Como Celebrar o Kwanzaa

Kwanzaa é um feriado inventado em 1966 por Ronald Karenga (fundador do grupo de Black Power "Us Organization" – “Organização Nós”), no qual afro-americanos podem conectar com suas origens e cultura. É celebrado de 26 de dezembro até primeiro de janeiro, com cada um dos sete dias focados em um dos sete valores centrais, ou Nguzo Saba. Uma vela é acesa em casa dia, e no último dia, faz-se a troca de presentes. Já que Kwanzaa é um feriado cultural mais do que religioso, ele pode ser celebrado junto do Natal ou Hanukkah, ou sozinho, embora Karenga quisesse que fosse celebrado no lugar do Natal e Hanukkah, já que achava que esses feriados eram meramente símbolos das culturas dominantes na América.

Passos

  1. Decore sua casa ou a sala principal com símbolos do Kwanzaa. Ponha uma toalha verde de mesa sobre uma mesa localizada centralmente e em cima dela coloque o Mkeka que é uma palha ou tapete de tecido que simboliza a fundação histórica da ancestralidade africana. Coloque os seguintes itens em cima do Mkeka:
    • Mazao — frutas ou plantas colocadas em uma tigela, o que representa a produtividade da comunidade.
    • Kinara — um candelabro de sete braços.
    • Mishumaa Saba — as sete velas que representam os sete princípios centrais do Kwanzaa. Três velas da esquerda são vermelhas, representando luta; as três da direita são verdes, representando esperança; e uma preta no centro, o que representa o povo afro-americano ou aqueles que têm sua origem na África.
    • Muhindi — espigas de milho. Separe uma espiga de milho para cada criança; se não houver crianças, coloque duas espigas para representar as crianças da comunidade.
    • Zawadi — vários presentes para as crianças.
    • Kikombe cha Umoja — uma xícara para representar a unidade família e comunidade.
  2. Decore a sala com bandeiras Kwanzaa (chamadas Bendera) e pôsteres enfatizando os sete princípios. Você pode comprar ou fazer. É especial e divertido fazê-las com as crianças.
    • Se você ou seus filhos gostam de fazer bandeiras, tente fazer bandeiras nacionais Africanas ou tribais além da Bendera.
  3. Pratique os cumprimentos Kwanzaa. Iniciando em 26 de dezembro, cumprimente todos dizendo "Habari Gani", uma saudação padrão Swahili que significa "qual é a nova?". Se alguém lhe cumprimentar, responda com o princípio (Nguzo Saba) para o dia:
    • 26 de dezembro: "Umoja" — Unidade
    • 27 de dezembro: "Kujichagulia" — Autodeterminação
    • 28 de dezembro: "Ujima" — Trabalho coletivo e responsabilidade
    • 29 de dezembro: "Ujamaa" — Economia cooperativa
    • 30 de dezembro: "Nia" — Propósito
    • 31 de dezembro: "Kuumba" — Criatividade
    • 1 de janeiro: "Imani" — Fé.
    • Não afro-americanos estão também convidados a participar dos cumprimentos. O tradicional cumprimento para eles é "Joyous Kwanzaa."
  4. Acenda a Kinara diariamente. Já que cada vela representa um princípio específico, elas são acesas um dia em cada vez, na ordem certa. A vela preta é sempre acesa por primeiro. Algumas pessoas acendem as demais da esquerda para a direita (das vermelhas às verdes) enquanto outras alternam da seguinte maneira:
    • Vela preta
    • Vela vermelha da ponta esquerda
    • Vela verde da ponta direita
    • Secunda vela vermelha
    • Segunda vela verde
    • Última vela vermelha
    • Última vela verde
  5. Celebre o Kwanzaa de várias formas diferentes. Escolha algumas ou todas as seguintes atividades para os sete dias de Kwanzaa, deixando a festa para o sexto dia. A cerimônia Kwanzaa inclui:
    • Batucada e seleções musicais.
    • Leituras do Juramento Africano e dos Princípios da Negritude.
    • Reflexões sobre as cores Pan-africanas, discussões sobre os princípios africanos do dia ou recitações de capítulos da história africana.
    • O ritual de acender a vela Kinara.
    • Performances artísticas.
  6. Faça o Kwanzaa Karamu (festa) no sexto dia (véspera de Ano Novo). A festa Kwanzaa é um evento muito especial que aproxima todos de suas raízes africanas. É tradicionalmente realizada em 31 de dezembro e é um esforço cooperativo e comum. Decore o lugar onde a festa será realizada com uma combinação de vermelho, verde e preto. Um cenário Kwanzaa deve dominar a sala onde a festa será realizada. Uma Mkeka larga deve ser colocada no centro do chão onde a comida será colocada de forma criativa e acessível para que todos se sirvam. Antes e durante a festa, um programa informativo e divertido deve ser apresentado.
    • Tradicionalmente, o programa deve envolver hospitalidade, rememoração, reavaliação, compromisso e alegria. É concluído com uma declaração de despedida e um apelo por mais união.
    • Durante a festa, libações são compartilhadas a partir de um copo comum, o Kikombe cha Umoja, o qual passa por todos os participantes.
  7. Distribua os presentes de Kuumba. Kuumba, que significa criatividade, é extremamente recomendado e traz um senso de auto-satisfação. Os presentes são geralmente trocados entre pais e filhos e são dados tradicionalmente dia primeiro de janeiro, o último dia de Kwanzaa. Já que a entrega de presentes tem muito a ver com Kuumba, os presentes devem ser de natureza educativa ou artística.

Dicas

  • Kwanzaa significa "as primeiras frutas da colheita” na língua africana Kiswahili. Muitas das frases usadas no Kwanzaa estão em Swahili, a língua escolhida para representar a origem africana.

Materiais Necessários

  • Mkeka (tapete de tecido)
  • Materiais para bandeiras
  • Milho
  • Toalha verde de mesa
  • Velas pretas, vermelhas e verdes
  • Presentes para diferentes princípios
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.