Como Compreender o Maquiavelismo

O maquiavelismo é uma teoria política baseada nos ensinamentos de Nicolau Maquiavel e, segundo a psicologia, forma parte da tríade obscura da personalidade.

Passos

  1. A definição de maquiavélico ou maquiavelismo é "o emprego da astúcia e duplicidade na política ou na conduta geral". Lembre-se disso, um maquiavélico deve fazer desta definição seu estilo de vida.
  2. O melhor lugar para começar é lendo “O Príncipe”, o trabalho seminal de Maquiavel, e onde a ideia do maquiavelismo deriva.
  3. Faça alguma pesquisa sobre Maquiavel e o tempo que ele viveu. Entender o contexto em que o maquiavelismo surgiu é importante, pois Maquiavel viveu durante o reinado da família Médici em Florença e foi exilado por eles.
  4. Alguns acreditam que Maquiavel foi um conselheiro do mal que encorajou os governantes ao uso da tortura e de outros métodos para manter o poder. Leia “O Príncipe” duas vezes, olhando para ele com se ele fosse o conselheiro e você o rei.
  5. Outros acreditam que “O Príncipe” é uma peça inteligente de sátira, visto que está escrito em italiano e não latim. Leia “O Príncipe” mais uma vez, mas pensando que se trata de uma sátira e pergunte a si mesmo se o que está escrito parece mais com um conselho ou uma sátira.
  6. O maquiavelismo foi visto como um vírus estrangeiro infectando a política inglesa, originário da Itália, e já tendo infectado a França. Foi neste contexto que o Dia do Massacre de São Bartolomeu de 1572 em Paris passou a ser visto como um produto do maquiavelismo, uma visão fortemente influenciada pelos huguenotes. Leia também sobre os huguenotes e a França, e como a monarquia francesa usou táticas maquiavélicas ao lidar com os huguenotes.
  7. Na psicologia, o maquiavelismo é um termo que alguns psicólogos sociais e de personalidade usam para descrever a tendência de uma pessoa a enganar e manipular os outros para o benefício próprio. Lembre-se que o maquiavelismo também tem esse significado, que é muito semelhante ao original.
  8. Na década de 60, Richard Christie e Florence L. Geis desenvolveram um teste para medir o nível de maquiavelismo das pessoas. O teste foi chamado de “Mach-IV” e é composto por vinte perguntas, utilizadas para determinar o grau de maquiavelismo. Você pode ver o teste aqui: http://personality-testing.info/tests/MACH-IV.php
  9. Aqueles que obtiverem uma pontuação acima de 60 em 100 são bastante maquiavélicos, e endossam a declaração de que a verdade só deve ser dita se for para o bem próprio.
  10. O maquiavelismo é um dos três traços de personalidade que se refere à tríade obscura, junto com o narcisismo e a psicopatia. Alguns vão mais longe ao dizer que é uma forma subclínica da psicopatia. Leia sobre a Psicologia do Maquiavelismo para tentar entender o que ocorre com a mente maquiavélica.
  11. Leia sobre os maquiavélicos modernos e o que eles escreveram. Em geral, o birmanês Than Shwe, Wen Jiabao, primeiro ministro da China e o Lord Mandelson, político britânico, são alguns exemplos. Tenha em mente que todos os três ostentam poder e não estão sujeitos ao controle do povo. Than Shwe é um general que detém o poder pelo uso da força; Wen Jiabo é um líder em um estado unipartidário; e Mandelson ocupa um assento na Câmara dos Lordes, uma posição de poder no governo que não é conseguida através do voto popular.
  12. Leia sobre os maquiavélicos antigos, como o ditador cambojano Pol Pot, o ditador russo Stalin e o presidente Mao, líder comunista da China.

Dicas

  • Se você se considera um defensor do maquiavelismo, leve em consideração que muitos não concordarão com você. Não é aconselhável tornar sua opinião muito pública para sua segurança.

Avisos

  • Mesmo se você for ótimo em mentir, é muito provável que a outra pessoa seja ótima em perceber, também. Dada a natureza de alguns esquemas maquiavélicos, outras pessoas podem nem sempre fornecer a cortesia de uma pista em retorno. Supondo que tais coisas poderiam ser aprendidas por experiências extremas, quem sabe quais são os limites de uma pessoa?
  • Se não for um bom mentiroso, então você será pego.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.