Como Andar de Moto

Опубликовал Admin
28-09-2018, 16:00
418
0
Você quer sentir o vento no rosto enquanto dirige por uma estrada vazia? Ou simplesmente está entrando na crise da meia idade? Se você já encontrou a moto certa e já tirou a carta de habilitação categoria A, este guia te ajudará a começar a dirigir sua moto em sua jornada.

Segurança e Preparação de Teste

  1. Aprenda as medidas de segurança necessárias para dirigir uma moto. Elas podem ser bem perigosas. Saiba as habilidades básicas para se pilotar com segurança; é o essencial para manter você e as pessoas ao seu redor vivos. Algumas medidas de segurança incluem:
    • Vestir o equipamento de segurança necessário.
    • Manter uma distância segura de outros veículos.
    • Manter-se dentro da velocidade permitida na via e seguir o fluxo do trânsito.
    • Faça manutenções regulares na sua moto. Você deve checar os pneus, as rodas, os controladores (alavancas e pedais, cabos, mangueiras e embreagem), as luzes (bateria, farol, luz de freio, setas, espelhos, etc.), óleo (nível do fluído e vazamentos), chassi (quadro, suspensão, corrente ou correia, parafusos) e os apoios (lateral ou cavalete central).
  2. Leia o manual da sua moto. Familiarize-se com os componentes dela e como agir em estradas e ruas. Os componentes comuns em motos incluem:
    • Manopla direita, do acelerador.
    • Manete direito, do freio dianteiro.
    • Manete esquerdo, de embreagem.
    • Alavanca de mudança de marchas no pé esquerdo.
    • Painéis de aceleração e combustível.
  3. Leia o manual de motocicletas do DETRAN (Departamento Estadual de Trânsito) do seu Estado. Procure no site ou vá ao órgão físico para buscar mais informações. Conheça as leis, requerimentos e especificações para dirigir motocicletas no Estado ou jurisdição no qual reside. As especificações podem ser:
    • Condições especiais de seguro
    • Regras pertinentes a passageiro (garupa)
    • Limites de velocidade e restrições
    • Se seu Estado permite ou não a circulação de motocicletas em vias expressas
    • Restrição quanto a barulho, incluindo modificações no escapamento.
  4. Faça o teste prático para a carteira de habilitação (CNH) categoria A. Se for bem sucedido, você obterá a Permissão Para Dirigir, ou carteira provisória. Agora, você está pronto para aprender a dirigir.

Descobrindo Como Sua Moto Funciona

  1. Procure alguém experiente em dirigir moto. Antes que você fique muito animado e ligue sua moto, certifique-se de que há alguém que saiba o que está fazendo por perto. Contratar um profissional ou participar de cursos pode ajudar neste ponto.
  2. Suba na moto. A primeira vez que você jogar a perna por cima da moto pode ser estranha. Tente seguir estes passos:
    • Coloque ambas as mãos no guidão e se curve levemente em direção ao tanque.
    • Se você estiver do lado esquerdo, coloque todo seu peso na perna esquerda. Nunca suba do lado oposto ao apoio lateral (também conhecido como "pézinho"). Se a moto estiver em um cavalete central, suba do lado que for mais confortável para você.
    • Levante a perna direita por cima da moto. Levantar bem a perna garantirá que você não "chute" a moto na hora de subir. Nunca suba pela garupa.
  3. Fique confortável na moto. Agora que você já montou, é a hora de se familiarizar com o peso e a sensação. Faça quaisquer ajustes necessários nos retrovisores e familiarize-se, também, com os comandos de seta, buzina e farol.
  4. Aprenda os controles. Quer seja um amigo experiente ou um profissional que esteja te ajudando, eles serão capazes de te ajudar com as habilidades básicas: como ligar, acelerar, desacelerar, trocar de marcha, frear, parar, estacionar e começar tudo de novo. Aprendendo com sucesso essas habilidades requer seu conhecimento de como os controles da moto funcionam.
  5. Conheça seu acelerador e freios. Sua mão direita controla a aceleração e o freio frontal. Seu pé direito controla o freio traseiro.
    • Girar a manopla direita em direção ao seu corpo fará com que a moto acelere. Seja gentil com a aceleração. Se você acelerar bruscamente, acabará empinando a moto sem querer.
    • Apertar o manete direito acionará o freio dianteiro. Assim como na aceleração, sutileza é a chave. A técnica dos dois dedos funciona para a maioria das motos, enquanto algumas precisarão do uso da mão inteira.
    • O freio traseiro é mais útil em situações com tração reduzida ou quando estiver em baixa velocidade. As motos que carregam a maior parte do peso na roda traseira, como as motos estradeiras, freiam melhor com o traseiro.
  6. Conheça sua embreagem: O manete na mão esquerda é a embreagem. Assim como o manete da mão direita, a técnica dos dois dedos pode ser eficiente em algumas motos, enquanto outras precisarão da mão inteira.
    • A embreagem controla a conexão entre o motor e a transmissão. Segurar a embreagem solta as engrenagens e desconecta o motor da transmissão. Soltar a embreagem fará com que ambas as peças se juntem novamente. Quando você segura a embreagem, você deixa a moto no neutro, mesmo que ela esteja em alguma marcha. Soltar a embreagem fará com que a moto fique na marcha selecionada.
    • Assim como você faria com o freio e o acelerador, a embreagem deve ser apertada e solta o mais suavemente o possível.
  7. Conheça sua alavanca de marcha: As marchas da motocicleta são trocadas com o pé esquerdo, movendo a alavanca para cima e para baixo.
    • A maioria das motos segue o esquema "1 para baixo, 5 para cima": Sexta marcha (quando houver), quinta, quarta, terceira, segunda, NEUTRO, primeira marcha.
    • Demora um pouco para se acostumar a achar o neutro com o pé esquerdo. Procure pelo "N" verde aceso no painel enquanto você mexe a alavanca para cima e para baixo.
    • Você deve trocar de marchas nessa ordem: segure a embreagem (usando a mão esquerda), mude a marcha (usando o pé esquerdo), solte a embreagem.
    • Acelerar muito devagar enquanto troca de marchas tornará o processo mais suave.
  8. Ligue o motor: As motos mais modernas não usam mais o pedal de partida (ou "kick start") para que o motor funcione, e agora eles são elétricos. Siga estes passos para ligar sua moto.
    • Primeiro, deixe o botão de corte de corrente na parte direita do guidão na posição ON (normalmente, é um botão ou interruptor vermelho).
    • Depois, vire a chave na ignição. A esta altura, a maioria das motos fará um "autoexame".
    • Certifique-se de que a moto está no neutro. O "N" verde deve estar aceso no painel.
    • Segure a embreagem. Algumas motos precisam disso para ligar o motor.
    • Aperte o botão de ignição (provavelmente, estará marcado com uma seta circular cercando um raio e estará localizado abaixo do botão de corte de corrente). Se tudo estiver em ordem, seu motor ligará. Algumas motos precisam de algumas bombadas no acelerador para que o motor funcione.
    • Seja paciente enquanto o motor esquenta. Depois que o motor é ligado, pode demorar de 45 segundos a vários minutos para que a moto esteja pronta para andar. Ao contrário dos carros, ter certeza de que o motor da moto está aquecido antes de sair é crucial para sua segurança.
  9. Não se esqueça de levantar o apoio lateral com seu pé. Esquecer-se dele pode ser bem perigoso. Cavaletes centrais requerem que você se mova para frente e para trás para recolhê-los. Assim que você recolher o "pézinho" ou cavalete central, você estará segurando a moto com os pés e pronto para andar.

Colocando Tudo em Prática

  1. Encontre uma área segura e isolada para praticar. Assim como antes, garanta um motociclista experiente com você para lhe supervisionar.
  2. Comece devagar, praticando o básico da aceleração e freio em primeira marcha. Lembre-se, para fazer isso você deve:
    • Segurar a embreagem
    • Mover a alavanca para baixo usando seu pé esquerdo
    • Soltar a embreagem devagar
    • Girar a manopla de aceleração em direção ao seu corpo
    • Você sentirá a moto começar a ir para frente. Coloque os dois pés nas pedaleiras assim que você ganhar movimento e equilíbrio. Parabéns! Você agora está dirigindo uma moto! Antes que você saia pela estrada para ver o pôr-do-sol, lembre-se de conferir os freios.
  3. Manobre a moto usando o movimento de contra-esterço.
    • Quando você estiver a uma velocidade acima de 50 km/h, empurre o guidão na direção em que você quer ir. Se você deseja virar à direita, deite suavemente para a direita, enquanto empurra o guidão com a mão direita para longe do corpo.
  4. Pratique mudar de marchas. Assim que obtiver confiança em marchas baixas, você pode praticar a mudança de marcha em marchas mais altas. Assim como todo o resto, a ideia é ser o mais suave e gentil possível, quer seja com a embreagem, acelerador ou freios. Conseguir fazer tudo isso com facilidade requer prática e memória muscular.
  5. Vá aos poucos a ruas mais movimentadas e estradas. Relembre todas as leis e práticas necessárias para dirigir com segurança que você aprendeu para conseguir sua CNH.

Dicas

  • "Para onde você olha é para onde você vai". Se olhar para o chão, um erro comum em principiantes, você cairá com a moto. Se há alguma obstrução no seu caminho, não trave o olhar nela. É mais provável que você bata. Olhe para onde você "quer" ir. É importante olhar bem em volta, para estar ciente do que está em qual direção, mas é um hábito perigoso travar o olhar em uma direção que você não quer tomar.

Avisos

  • Lembre-se de que motociclistas estão mais vulneráveis a maiores riscos e danos em algum acidente devido à natureza do veículo. Prepare-se com o máximo de informação possível.
  • Instruções de como pilotar só devem ser dadas sob a supervisão de algum adulto experiente.
Теги:
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.
ТОП