Como Fritar um Peru Inteiro

Esta maneira alternativa e deliciosa de preparar peru é extremamente popular nos Estados Unidos, especialmente nas celebrações de Ação de Graças. Como o processo de fritar o peru inteiro é mais rápido que utilizar um forno ou grill, muita gente tem optado por esse método para economizar seu tempo e melhor utilizá-lo com a confraternização entre os amigos durante estas festas, sem deixar de ter uma deliciosa refeição.

Passos

  1. Tempere o peru. Comece espalhando pimenta caiena por cima do peru e ao redor de suas coxas, esfregando-a conforme espalha. Em seguida, vire-o de lado, polvilhe mais pimenta e esfregue-a por dentro do peru. Vire o peru completamente de cabeça para baixo antes de espalhar e esfregar a pimenta pelo lado de baixo. Siga até que toda a peça tenha sido coberta e esfregada com a pimenta.
    • Há várias maneiras diferentes de temperar um peru, portanto, fique à vontade para consultar outras receitas. A maioria delas envolve o ato de espalhar e esfregar o peru com temperos ou injetar marinadas.
    • Procure esfregar também por baixo da pele, já que ela costuma aderir às grandes aves quando cozida em excesso.
  2. Faça o suporte de metal. Este método é recomendado caso você não tenha um cesto para fritura em imersão. Insira o fio de metal pelo ombro do peru (onde a cabeça estaria) logo abaixo do peito, pelas asas. Com cuidado, pressione o fio e dê aproximadamente três voltas com ele para fazer o suporte de metal. Torça as extremidades do fio para evitar deixar as pontas expostas.
    • É muito importante fazer um teste rápido para se certificar de que seu suporte está totalmente seguro quando for elevar o peru. Apenas quando tiver certeza de que o suporte é seguro você deverá prosseguir.
    • Para que o óleo atinja todo o peru, faça algumas perfurações na pele do animal.
  3. Prepare o fogo. O processo de fritura deve ser feito em uma área externa, seca, bem ventilada e longe de quaisquer produtos inflamáveis. Deixe a boca do fogão em uma superfície totalmente plana, evitando que a panela escorregue. Deixe o tanque de gás o mais longe possível do fogão e longe de quaisquer materiais inflamáveis. Quando algumas das orientações de segurança não são observadas, pode haver explosões. Leia as instruções presentes em seu fogão/fogareiro.
    • Nunca use a fritadeira na garagem ou em um deck quando houver óleo na panela.
  4. Prepare o nível de óleo. Encha a panela até a metade com água. Então encha aproximadamente metade do balde/cesto com água, representando mais ou menos o peso do peru que será frito. Coloque o balde para se certificar que a água da panela não irá entrar no balde. Ela deverá estar a no mínimo a 12 centímetros da borda. Caso o nível da água esteja muito alto, elimine um pouco dela. Este limite de água irá representar quanto de óleo será necessário. Portanto, anote-o. Remova o balde e retire a água da panela.
    • Alternativamente, você pode colocar o peru na panela vazia e enchê-la com água até cobrir o peru (entre 3 a 5 cm acima dele). Novamente, o nível da água deve estar no mínimo 12 centímetros abaixo da borda. Retire o peru e meça o nível de água com uma régua. Seque o peru por completo após esse processo.
  5. Seque a panela. É extremamente importante secar completamente a panela. Não deixe nenhum resquício de água, já que agua e óleo quente pode ser uma combinação bastante perigosa.
  6. Adicione o óleo. Despeje o óleo na panela até o nível em que a água estava. Você deve ter algo entre 7 e 12 centímetros de óleo na panela. Acenda o fogo no nível alto e coloque a panela sobre ele cuidadosamente. Com um termômetro apropriado, verifique quando o óleo atingir a temperatura de 175 graus Celsius. O tempo que levará até que tal temperatura seja atingida pode variar.
    • Você deve monitorar a temperatura durante todo o processo de aquecimento e preparo do peru. Dependendo da potência do fogo e das condições do local, o óleo pode aquecer rapidamente e níveis perigosos.
    • Coloque uma roupa/avental protetores e luvas. Também seria interessante utilizar óculos protetores especiais para evitar que o óleo possa espirrar em seus olhos.
  7. Verifique a temperatura. Quando o óleo atingir 175 graus Celsius, estará pronto para fritar. Certifique-se de que está utilizando as luvas e roupa protetora quando for manusear o peru ou estiver trabalhando próximo do óleo. Com um gancho anexado ao suporte de arame feito anteriormente, coloque o peru com muito cuidado no óleo quente. Ainda que o peru esteja totalmente seco, poderá haver uma reação violenta quando ele entrar em contato com o óleo. Faça esse processo com muito cuidado e bem devagar, estando ciente de que o óleo poderá espirrar.
    • É extremamente recomendado desligar o fogo quando for submergir o peru e ligá-lo novamente em seguida. Muitos acidentes são causados quando o óleo quente espirra sobre o fogo.
    • Para uma ave grande, utilize algum tipo de vara, como um taco de hockey. Peça a alguém para ajudá-lo com esse processo. Com o uso desta vara, você poderá manter uma distância segura do óleo quando ele entrar em contato com o peru.
  8. Frite o peru. Calcule entre 3 a 4 minutos de cozimento para cada 500 gramas de carne. Monitore a temperatura deixando um termômetro próprio de cozinha no óleo (pendurado com um fio de cobre), durante o processo de cozimento. Não tire sua atenção do óleo em nenhum momento durante a fritura! Quando o peru é submergido e começa a fritar, o óleo pode perder um pouco de temperatura, voltando a aquecer em seguida. Durante o processo, verifique como está a fritura da ave levantando-a brevemente da panela. Novamente, utilize o gancho sobre o suporte de arame. Então, baixe-o novamente para que siga a fritura.
    • O processo de preparo pode variar dependendo de alguns fatores como a temperatura externa e da ave.
    • Caso o óleo comece a soltar fumaça em qualquer momento, baixe imediatamente o fogo. O óleo, quando superaquecido, pode entrar em combustão.
    • Para controlar a temperatura, caso ela comece a subir em excesso, ajuste a fonte de calor.
  9. Conclua a fritura. Quando o peru começar a boiar no topo do óleo, deixe-o fritar por mais uns 15 minutos. Quando pronto, remova-o cuidadosamente da panela e chacoalhe-o para retirar o excesso de óleo, levando-o em seguida a uma bandeja. Cheque a temperatura interna com um termômetro para carne. A temperatura deverá estar a pelo menos 75 graus Celsius, mas preferencialmente a 77 graus na região do peito e 82 nas coxas. Apague o fogo. Deixe o óleo esfriar completamente em um local fora do contato de todos (especialmente crianças e animais). Remova o suporte de arame e sirva.

Ingredientes

  • 1 peru de aproximadamente 5 kg
    • seque-o por dentro e por fora
    • remova o pescoço e as vísceras/miúdos de seu interior
    • retire o temporizador plástico
    • remova quaisquer fios ou plásticos utilizados para prender as pernas do peru
    • descongele-o por completo; veja os "Avisos"
  • 2 colheres de sopa de pimenta caiena (ou o tempero desejado/marinada)
  • Óleo com alto ponto de calor (amendoim, canola refinado, milho ou girassol)

Dicas

  • O processo de fritura por imersão também pode ser utilizado para outras aves ou frutos do mar.
  • Esse processo é melhor conduzido por duas pessoas: uma para cuidar da fritadeira e outra do preparo do peru.
  • Experimente servir o peru com algumas batatas assadas ou vegetais no vapor. Você pode encontrar boas receitas para estes pratos no wikiHow.
  • Há fritadeiras elétricas disponíveis. Elas podem ser utilizadas em ambientes fechados mas não aquecem tão rapidamente. Por outro lado, elas possuem termostato com timer e programação para interrupção de segurança.
  • Lave imediatamente suas mãos, utensílios e superfícies que entraram em contato com o peru cru.
  • Perus de menor tamanho (entre 3,5 a 4,5kg) são melhores para a fritura em imersão, já que o longo processo de preparo das aves maiores (acima de 6,5kg) podem levar ao cozimento em excesso da pele, além de trazer mais dificuldades para submergi-las no óleo, por conta do peso. Caso você tenha uma ave grande, é recomendado que ela seja frita em partes, com as pernas e coxas de uma vez e a região do peito em seguida.
  • Para reutilizar o óleo, deixe-o esfriar e despeje-o em um coador/funil. Caso tenha utilizado temperos, farinha ou ervas, utilize um coador de papel. Cubra e refrigere em seguida. O óleo pode ser guardado e reutilizado até que já não apresente boas condições.

Avisos

  • Lembre-se de apagar o fogo quando for submergir o peru.
  • Mantenha um extintor próximo a você! Nos Estados Unidos, depois dos incêndios de árvores de Natal, o processo de fritura por imersão de perus é a maior causa de incêndio durante as festividades.
  • Caso o peru não esteja totalmente descongelado, o gelo poderá reagir com o óleo quente, causando chamas e outras situações perigosas.
  • Não tire sua atenção do óleo em momento algum.
  • Cerifique-se de que todos, especialmente crianças e animais, estejam longe da área de preparo do peru durante todo o tempo.

Materiais Necessários

  • Panela grande (aproximadamente 35 litros)
  • 1 medidor de temperatura
  • 1 botijão de gás e fogareiro/fogão
  • Aproximadamente 25 litros de óleo
  • 1 suporte de metal ou gancho
  • 1 metro de arame para o suporte
  • 1 par de luvas protetivas
  • 1 roupa e aventais protetores apropriados
  • 1 extintor de espuma (para o caso de emergências)
  • 1 balde grande, aproximadamente do tamanho do peru
  • papel toalha
  • 1 alicate
  • 1 termômetro de carne
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.