Como Alimentar Seu Cão Naturalmente

A saúde começa na cozinha. Isso significa que a melhor maneira de alimentar seu companheiro cão é preparando uma refeição saudável e fresca. Não é tão difícil quanto parece.

Passos

  1. Alimente seu cão com alimentos naturais integrais que contêm nenhum conservante, sal adicional, açúcar, corante alimentar artificial ou sabor artificial.
  2. Selecione ou prepare uma refeição para seu cão que use apenas ingredientes seguros para o consumo humano. Nunca comprometa a qualidade dos ingredientes utilizados.
  3. Pesquise bem a respeito de alimentos caninos comerciais antes de escolher uma marca para seu animal de estimação. A maioria dos alimentos comerciais de grandes marcas, sejam enlatados ou secos, foi fabricada meses ou até mesmo anos antes de serem consumidos pelo seu cão. São usados conservantes para manter essa validade longa. Porém, ao pesquisar cuidadosamente, você poderá localizar alimentos para animais que são feitos de ingredientes seguros para o consumo humano, em pequenas porções que são enviadas aos consumidores dentro de algumas semanas após terem sido fabricados.
  4. Consulte a lista de ingredientes do alimento que estiver pensando em comprar para determinar a qualidade do mesmo. Evite alimentos que contêm milho, trigo ou outros grãos listados entre os primeiros ingredientes. Esses ingredientes são fontes baratas de proteína, usados por muitos fabricantes para alcançar os requerimentos mínimos de proteína, e oferecem pouco valor nutricional e são altamente indigestos para cães e gatos. Nós já vimos alergias horríveis em cães e gatos desaparecerem apenas ao trocar a alimentação por alimentos holísticos para animais e adicionar ácidos graxos essenciais, incluindo linho, borragem, cânhamo ou óleo de prímula.
  5. Considere preparar você mesmo a comida do seu animal de estimação se preferir não comprar comida para animais de alta qualidade e seguras para consumo humano. A reação das pessoas ao receber a sugestão de que cozinhem para seus animais de estimação geralmente é aquela reação inicial automática: "Cozinhar pro meu cachorro? Não cozinho nem pra mim mesmo!". Mas a realidade é que, uma vez que eles experimentam, descobrem que não é tão difícil, e os resultados são tão incríveis que eles se comprometem a fazer o que é melhor. Você precisa de apenas de 8 a 10 minutos por dia para cozinhar uma refeição balanceada, natural e livre de conservantes. A maioria dos donos vê uma melhora imediata na pele e no pelo, na claridade dos olhos, na energia, na vitalidade e na digestão.
  6. Prepare comida caseira para seu animal de estimação usando uma proporção de 40% proteína, 30% grãos, 30% vegetais e, claro, óleos. Mude as proteínas toda semana, porque a natureza fez cada fonte de proteína ser levemente diferente. A concentração e a cadeia de aminoácidos são diferentes em cada proteína, e é saudável para o seu companheiro ter cada uma dessas diferentes cadeias de aminoácidos. Proteínas recomendadas inclui bife, tripas, frango, peru, peixe, tofu, lentilhas e ovos.
  7. Adicione e varie os óleos. Óleos recomendados inclui linho, oliva, cânhamo, borragem, cassis, gérmen de trigo etc.
  8. Inclua ervas e vitaminas como suplementos naturais. Adicione 1 colher (chá) do seguinte para cada 450 g de comida: grânulos de lecitina, levedura nutricional, alfafa em pó, Spirulina e grânulos de pólen de abelha. Tudo isso possui ótimos benefícios para a saúde.

Dicas

  • Use apenas ingredientes livres de substâncias químicas e conservantes para preparar os alimentos para seus animais de estimação.
  • Sendo alguém que cozinha em casa para o cachorro, eu uso a seguinte receita para o jantar: peru orgânico moído (cozinhado em azeite de oliva extra virgem prensado a frio), arroz de grão longo orgânico e legumes orgânicos misturados. Além disso, eles recebem os seguintes suplementos: ácidos graxos ômega 3, farinha de osso e multi-vitaminas. Lanches inclui iogurte búlgaro e, de vez em quando, abóbora enlatada. Água engarrafada que foi purificada por osmose inversa mata melhor a sede do que água da torneira que foi tratada/contaminada com fluoreto e outras substâncias químicas.

Avisos

  • Nem todos os alimentos que possuem um rótulo dizendo que são completamente naturais realmente são. No rótulo deve dizer que é para o consumo humano apenas.
  • Leia os rótulos. Lembre-se de que qualquer alimento que contenha proteína animal deve ter um conservante, ou ele se tornaria rançoso! A não ser que tenha sido congelado ou liofilizado!
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.