer a sua viagem muito mais agradável.
  • histórias (pouco fundamentadas) de peixes-jacaré mordendo pés de pessoas submersos na água em píeres e margens de rios.

Avisos

  • Respeite os dentes deste peixe, nunca coloque sua mão, mesmo protegidas com luvas de couro, dentro da boca dele.

Materiais Necessários

  • Equipamentos de pesca resistentes.
  • Barco e motor são opcionais, mas é melhor tê-los.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.