Como Comprar um Nome de Domínio Barato

Comprar um nome de domínio pode ser uma ótima forma de configurar o seu próprio website e/ou endereço de e-mail personalizado. Aqui, você encontrará alguns fatores importantes que deverá ter em mente, além de algumas instruções passo a passo que lhe ensinarão a comprar um nome de domínio disponível e a pechinchar pela internet para ver se encontra um que já esteja registrado à venda.

Coisas que Você Deve ter em Mente

  1. Entenda quais são os fatores de peso que afetam o preço e as taxas no momento da compra de um domínio. Um bom nome de domínio é simples, único, e fácil de se lembrar. Dito isso, o preço (não aquele mencionado no valor intrínseco) de um domínio irá depender de fatores, como: o tamanho em geral, o número de palavras, a facilidade de se lembrar, e quanto de tráfico ele atrai sem pedir para as pessoas, etc. Um nome pequeno, de apenas uma palavra (como, por exemplo, cat.com), será caro, pois títulos simples como esse possuem várias utilidades. Por serem assim, muitas pessoas irão checá-los sem ao menos serem solicitadas para tal. Se realmente precisar de um preço menor, aumente-o ou adicione "o" ou "meu" na frente dele. Note, contudo, que isso também irá reduzir a performance do domínio. Antes de se dar ao luxo de se apaixonar por um nome de domínio, crie uma quantidade maior de variantes e de alternativas para poder escolher.
    • Caso o nome desejado possua um erro de digitação proposital, esteja preparado para poder perder tráfico para a versão correta. Alternadativamente, se seu nome contiver uma palavra que é normalmente escrita de forma errada, considere comprar uma variante (ou mais) do seu nome de domínio, e redirecione-a para o seu site principal. Não é necessário dizer que isso irá lhe causar gastos adicionais.
    • Evite incluir caracteres (ex. _, *, #) em seu nome, pois não são nem um pouco intuitivos. Além disso, irão divergir a sua audiência.
  2. Considere selecionar uma nome de domínio acreditado ICANN. Uma empresa ICANN acreditada deve passar por todas as verificações de acreditações. Esse processo é caro e bem específico e, além disso, lhe permite saber se a empresa possui compromisso ou não.
  3. Certifique-se de que você possa controlar cada aspecto do seu nome de domínio. Muitas empresas de registro de nome de domínios não irão lhe permitir fazer alterações em seu domínio por conta própria. Você deverá fazer uma solicitação através do sistema de ajuda que eles oferecerem e, então, esperar por alguns dias até obter a assistência desejada. Coisas simples como mudar as tags IPS e alterar o nome dos servers serão possíveis através do painel de controle. Veja se o serviço no qual você está interessado oferece um painel de controle, e teste-o para ver o que ele lhe permite fazer.
  4. Cheque se há alguma taxa associada ao lançamento ou à transferência do seu domínio. Muitos registros de nome de domínios e empresas de hospedamento irão cobrar uma taxa para poderem liberá-lo. Já outras, cobrarão uma taxa toda vez que você mudar os hosts (.com, .net, .biz etc.). Tome cuidado! Essas taxas são totalmente desnecessárias. Por quê você pagaria para poder mexer no seu próprio domínio?
  5. Veja se você irá conseguir alguma conta de e-mail. Muitas empresas que trabalham com a hospedagem não incluem e-mail, ou cobram uma taxa extra por ele. Na maioria dos casos, o máximo que você irá conseguir é o encaminhamento de um e-mail. Isso serve até mesmo para e-mails POP3, pois algumas empresas só oferecem uma ou duas contas para você. Você deverá fazer uma boa pesquisa, para ver se consegue encontrar uma que lhe ofereça pelo menos uma quantidade entre 15 e 20 contas de e-mail POP3, livres de cobranças, juntamente com o seu nome de domínio.
  6. Certifique-se de que você possa utilizar os servers SMTP deles para mensagens de saída. Muitos hospedadores e empresas que fornecem o registro de domínio não lhe deixarão utilizar o server SMTP que eles possuem para enviar e-mails. Entretanto, há algumas que por aí que possuem ISPs e banda larga que irão lhe permitir utilizar os seus servers SMTP com a marca de e-mail deles (por ex.: joaodesouza@ISPdeles.net). Isso significa que se você utiliza o seu próprio endereço de e-mail (por ex.: joaodesouza@joaodesouza.net), você não poderá enviar mensagens através do server SMTP deles. Há algumas formas de contornar isso, mas é melhor evitá-las para não arranjar problemas.
    • Cuidado! Há várias empresas de hospedagem que possuem uma ótima reputação, e que irão lhe permitir apenas utilizar os servers SMTP deles em contas de e-mail premium. Isso irá lhe trazer custos adicionais.
  7. Certifique-se de sempre reter o controle do seu nome de domínio. Há centenas de negócios por aí que hospedam seus websites com um hospedador que não estão gostando muito. Serviço ruim, faturas surpresa, tempo de atividade não confiável e problemas com e-mail são apenas algumas das reclamações que os clientes estão fazendo atualmente. A única coisa que desejam depois de contratarem esse tipo de empresa é dar no pé! Só não conseguem, contudo, pois transferir todos os seus domínios para um outro host irá causar uma grande dor de cabeça. Por isso, escolha com sabedoria para não acabar se tornando um deles!
  8. Nunca registre o seu domínio no nome de outra pessoa. O nome de algum conhecido pode parecer mais atrativo do que o seu, mas se o domínio for registrado no nome dele, você poderá perder o seu site da noite para o dia, caso ele negligencie em renová-lo em um determinado momento ou caso brigue com você.

Compre um Nome de Domínio que Esteja Disponível

  1. Pesquise por algumas empresas antes de decidir qual delas irá contratar. O preço, a gama de controle, a facilidade de uso, o nível de serviço ao consumidor e tudo o que eles têm a oferecer deve ser comparado de forma justa. Veja a seção anterior para poder ter uma ideia.
  2. Veja se o nome que você deseja já possui dono. A empresa que você escolher irá lhe permitir fazer uma pesquisa nos dados, para saber se o nome que você quer já está registrado ou não. Caso esteja, siga os próximos passos. Caso não, pense mais um pouco para poder ter certeza de que quer esse ou algum outro, ou veja o próximo passo.
    • Não vá pensando que o nome que você escolheu está disponível só porque você o digitou na barra de pesquisa e não encontrou informação nenhuma. Os sites que não foram liberados ainda ou que estejam em manutenção podem causar algumas falsas impressões.
  3. Escolha o domínio e pague por ele. Para poder consegui-lo e mantê-lo, você terá que pagar uma taxa de compra, uma renovação anual e possivelmente uma taxa de configuração.
  4. Nunca se esqueça de pagar pela sua taxa de renovação no prazo correto. Caso contrário, você poderá perder o seu site da noite para o dia. Isso será algo um pouco embaraçoso, ainda mais se o seu domínio tiver sido comprado por uma alguém desagradável que está chocando os seus leitores antigos.

Pechinche para Encontrar um Nome de Domínio que já está sendo Usado

  1. Descubra quem é o dono daquele domínio. Caso seja um operador maior com um site bem estabelecido, vá se despedindo daquele nome, pois não irá consegui-lo. Entretanto, pode ser que você dê sorte e descubra que o domínio foi comprado do nada, como um backup, ou sem a consideração necessária. Nesse caso, você pode tentar negociar para ver se consegue alguma coisa.
  2. Entre em contato com o proprietário. Antes de fazer isso, aqui vai uma dica: envie um e-mail para ele, perguntando se o domínio está ou não à venda. Caso você seja uma pessoa muito conhecida ou esteja ligada à um negócio muito importante, crie um endereço de e-mail genérico para poder entrar em contato com eles, pois o seu sucesso poderá se virar contra você. Esteja ciente, contudo, de que um endereço de e-mail muito comum poderá ser considerado como spam.
  3. Negocie um valor. De acordo com o empresário da internet, James Siminoff, há quatro cenários básicos de pechincha:
    • O proprietário sugere um valor totalmente desproporcional. Nesse caso, rebata dizendo qual valor acha justo em vez de ficar apenas querendo diminuí-lo. Não é segredo nenhum que os nomes de domínio possuem um valor considerável. Portanto, não é muito comum o proprietário levar a sua oferta a sério.
    • O proprietário lhe pede para sugerir um preço. Nesse caso, ele quer vender e está muito disposto a negociar. Sugira um valor em uma faixa de 20 a 30% inferior do que realmente pode pagar, e deixe rolar para ver o que acontece.
    • O proprietário pede um valor inferior ao que você iria oferecer. Aceite, mas não de forma muito entusiasmada, pois poderão começar a suspeitar que estão sendo generosos de mais.
    • O proprietário sugere exatamente o valor que você iria oferecer. Veja acima.
  4. Seja extremamente cauteloso enquanto estiver conversando com o proprietário. Mesmo que você aceite comprar o domínio por e-mail, a comunicação pode ser utilizada contra você na justiça, como se fosse um contrato. Até ter a total certeza de que realmente quer fazer negócios com ele, aceite comprar o domínio "contato que todos os termos sejam aceitos". Isso irá lhe fornecer uma brecha, caso as coisas se esquentem.
  5. Faça com que o proprietário aceite o mais rápido o possível. Caso ele concorde com o seu valor de forma imediata, o e-mail irá se tornar um contrato bem forte.

Dicas

  • .biz é voltado para os negócios (business , em inglês)
  • .mobi é voltado para dispositivos móveis
  • .info é voltado para a informação
  • .org é voltado para as organizações
  • .com é voltado para domínios com finalidades comerciais
  • Apenas para te dar uma noção: você deverá encontrar uma empresa que lhe forneça tudo o que foi descrito acima por mais ou menos R$40,00 por ano, assumindo que o site não seja tão movimentado (como < 5 GB por mês), e o tamanho dele não seja muito grande também (como < 50 MB). Esse valor será bem justo, ainda mais se o seu site for pessoal.
  • .br significa que o domínio é do Brasil
  • .edu é voltado para estabelecimentos educacionais de ensino pós-secundário
  • Há outra forma? Sim, há. Aqueles que estão voltados para a área dos negócios deverão fazer uso do registro de um nome de domínio, para poderem administrar todos os seus outros domínios. Há várias empresas que fornecem serviços bem profissionais e que estão no ramo dos negócios há anos. Além disso, fornecem aos seus clientes acesso à painéis de controle que lhes dão o total controle do nome de seus domínios. Portanto, tudo o que eles têm que fazer é alterar os detalhes do nome do server através de seu hospedador antigo, para poder configurá-los com o novo em cada domínio.
  • .net significa rede (network , em inglês)
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.