Como Aliviar a Dor de uma Unha Encravada

Quando uma unha do pé fica encravada, as laterais ou cantos dela se curvam e perfuram a pele do dedo. Isso pode causar inchaço, dor, vermelhidão e, ocasionalmente, pus. Esta condição, conhecida também como onicocriptose, geralmente afeta o dedão, mas isso não quer dizer que os outros dedos do pé não sejam suscetíveis a unhas encravadas. O tratamento é fácil, mas esperar o dedo sarar pode ser algo bastante doloroso. Após diagnosticar uma unha encravada, utilize remédios caseiros para aliviar a dor. Se a dor for muito forte ou sua unha ficar infectada, procure um médico.

Diagnosticando uma unha do pé encravada

  1. Verifique se o dedo está inchado. Uma unha encravada geralmente causa um pouco de inchaço na área ao redor da unha. Compare esse dedo ao mesmo do outro pé. Ele parece mais inchado que o normal?
  2. Examine a área e repare se dói ou está sensível. A pele ao redor do dedo parecerá mais delicada, ou doerá ao seu toque. Pressione gentilmente seu dedo indicador ao redor da área para isolar a origem do desconforto.
    • Uma unha do pé encravada também pode apresentar uma pequena quantidade de pus.
  3. Localize a unha. Quando a unha fica encravada, a pele ao longo da lateral parece crescer por cima dela. Há também a possibilidade da unha parecer estar crescendo debaixo da pele. Talvez você não consiga localizar o canto superior da unha.
  4. Leve em consideração sua saúde. Na maioria das vezes, uma unha encravada pode ser tratada em casa com eficácia. Mas, se você tem diabetes ou outro problema que cause neuropatia (dano nos nervos), não tente se tratar sozinho. Você deve marcar imediatamente uma consulta com um médico.
    • Se você possuir algum dano no nervo ou pouca circulação de sangue na perna ou no pé, o médico vai querer averiguar imediatamente sua unha encravada.
  5. Converse com o médico. Se você não tiver certeza de que sua unha está encravada, a melhor coisa a fazer é procurar um médico. Ele será capaz de fazer um diagnóstico e passar um tratamento.
    • Se o problema for particularmente ruim, seu médico pode recomendar um podiatra ou outro especialista.
  6. Não deixe o dedo ficar pior. Se acha que a unha está encravada, você deve começar a tratá-la de imediato. Caso contrário, você arrisca causar problemas mais sérios, como uma infecção.
    • Procure um médico se os sintomas persistirem por mais de dois ou três dias.

Testando remédios caseiros

  1. Mergulhe o pé em água morna. Utilize uma bacia grande ou uma banheira para mergulhar o pé, o que vai ajudar a reduzir o inchaço e a sensibilidade. Se não tiver nenhuma das duas, escolha uma vasilha ou outro recipiente no qual consiga submergir seu dedo. Deixe a unha de molho por cerca de 15 minutos. Repita de 2 a 3 vezes por dia.
    • Acrescente sulfato de magnésio à água. Essa substância é amplamente reconhecida pela habilidade de reduzir a dor e o inchaço, além de ajudar a amolecer a unha. Acrescente 1 xícara de sulfato de magnésio em uma banheira com alguns centímetros de água.
    • Você pode usar o sal de mesa se não tiver sulfato de magnésio. A água salgada matará as bactérias da região.
    • Massageie gentilmente a área afetada. Isso vai ajudar a água a penetrar na unha encravada, o que vai auxiliar a remover bactérias. Talvez também ajude a reduzir a dor e o inchaço.
  2. Utilize um algodão ou fio dental para levantar a borda da unha com delicadeza. Depois de deixar o pé de molho, a unha deve estar mais amolecida. Com cuidado, coloque um pedaço de fio dental abaixo da borda da unha. Levante gentilmente a borda dela, de modo que ela não cresça ainda mais para dentro da pele.
    • Faça esse procedimento toda vez que deixar o pé de molho. Utilize um pedaço limpo de fio dental a cada vez.
    • Isso pode ser um pouco dolorido, dependendo da extensão da unha encravada. Experimente tomar um remédio para aliviar a dor.
    • Não empurre muito a unha. Você pode acabar causando mais infecções e então precisar de intervenção médica.
  3. Tome um remédio contra dor. Um remédio contra dor vendido sem receita pode lhe proporcionar um pouco de alívio do desconforto que estiver sentindo. Tome uma aspirina, paracetamol ou um anti-inflamatório não esteroide (AINE), tal como ibuprofeno ou naproxeno, ou aspirina. AINEs podem ajudar a aliviar a dor e a inflamação..
    • Experimente o paracetamol se não puder tomar analgésicos.
  4. Tente passar um creme antibiótico no local. Isso ajudará a combater a infecção. Você encontra esse tipo de creme com facilidade em farmácias e mercados.
    • Cremes antibióticos também podem ter um anestésico local, tal como lidocaína. Isso aliviará temporariamente a dor na área.
    • Siga as instruções de aplicação contidas na embalagem do creme.
  5. Coloque uma atadura para proteger o dedo. Para protegê-lo de mais infecções ou de ficar preso na meia, enrole uma atadura ou um pouco de gaze nele.
  6. Use sandálias abertas na parte dos dedos ou sapatos mais folgados. Deixe os pés descansarem e escolha usar sapatos e sandálias abertos ou outros calçados mais folgados.
    • Sapatos apertados podem originar ou exacerbar unhas encravadas.
  7. Teste remédios homeopáticos. Homeopatia é uma ciência alternativa que se vale de ervas e outros ingredientes naturais para tratar de diversas enfermidades.Para tratar dor causada por unha encravada, tente um ou mais dos seguintes remédios homeopáticos:
    • Silicea Terra, Teucrium, Ácido Nítrico, Graphites, Magnetis Polus Australis, Ácido Fosfórico, Thuja, Causticum, Cloreto de Sódio, Alumina ou Kali Carb.

Fazendo a unha do pé sarar

  1. Mergulhe seus pés na água por 15 minutos. Usando água morna e sulfato de magnésio, deixe de molho a unha afetada por 15 minutos. Isso ajudará a amolecer a unha, facilitando seu trabalho de afastá-la da pele.
  2. Levante a unha do pé e afaste-a da pele. Gentilmente, separe a pele que está junto da unha. Isso ajudará a afastar a pele da unha, de modo que você consiga ver a borda dela. Use um pedaço de fio dental ou uma espátula de unha afiada para levantar a borda da unha e afastá-la da pele. Talvez seja preciso começar pelo lado que não estiver encravado. Com o fio dental ou a espátula, encaminhe-se na direção da borda encravada.
    • Desinfete a espátula com álcool ou água oxigenada antes de usá-la.
  3. Desinfete o dedo. Quando a unha estiver afastada da pele, despeje uma pequena quantidade de água limpa, álcool isopropílico ou algum outro tipo de desinfetante debaixo da unha. Isso impedirá que bactérias se acumulem ali.
  4. Coloque uma gaze debaixo da borda da unha. Pegue um pouco de gaze limpa e enfie-a debaixo da unha que você levantou. O objetivo é impedir que a borda da unha toque a pele. Desse modo ela vai conseguir crescer longe da pele, em vez de ficar ainda mais encravada.
  5. Aplique creme antibiótico ao redor da unha. Quando tiver colocado a gaze no lugar, aplique creme antibiótico na área. Você pode ainda escolher passar uma pomada com lidocaína, o que deixará a área ligeiramente dormente.
  6. Enfaixe o dedo. Enrole uma tira de gaze ao redor do dedo. Você também pode usar uma meia em que os dedos ficam separados.
  7. Repita esse processo diariamente. Utilize esse processo para ajudar a unha encravada a sarar. À medida que o dedo sara, a dor da unha encravada vai diminuir, assim como o inchaço.
    • Troque a gaze diariamente para garantir que bactérias não entrem na área da unha.

Procurando ajuda profissional

  1. Depois de três dias, busque ajuda médica. Se o tratamento caseiro não fizer a unha melhorar depois de 3 dias, converse com o seu médico. Se você tiver diabetes ou outro problema que cause danos aos nervos, procure um médico imediatamente e considere marcar uma consulta com um podiatra.
    • Se você notar listras vermelhas no seu dedo, procure imediatamente um médico. Isso é sinal de uma grande infecção.
    • Você deve procurar um médico se houver pus perto da unha.
  2. Converse com o médico sobre seus sintomas. Seu médico te perguntará quando a unha encravada apareceu e quando começou a ficar inchado ou vermelho ou dolorido. Ele provavelmente também perguntará se você está sentindo alguma outra coisa, como febre. Certifique-se de falar sobre todos os seus sintomas.
    • Um clinico geral é capaz de tratar uma unha encravada. Mas, se o caso for mais complicado ou houver condições recorrentes, você pode escolher se consultar com um pedicuro (especialista em pés).
  3. Consiga uma receita médico para antibióticos. Se a unha estiver infectada, o médico pode prescrever um antibiótico oral ou em creme. Isso vai garantir que a infecção desapareça e que novas bactérias não se instalem debaixo da unha.
  4. Permita que o médico tente levantar a unha. Seu médico provavelmente vai querer tentar o procedimento menos invasivo, que consiste em afastar ligeiramente a unha da pele. Se ele conseguir afastar a borda da unha da pele, ele vai poder colocar uma gaze ou um algodão embaixo.
    • Seu médico vai passar instruções sobre como trocar a gaze todos os dias. Siga essas orientações para garantir que a unha se cure.
  5. Pergunte sobre uma remoção parcial de unha. Se a unha encravada estiver muita infectada ou tiver crescido significativamente ao redor da pele, o médico pode optar por remover a unha. Ele vai administrar uma anestesia local e então cortar ao longo da borda da unha, removendo a parte que está crescendo na pele.
    • Sua unha vai crescer de novo dentro de 2 a 4 meses. Alguns pacientes se preocupam com a aparência da unha depois desse procedimento. Mas se sua unha estiver crescendo para dentro da pele, provavelmente ela ficará melhor depois dessa remoção parcial.
    • A remoção da unha pode soar como uma medida um tanto quanto drástica, mas alivia a pressão, a irritação e a dor causadas pela unha encravada.
  6. Pesquise sobre remoção parcial permanente de unha. Se as unhas do seu pé sempre ficam encravadas, talvez seja bom procurar uma solução mais permanente. Nesse tipo de procedimento, o médico irá remover uma parte da sua unha junto com o leito ungueal, que fica abaixo da unha. Isso evitará que ela cresça de novo nessa área.
    • Este procedimento é feito usando laser, química ou corrente elétrica, ou então através de cirurgia.

Prevenindo unhas encravadas

  1. Corte as unhas de modo correto. Muitas unhas ficam encravadas porque são cortadas de modo incorreto. Corte-as de modo quadrado. Não deixe os cantos arredondados.
    • Use cortadores de unha esterilizados.
    • Não deixe as unhas do pé curtas demais. Você pode optar por deixar as unhas um pouco mais compridas. Isso vai garantir que a unha não cresça para dentro da pele.
  2. Visite uma clínica de cuidados para os pés. Se não conseguir alcançar as unhas do pé e cortá-las, pode visitar uma clínica de cuidados para os pés e procurar esse serviço. Verifique um hospital ou centro de tratamento por perto e encontre um local que possa cortar suas unhas do pé por você.
  3. Evite usar sapatos muito apertados. Se os sapatos apertam seus dedos, há mais riscos de você ficar com as unhas do pé encravadas. A lateral do sapato pode pressionar seu dedo e fazer com que a unha cresça de maneira imprópria.
  4. Proteja os pés. Se participar de atividades que podem causar danos aos seus dedos ou pés, utilize sapatos com proteção. Por exemplo, em locais de construção use sapatos com os bicos reforçados.
  5. Peça ajuda para cuidar das unhas do pé se você tiver diabetes. Diabéticos muitas vezes experimentam entorpecimento nos pés. Se você cortar suas unhas, pode machucar acidentalmente seu dedo e não sentir. Visite uma clínica de cuidado para os pés ou peça que outra pessoa corte suas unhas para você.
    • Consulte seu podiatra regularmente se tiver diabetes ou outro problema de saúde que cause danos aos nervos.
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.