Como Promover a Igualdade de Gênero

Опубликовал Admin
9-03-2019, 01:00
275
0
A promoção da igualdade de gênero é um movimento no mundo todo. Como é bem amplo, você pode estar se perguntando o que apenas um indivíduo pode fazer. Existem muitas opções para fazer a diferença! Infelizmente, é provável que você tenha testemunhado a desigualdade ou tenha sido uma vítima. Essa situação é muito frustrante e pode ser difícil de lidar com isso. A boa notícia é que é possível mudar essa condição. A hora de começar é agora mesmo!

Sendo um defensor oral da igualdade

  1. Aprenda sobre a igualdade de gênero. Se for defender a causa, é importante se educar e se informar bastante. Dedique-se para aprender sobre os problemas principais, como a desigualdade no ambiente de trabalho e o preço dos tratamentos de saúde. Você pode ler artigos acadêmicos sobre o assunto para ter uma visão profissional e objetiva.
    • Comece pesquisando na internet. Encontre artigos usando as ferramentas de busca, como Google Acadêmico ou bancos de dados acadêmicos.
    • Você também pode fazer um curso sobre gêneros na faculdade local ou na internet.
  2. Eduque os outros. Compartilhe o que aprendeu com outras pessoas. Isso não significa que deve ficar dando aulas para todo mundo que encontrar, mas você pode corrigir os equívocos mais comuns.
    • Por exemplo, se alguém no trabalho disser que não acredita que exista uma diferença de salários, diga “É verdade sim que, estatisticamente, as mulheres recebem um salário menor do que os homens. Deixe-me mostrar aqui um artigo interessante que li sobre o assunto”.
    • Tenha cuidado para não dominar a conversa. Outras pessoas também podem ter informações úteis para compartilhar, portanto, prepare-se para ouvir sempre.
  3. Manifeste-se se testemunhar algum exemplo de discriminação de gênero. É provável que você veja exemplos de sexismo todos os dias. Pode ser na forma de estereótipos, comentários inadequados ou investidas indesejadas. Se vir algo que pareça estranho, provavelmente é. Não tenha medo de se manifestar.
    • Talvez você tenha visto um amigo desprezar uma repórter esportiva do gênero feminino. Manifeste-se e diga “As mulheres são tão qualificadas quanto os homens para falar de futebol”.
    • Você pode se sentir como um objeto quando alguém a paquera no meio da rua. Você tem o direito de pedir para a pessoa parar.
    • Por exemplo, se estiver em um bar e um homem ficar tocando maliciosamente em uma garçonete, você poderia dizer “Com licença, ela está tentando trabalhar. Vamos manter as coisas profissionais”.
    • Garanta a sua segurança. Se a pessoa parecer volátil, não a confronte — a sua segurança é mais importante.
  4. Use as redes sociais como a sua plataforma. Use as suas contas para promover a igualdade de gênero e compartilhe informações sobre eventos. Poste um link para a marcha das mulheres na sua região e diga “Estarei lá! Quem vem comigo?”.
    • Outra forma é apoiando campanhas como a #Eutambém ou #MeToo. Se alguém que você conheça compartilhar a própria história, faça um comentário de apoio.
  5. Eduque-se sobre a interseccionalidade. A teoria significa uma sobreposição de todos os aspectos da identidade, principalmente quando se examina a opressão. Por exemplo, as mulheres latinas não podem separar a etnia da identidade de gênero. Ambos devem ser levados em consideração quando se trata de desafios específicos que essas mulheres encaram, e esses aspectos devem ser interseccionados.
    • Evite formar grupos de feminismo apenas de pessoas no poder. Se você for branco e cisgênero, inclua outros grupos nas suas discussões para poder entender as perspectivas e experiências diferentes.
  6. Promova os direitos de pessoas trans e binárias, além de mulheres. Lembre-se de que nem todo mundo se encaixa nas categorias tradicionais de homem e mulher. Quando for promover a igualdade de gênero, apoie as pessoas trans e binárias das seguintes formas:
    • Não presume o gênero de uma pessoa.
    • Se não souber que pronome usar, ouça ou pergunte.
    • Respeite a terminologia da pessoa.
    • Apoie os banheiros de gênero neutro.

Promovendo a igualdade de gênero no ambiente de trabalho

  1. Ouça às mulheres. Às vezes, elas enfrentam dificuldades para ser ouvidas no ambiente de trabalho e são frequentemente interrompidas ou ignoradas. Seja um defensor das mulheres nesse local também.
    • Se vir uma mulher tentando participar de uma conversa, diga “Gostaria de ouvir mais opiniões sobre o assunto. Júlia, o que você acha?”.
  2. Dê crédito às mulheres pelas ideias e pelo trabalho realizado por elas. Elas normalmente não recebem o crédito merecido pelo que fazem no trabalho. Se uma colega criar uma forma inovadora para otimizar a comunicação no escritório, tire um tempo na próxima reunião para dizer “Vamos agradecer à Carla pelas ótimas ideias da implementação desse novo sistema”.
  3. Dê feedbacks construtivos para as mulheres. As pessoas tendem a dar feedbacks vagos a elas, como dizer apenas um “Bom trabalho” ou “Precisa melhorar”. Os homens normalmente recebem um feedback mais específico, que os ajuda a melhorar. Tenha o objetivo de fornecer algo mais útil para as mulheres.
    • Se for o gerente, diga “Gostei muito das suas ideias sobre como melhorar a produtividade. Da próxima vez que o assunto surgir, gostaria que você se voluntariasse para liderar a implementação das mudanças”.
  4. Desafie as expectativas de gênero. As mulheres são mais propensas do que os homens a receber comentários negativos sobre a personalidade delas. Por exemplo, uma mulher forte pode ser rotulada de “mandona” ou “metida”. Da próxima vez que ouvir alguém fazer esse tipo de comentário sobre uma mulher, peça um exemplo específico. Você também pode dizer “Você teria a mesma reação se um homem tivesse agido da mesma forma?”.
  5. Celebre e motive as mulheres. Elas geralmente não recebem reconhecimento suficiente pelas realizações no trabalho. Reconheça as contribuições que elas fizerem, dizendo “Júlia conseguiu a maior parte dos clientes nesse ano. Vamos aplaudi-la”.
    • Ajude a aumentar a autoconfiança delas motivando-as a tentar conseguir promoções ou novos cargos. Tente dizer “Você tem todos os atributos necessários para ser a líder da equipe. Tente conseguir a promoção!”.

Tornando-se ativo política e socialmente

  1. Use o seu voto para apoiar candidatas mulheres ou feministas. Pesquise sobre os candidatos para descobrir os projetos sobre os direitos das mulheres e vote neles para mostrar o seu apoio. Uma das melhores formas de implementar a mudança é colocando mais pessoas em posições de autoridade para lutar pela igualdade de gênero.
    • Lembre-se de votar nas eleições locais, estaduais e nacionais. Todas são importantes!
  2. Entre em contato com os representantes para falar políticas e legislações importantes. Mostre aos representantes que a igualdade de gênero é importante para você. Entre em contato e peça para eles defenderem o assunto. Ligue ou mande um e-mail para os assessores ou tente marcar uma reunião com eles.
    • Por exemplo, ligue para o assessor de um senador para verbalizar suas visões.
  3. Participe de marchas ou manifestações. Procure eventos que estejam ocorrendo perto de você, como manifestação sobre a assistência à saúde de mulheres ou igualdade salarial. Participe de uma marcha e leve os seus amigos! Essa é uma ótima maneira de mostrar o seu apoio à igualdade de gênero.
  4. Participe de uma organização que promova a igualdade. Muitas empresas têm grupos para mulheres, nos quais elas podem compartilhar situações e apoiar umas às outas. Pergunte se a empresa onde você trabalha tem algo do tipo. Se não for o caso, crie um.
    • A maioria das universidades também tem esses tipos de grupo. Muitas têm até mesmo um centro para mulheres, que patrocina eventos que promovem a igualdade.
  5. Candidate-se. Se quiser executar a mudança, obter um cargo político é uma ótima forma de começar. Você pode se candidatar a vereador ou ao grêmio estudantil. Ou vá muito além disso e candidate-se a deputado estadual ou federal. Existem muitos recursos para ajudá-lo a fazer a sua primeira campanha.

Encontrando causas para apoiar

  1. Pesquise diferentes organizações que focam no apoio à igualdade de gênero. Existem muitas formas de fazer a diferença na sua comunidade, mas não se esqueça de que esse problema é global. Procure organizações com a mesma missão que a sua antes de apoiá-la.
    • Você pode começar com uma simples busca no Google. Leia a seção “Sobre” dos sites e sobre a missão e os objetivos da organização.
    • Uma boa opção é procurar uma organização que financia a defesa legal de pessoas que estejam lidando com assédio sexual, abuso ou desigualdade no ambiente de trabalho.
    • Amplie a sua pesquisa para encontrar organizações que trabalham com problemas mais específicos. Procure uma que ajuda vítimas de violência doméstica, por exemplo.
  2. Doe dinheiro a uma causa na internet ou com um cheque. Depois de encontrar uma organização que gostaria de apoiar, faça a diferença doando dinheiro uma única vez ou continuamente.
    • Por exemplo, se estiver interessada em apoiar a assistência médica às mulheres, procure o site da organização e doe.
    • A sua doação monetária garantirá que as mulheres recebam os cuidados necessários por coisas como exames de Papanicolau ou de mama.
    • Se não tiver condições financeiras de doar, doe o seu tempo. Entre em contato com o local e pergunte como pode ser voluntário.
  3. Arrecade fundos para uma organização. Existem muitas formas de fazer isso — você pode coletar doações e fazer um leilão ou pode tentar fazer uma postagem sobre a organização nas redes sociais. A arrecadação permitirá que você doe mais dinheiro para manter os trabalhos do projeto específico, além de trazer mais atenção e consciência à causa.
    • Faça uma postagem nas redes sociais dizendo “Para celebrar o meu aniversário nesse ano, gostaria muito se meus amigos e familiares apoiassem uma causa que é importante para mim”. Adicione um link no qual eles podem apenas clicar para doar.

Dicas

  • Lembre-se de que todo mundo pode promover a igualdade de gênero, não apenas as mulheres.
  • Não tenha medo de se manifestar se presenciar alguma discriminação.
  • Encontre um sistema de apoio se estiver lidando pessoalmente com a desigualdade.
Теги:
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.