Como Escrever uma Análise Literária

Опубликовал Admin
27-10-2018, 16:00
121
0
Para escrever uma análise literária, você deve se concentrar nos elementos fundamentais de um texto escrito que o destacam como uma obra de literatura. Expandir e discutir alguns elementos em sua análise o ajudarão a escrever um ensaio claro e conciso.

Desenvolva a sua tese

  1. Formule uma tese. A tese é uma frase (ou frases) que expressa as principais ideias do seu artigo e responde à pergunta ou perguntas feitas no seu artigo. Para formular uma tese sólida, pense no seguinte:
    • O que estou discutindo?
    • Qual é o meu raciocínio?
    • Como devo organizar minhas provas?
  2. Construa um enunciado consistente para a sua tese. Uma boa tese deve:
    • Fazer alusão aos 3 principais pontos que você deseja abordar no corpo do ensaio.
    • Compreender a ordem dos seus argumentos.
    • Explicar a importância dos seus argumentos.
    • Aparecer no primeiro parágrafo, pois servirá como uma introdução para a sua abordagem da obra literária. Geralmente, uma tese aparece no final do primeiro parágrafo — para que o leitor saiba o que esperar no corpo do trabalho.
  3. Defina a sua tese. Muitas vezes, enquanto o artigo evolui, a tese evolui junto com ele. Não hesite em reescrever a sua tese para que ela resuma com precisão o seu artigo depois de tê-lo escrito.

Sustentando o seu argumento: parágrafo de introdução

  1. Construa uma introdução consistente e intrigante. É aqui que o seu texto começa — a primeira impressão precisa ser assertiva e interessante para incentivar o leitor a continuar a leitura. Algumas ideias para começar são:
    • Uma citação ou anedota relevante. Isto podem ser linhas ou diálogos, dependendo do texto que você está analisando.
    • Um fato ou uma questão interessante.
    • Uma confirmação de um contra-argumento.
    • Ironia, paradoxo ou analogia.
  2. Termine a sua introdução com o enunciado da sua tese. Ele deve ser colocado de modo a inaugurar o resto do texto.

Sustentando o seu argumento: os parágrafos do corpo do texto

  1. Desenvolva parágrafos convincentes ao longo do corpo do texto. É nesta parte que você apresentará as provas do seu argumento. Uma dissertação padrão tem três parágrafos, já um ensaio mais longo pode exigir mais parágrafos.
    • Ao responder às perguntas propostas, pense sobre as provas que você tem para construir a sua afirmação. Como elas se relacionam com o tema geral? Você está deixando alguma coisa de lado?
    • Faça uma leitura atenta e analise vários fatores em sua análise literária. Você pode discutir o desenvolvimento de um personagem — como foi a mudança de comportamento de um indivíduo desde o início ao fim da obra. Você poderia se concentrar nos erros fatais de um personagem e examinar suas falhas durante a obra.
    • Concentre-se no cenário e no tema da obra literária que você está analisando. Saliente as formas com que esses elementos contribuem para a qualidade da obra em geral.
    • Um texto é malsucedido quando o escritor opta por ignorar elementos por não caberem em sua tese. Verifique se o seu argumento não escolhe determinadas partes do texto para abordar e exclui outras.
    • Enfatize um ponto importante por parágrafo nesta seção. Não há necessidade de apressar todas as suas evidências em uma única ideia.
  2. Leve em conta o contexto. Se o seu autor utiliza muito simbolismo em sua escrita e outros mecanismos da escrita, mascarando a verdadeira intenção de sua obra, pesquise sobre sua vida. O que estava acontecendo no mundo em sua época? Será que os seus argumentos se encaixam nessas circunstâncias?
    • Isto deve avançar a um ponto de vista específico sobre o texto. Você pode argumentar que uma determinada história é o produto da cultura do período no qual surgiu. Para complementar, forneça detalhes sobre os aspectos históricos da obra literária no texto e fora dele.
    • Não hesite em usar fontes secundárias (textos de outros autores).
      • Um livro ou artigo sobre o mesmo texto que você está analisando.
      • Um livro ou artigo que discute a teoria relacionada com o texto discutido.
      • Um livro ou artigo que discute o contexto histórico e social do texto analisado.

Sustentando o seu argumento: conclusão

  1. Termine o texto com uma conclusão consistente. Resuma os principais argumentos do seu ensaio no último parágrafo. Ele deve conter todos os principais pontos que você mencionou nos elementos anteriores de sua análise literária, mas também deve tratar das implicações do seu argumento.
    • Não reitere os pontos de maneira repetitiva.
    • Proponha o próximo passo para a análise.
    • Faça conexões entre o gênero literário e o contexto.

Diretrizes gerais

  1. Escolha um título cativante. Você pode esperar até o final para decidir o título: é melhor fazê-lo quando o seu ensaio estiver terminado e seu argumento estiver claro.
  2. Escreva no tempo presente. Independentemente do tempo que seu texto foi escrito, coloque-o nos termos atuais: "As cascas de laranja flutuam na água junto com a inocência dele".
  3. Escreva em terceira pessoa. Evite usar "eu" ou "você".
    • Alguns professores podem permitir a primeira ou segunda pessoa. Se for assim, você pode expressar quais foram as suas experiências durante a leitura do texto e o quanto foi gratificante estudar essa obra (se este estiver dentro do âmbito de suas atribuições e seu professor permitir isso). Você pode discutir as qualidades do texto que mais o impressionaram ou as razões que você encontrou ou não encontrou nos personagens principais que o fizeram acreditar neles ou não.
  4. Use termos literários Eles vão fazer com que o seu texto soe bem informado, equilibrado e bem planejado. Alguns exemplos são:
    • Alusão: referências indiretas ou breves a personagens ou acontecimentos bem conhecidos.
    • Ironia: uma referência a como uma pessoa, situação, declaração, ou circunstância não é o que realmente parecem.
    • Metáfora: um tipo de linguagem figurativa em que um enunciado diz que uma coisa é outra coisa, mas que, literalmente, não é.
  5. Use fontes secundárias. Elas podem ser de grande ajuda para apoiar seu argumento. Tenha em mente, porém, que as fontes secundárias devem ser secundárias. Este é o seu artigo — use opiniões de outros autores apenas como suporte para o seu argumento – não para fazer o seu trabalho inteiro. Elas podem ser encontradas de diversas maneiras:
    • MLA International Bibliography, para bibliografias em inglês.
    • Dicionário de Bibliografia. Literária
    • Consulte o seu professor.

O que evitar

  1. Não resuma o enredo. O seu ensaio é uma análise, e não um resumo.
  2. Não confunda as palavras de um personagem com o ponto de vista do autor. Estas são duas coisas que se excluem mutuamente.
  3. Não cometa plágio. Você será reprovado automaticamente.

Edição e revisão

  1. Verifique se há erros ortográficos e gramaticais. Verificar a ortografia é útil, mas nunca fica 100% exata.
  2. Peça para que outra pessoa revise o seu trabalho. Depois de ler a mesma coisa cem vezes, os olhos ficam acostumados com o texto e não encontram os erros. Peça a um amigo que verifique a gramática, o conteúdo e a clareza do texto.
  3. Verifique se o seu texto atende a todas as diretrizes de formatação. Cada professor é diferente — conheça as preferências do professor antes de formatar:
    • Margens.
    • Paginação.
    • Fonte.
  4. Revise a sua introdução. Será que ela:
    • Prende a atenção do leitor?
    • Apresenta variações nas estruturas frasais (para melhor fluidez)?
    • Vai do geral para o específico?
    • Termina com o enunciado que contém a sua tese?
  5. Revise os parágrafos do corpo do texto. Será que eles:
    • Contêm frases com os tópicos principais?
    • Têm boa transição?
    • Têm citações bem eficazes e bem colocadas?
    • Apresentam uma retomada dos pontos principais de cada parágrafo?
  6. Revise a sua conclusão. Será que ela:
    • Começa com uma tese reformulada?
    • Sugere o próximo passo?
    • Tem conexões com os argumentos?
    • Conecta todos os pontos do texto?

Dicas

  • Procure entender claramente as atribuições do ensaio antes de escrever a sua análise. A primeira ordem de negócio é sempre seguir as instruções e orientações do professor.
  • Tire um tempo para avaliar seu trabalho antes da apresentação para garantir que você não usou as palavras de outros autores inadvertidamente para promover o seu próprio artigo. Em outras palavras, verifique para garantir que você não está plagiando ninguém.
  • Seja conciso e ligue toda a análise à sua tese.
Теги:
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.