Como Se Tornar um Artista Famoso

Seu sonho de se tornar um artista famoso pode não ser tão inalcançável quanto parece. Muitas pessoas no mundo inteiro já receberam rios de prêmios por possuírem um determinado talento, e muitas delas ainda quando eram crianças ! John Evertt, por exemplo, recebeu uma medalha de prata quando possuía nove anos de idade. Pablo Picasso, por outro lado, recebeu o prêmio de "garoto gênio". Ainda hoje, vários são aqueles que são considerados como prodígios da arte. Se você tem talento, seu nome provavelmente deve estar destinado a se alastrar no percorrer da história. Pronto para aprender como fazer isso? Continue lendo!

Construindo suas Habilidades

  1. Pratique. Ser chamado de musa é algo maravilhoso, sem dúvidas! Contudo, sem as habilidades técnicas necessárias para realizar aquilo que você deseja, você não chegará muito longe. Seja lá qual for seu meio escolhido para fazer isso, torne-se um expert em cada detalhe.
    • Reserve uma hora ou mais por dia apenas para treinar sua técnica, e não faça nada além disso.
    • Foque-se especialmente naquelas áreas em você não se dá muito bem, mas não se esqueça de desenvolver seus pontos fortes também!
    • Aproveite as comunidades e os recursos que você encontrar. Os fabricantes de material artístico, bem como as lojas de arte, freqüentemente possuem itens de acesso grátis, como literatura, tutoriais, vídeos e vários sites que estão lotados com dicas, técnicas e muito mais.
    • Algumas lojas oferecem até seminários de treinamento grátis nos fins de semana. Nesses lugares, além de desenvolver mais técnicas, você pode se encontrar, também, com outros artistas.
  2. Trabalhe com aquilo que você gosta. Escolha um assunto que é importante para você, e que você possa desenvolver melhor ao desenhá-lo.
    • Comece com algo como uma vida calma ou com uma fotografia sua. Quando conseguir se decidir sobre qual assunto irá desenhar, vá até à algum local público ou qualquer outro que você tenha permissão para utilizar. Desenhe ou pinte a mesma coisa várias vezes, utilizando abordagens diferentes, como tinta, lápis, formas abstratas, realismo... Qualquer coisa que lhe toque!
    • Construa idéias e desenvolva suas técnicas de desenho a partir de assuntos fáceis, como uma bolinha de borracha ou até mesmo um bloco retangular, de forma que vá evoluindo constantemente, até atingir assuntos mais difíceis, como uma rosa, uma bolinha de gude transparente, uma tigela de metal brilhante... Não se esqueça dos pequenos detalhes, como as curvas das pétalas, a claridade do vidro, dos reflexos... Cada um desses desenhos, apesar de parecerem que não, irão lhe ajudar a melhorar suas técnicas.
    • Treine o tempo que você gasta para desenhar. Escolha um tópico e marque dois ou três minutos no cronômetro. Após fazer isso, comece a desenhar. Quando o tempo acabar, pare mesmo que seu desenho não esteja pronto.
    • Configure o cronômetro novamente e comece de novo. Desenhar dez coisas, por exemplo, em três minutos, fará com que você obtenha mais habilidades do que conseguiria caso fosse ficar meia hora desenhando algo muito detalhado.
  3. Varie as ferramentas. Comece com um lápis, depois utilize um carvão vegetal, depois lápis de cor, pastéis, tinta, e assim em diante! Utilize qualquer coisa que lhe interesse. Nunca tenha medo de usar uma técnica ou ferramenta nova.
    • Quando quiser tentar algum método que seja mais caro, procure por fornecedores. Muitos deles oferecem amostras dos produtos, para que você os teste antes de decidir o que irá comprar.
    • Isso lhe dará a chance de testar algo antes mesmo de comprá-lo. É uma ótima forma para descobrir se você gosta ou não daquele determinado tipo de material. Não limite-se apenas à uma marca! As amostras normalmente não são as mesmas. Portanto, procure fornecedores diferentes para saber em qual marca irá investir.
  4. Receba crítica dos amigos e de sua família. Deixe claro que o que você quer é sinceridade, e não agrados! Se eles acharem que sua arte está ficando legal, então isso significa que você está no caminho certo. Caso eles não gostem, não fique desanimado. Você ainda está no caminho certo. Se muitas pessoas gostarem de sua técnica, mas seu assunto deixa algo a desejar, então essa é uma grande oportunidade para uma auto-reflexão e para aprender algo novo.
    • Jamais confunda a crítica com a opinião pessoal de alguém, principalmente se essa pessoa é uma daquelas que não desejam que você cresça na vida em um determinado ramo.
  5. Procure opiniões fora de seu grupinho. Procure por críticas de pessoas que desenham melhor do que você. Faça amizade, através da internet, com, por exemplo, artistas que possuem um trabalho que você admira. Cumprimente-os e faça perguntas inteligentes a respeito das técnicas que eles utilizam. Você rapidinho irá perceber que muitos artistas gostam de ensinar as coisas que aprenderam aos iniciantes.
    • À medida que você for aprendendo cada vez mais, procure aquelas pessoas que estão apenas começando. Ofereça-se para demonstrar e ensinar aquilo que já aprendeu. Você irá perceber que quanto mais fizer isso, mas irá aprender. É muito comum os professores aprenderem lições com os alunos.
  6. Aprenda a receber cumprimentos com graça. Quando seus amigos e sua família começarem a gostar de tudo aquilo que você desenhar, ou quando sua mãe começar a colocar os desenhos e rabiscos que você fez quando era pequeno em cima da geladeira, pensando que você vai se tornar um Picasso da vida, algum dia, apenas relaxe e encare isso como um apoio.
    • Quanto mais arte você aprender, mais fácil será para as pessoas lhe elogiarem e lhe dizerem que você tem talento.
    • Elogios, às vezes, podem ser críticas, e elas são muito valiosas! Se algum artista que possui um trabalho ao qual você admira, algum dia, lhe elogiar dizendo que gostou das cores que você utilizou, por exemplo, significa que seu trabalho não está bom o suficiente para ser elogiado por inteiro, mas que entendem e apreciam suas escolhas.
  7. Desenvolva um estilo pessoal marcante. Faça isso aprendendo a pintar e desenhar coisas relacionadas aos seus assuntos favoritos, da mesma forma que todos os pintores que você mais gosta aprenderam também. Quanto mais você aprender novas técnicas e métodos para entender suas próprias paixões, mais o seu próprio estilo irá emergir.
    • Ter um estilo pessoal é a combinação de aprender a desenhar e pintar bem nos seus métodos favoritos, prestando constante atenção no assunto.
    • Você irá se tornar um especialista que possui uma marca própria, quando possuir um nível de competência intermediário. Dominar um assunto e um método é algo um pouco mais difícil, que vem naturalmente mais tarde, de modo que você, facilmente, sempre produza bons resultados, sem nem mesmo pensar nisso.
  8. Seja produtivo. Para conseguir aparecer em uma galeria, você deve ter um portfólio com até uma dúzia de seus melhores trabalhos, e todos devem possuir algo em comum, seja no assunto, seja no estilo. Além disso, eles devem conter, também, um certo tamanho e um certo nível de habilidade.
    • Faça com que seu trabalho fique disponível no máximo de formatos que forem possíveis, para que não haja barreiras contra os proprietários de galeria que podem se interessar ou que impeçam os patrocinadores de verem o que você fez.

Divulgue a SiMesmo

  1. Publique seu trabalho. A melhor forma de se tornar famoso é ficando conhecido! A internet oferece N formas que podem lhe ajudar a ser visto e a promover seus trabalhos artísticos. Portanto, é importante que você utilize todas as ferramentas à sua disposição, para que ganhe nome e aumente sua reputação.
    • Crie um blog e faça posts diários sobre o seu trabalho. Você pode incluir ilustrações, para mostrar como estão seus trabalhos em andamento, e criar uma galeria para mostrar e/ou vender seus trabalhos que já estão prontos.
    • Em sua cidade, visite todas as galerias que puder, e peça para conhecer o(s) proprietário(s). Se você tiver idade suficiente, compareça ao máximo de exibições que puder. Contudo, não vá para promover seu próprio trabalho (acalme-se, você terá tempo suficiente para isso mais tarde), mas sim para se tornar um artista conhecido na comunidade.
    • Crie uma página no Facebook para sua arte, e encoraje as pessoas a visitarem-na e curtirem-na. Procure outros artistas no Facebook. Aprecie fazer visitas à galerias, pois isso lhe ajudará a obter um espaço na comunidade. Contudo, utilize o Facebook também, pois lá você poderá atravessar fronteiras!
    • Crie um Twitter. Ele também é uma rede social muito utilizada, e poderá aumentar, consideravelmente, as visualizações do seu trabalho. Tweet sobre arte constantemente (qualquer tipo de arte). Quanto mais você souber sobre arte, mais você será reconhecido como alguém que merece atenção. Ao mesmo tempo, siga artistas e galerias e, caso lhe enviem algum Tweet, não deixe de respondê-los. Isso irá fazer com que mais pessoas e proprietários de galerias criem coragem de seguí-lo.
    • Crie uma conta no Flickr e poste cópias ou fotos de sua arte. O Flickr também é uma rede social muito grande. É, na verdade, uma comunidade ativa que fará com que você valorize seu nome e, talvez, com que você se torne amigo de artistas muito talentosos.
  2. Junte-se à sociedades de arte fina e participe de concursos. Comece, primeiramente, em um concurso de nível direcionado à estudantes, de preferência em uma cidade pequena.
    • Dê aulas em oficinas de arte. Isso lhe ajudará não só a ficar famoso, como também a se tornar um expert na área.
    • Desenvolva e aprenda novas habilidades, até que você esteja pronto para participar de concursos nacionais e internacionais.
    • Participe de concursos de arte com jurados. Inscrever uma de suas pinturas em um concurso que possua jurados, por si só, já é uma grande oportunidade para poder mostrar seu currículo. Se você possui muitas tarefas realizadas, diminua-as e liste somente aquelas que você considerar como mais importantes.
  3. Encontre um agente confiável. Pesquise um pouco sobre algumas agências de arte e entre em contato com clientes que ela já possui. Veja se eles estão felizes com o serviço prestado pelo agente ou se sentem como se tivessem sido enganados. Os agentes servem tanto para divulgar você e o seu trabalho, como também para lhe representar na hora de negociar contratos. Portanto, certifique-se que eles sejam capacitados o suficiente para tal.
    • Você também deve querer trabalhar com um advogado (que possua uma boa reputação) especializado no mundo artístico. Embora um agente saiba um pouco sobre a lei, o trabalho deles é promover. Já o advogado possui como único trabalho, saber sobre a aplicação da lei.
  4. Pinte aquilo que você gosta. Se você não se importa com o assunto daquilo que for pintar, ficará evidente em seu trabalho. Muito artistas acabam se apaixonando um pouco pelo assunto que lhes interessa, seja ele uma taça frutas, ou um modelo específico.
    • Se você gosta de expressar a raiva e emoções sombrias, estude sobre artistas relacionados à esse estilo. Se você gosta de pinturas abstratas e agitadas, estude-as e faça-as. Elas possuem uma técnica específica, e não ocorrem apenas por alguém jogar tinta na tela e chamá-las de arte.
    • Se você gosta da vida selvagem e do ar livre, consiga um kit de pintura portátil e pinte em seus locais favoritos.
    • Seja lá qual for sua paixão, encontre um modo de reproduzi-la na tela.
  5. Continue crescendo como um artista. Ser um artista verdadeiro é uma vida inteira de propósitos. Quando você alcançar o nível da fama que você deseja, e possuir bastante dinheiro e atenção, ainda assim você deverá procurar por algo além disso.
    • Continue a aprender e a inventar coisas novas, mesmo que você já seja um artista famoso. Lembre-se que você deve se manter no topo e, para isso, você deve se focar no futuro em vez de ficar dizendo que seus melhores anos estão no passado.
    • Quanto mais seu estilo crescer e mudar, mais suas pinturas antigas irão custar. Os colecionadores provavelmente estarão completamente interessados no trabalho da sua vida. Até mesmo os desenhos que você fez quando criança podem se tornar valiosos. O que sua mãe prende na geladeira tem as origens do seu sucesso atual. Portanto, não jogue fora os trabalhos produzidos por você quando era ainda um menor !

Dicas

  • Tenha certeza de que quer ser famoso. Ser famoso não é se divertir o tempo todo. Portanto, decida o quanto quer ser famoso nessa longa caminhada. Um artista local de sucesso pode ter uma boa renda, uma classe média, e, isso, sem ser mundialmente famoso. Ainda assim é um ótimo emprego. Ser o melhor artista da sua escola ou do seu fan clube também é fama. Fama é apenas o gosto que pessoas que você nem ao mesmo conhece têm por você. Agora, o quanto isso te faz feliz, é algo pessoal.
  • Considere manter sua privacidade, caso sua fama ultrapasse sua zona de conforto. O interesse de seus fans está no seu trabalho e em alguns detalhes sobre sua vida. Você precisa ser capaz de conversar um pouco sobre o motivo de você gostar de pintar e porque você pinta o que pinta. Você pode mencionar sua família, seus animais de estimação e até mesmo sua cidade natal. Isso é o suficiente para uma biografia. Você não precisa dizer o que come no café da manhã ou o qual a marca de sapatos você mais gosta. A fama do artista não deve levá-lo para a rotina do velho "rico e famoso" que, geralmente, é muito corrida. Muitos artistas famosos são bem reservados, e aparecem apenas em algumas entrevistas. Suas pinturas é que são vistas. Eles interagem mais com parentes, amigos próximos, outros artistas e pessoas com quem compartilha os hobbies.
  • Goste da arte. À medida que você aprender a pintar e a desenhar melhor, você vai passar a observar o mundo de forma mais detalhada. Se você procura beleza, a encontrá até mesmo nas coisas mais feias, esquisitas e nos lugares mais inesperados: o brilho em um copo quebrado em cima de uma calçada, o enrolar de uma folha em uma erva... Até mesmo o sorriso de uma mulher velha e feia se torna, de repente, muito bonito, devido à visão treinada que o artista possui.
  • Quanto mais você aprender a amar a beleza e a encontrar alegria na arte, mais você se tornará um pintor melhor . Isso enriquecerá sua vida profundamente, em todos os aspectos. Isso é ter consciência de que coisas boas acontecendo na vida: sentir o sabor do vinho, a sensação da comida descendo em sua barriga, a felicidade exaustiva por ter vagado por campos molhados durante o dia todo para pintar ,por apenas quinze minutos, e acabar capturando a névoa de um crepúsculo e reproduzi-la na tela. Essa jornada toda é, por si só, uma ótima recompensa!
  • Quando você aprender a gostar da arte fina através de seus pintores favoritos, você irá entender que o que você cria está dando a mesma alegria para cada um de seus compradores. Você está descobrindo tesouros jamais vistos no mundo inteiro. Mesmo que eles sejam um redemoinho abstrato em uma tela que expressa a raiva, a alegria ou o amor, irão ajudar a alguém a entender, presenciar e liberar seus sentimentos.
  • Imagine que seu trabalho, por ser tão real e valioso, possua uma jornada de aprendizado tão longa quanto a da Medicina e do Direito. O talento não escolhe uma pessoa do nada e cai sobre ela. Até mesmo os artistas que parecem aprender rápido, ou que aprenderam quando eram jovens, precisam de esforço. Isso, mesmo que tenham mais conhecimento do que outros que começaram tarde ou que aprendem de forma mais lenta. As crianças tem uma vantagem física em aprender qualquer tipo de coisa. Caso aprendam enquanto o cérebro ainda esteja em fase de desenvolvimento, terão maior facilidade do que qualquer adulto.
  • Entenda que aprender a pintar e a desenhar fará com que você mude e cresça como um ser humano. Você estará usando muitas partes do cérebro que as pessoas aprenderam a ignorar. Assim como um músculo, essas funções cerebrais mudam e melhoram permanentemente. Você deve se tornar mais intuitivo e criativo em outras atividades e deve, também, se tornar mais expressivo através de outras formas. Seu entendimento de cores, por exemplo, irá afetar o modo como você se veste. Consequentemente, as outras pessoas pensarão que você está com uma aparência melhor. Muitas dessas mudanças são positivas.

Avisos

  • Nunca pague um agente adiantado. Se eles não fizerem um bom trabalho, não merecem nenhum dinheiro. Se eles cobrarem, será um grande sinal que não devem ser confiáveis. Cheque seus antecedentes. Se ele parecer bom demais para ser verdade e ficar te bajulando de forma excessiva, como se você fosse o próximo Picasso, provavelmente é uma furada. Caia fora.
  • A fama pode ser boa ou ruim. Só depende de você! Quando perceber que a está utilizando de maneira errada, pare para refletir um pouco. Tente mudar. É muito comum vermos algumas celebridades que tem tudo para serem felizes na vida, deixarem o bem mais precioso que possuem, que é a vida, ser destruído por coisas tão baratas, como a droga e a bebida.
  • A mudança pessoal pode ser assustadora. Quando os sentimentos fortes ou de incerteza começarem a lhe envolver, você pode usar a pintura como uma forma de enfrentar o medo, trabalhar através dele e tirar um proveito de tudo isso.
  • Acredite em si mesmo. Assim como as pessoas o passarão a vê-lo de forma diferente, você também passará a se enxergar com uma identidade diferente daquela que você possuía quando imaginava a si mesmo sendo um artista. Algumas pessoas ficarão nervosas com isso, e irão rejeitar o propósito da sua arte. Elas dirão que isso é algo idiota, auto-indulgente, insultarão seu trabalho ,dizendo que ele não é real, irão chamá-lo de fraude, preguiçoso, enfim! Farão de tudo para fazer com que você volte a ser seja lá quem eles pensavam que você era.
  • As relações podem ficar instáveis, caso seu(ua) parceiro(a) fique ciumento(a) por você dedicar muito tempo, atenção e emoção à arte. Isso pode ser um conflito fácil de resolver ou não. Tente ser paciente com aquela pessoa ao qual se importa, mas caso isso não funcione, encontre alguém com interesses mais compatíveis e que aprecie sua escolha.

Materiais Necessários

  • Papel/tela de pintura;
  • suprimentos artísticos, como pincel, lápis, tinta, etc.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.