Como Amenizar a Coceira Causada pela Fibra de Vidro

Опубликовал Admin
28-04-2019, 22:46
75
0
A fibra de vidro é amplamente utilizada em várias formas como isolante ou material de construção leve, tanto em indústrias quanto nas residências. Lidar com ela pode deixar farpas alojadas na pele, causando irritação e coceira intensa (dermatite de contato). Se tiver contato regular ou ocasional com a fibra de vidro, você terá esse problema. No entanto, tomando os passos certos, você pode aliviar a coceira e a irritação.

Tratando os sintomas do contato com a fibra de vidro

  1. Não esfregue ou coce a área afetada. A fibra de vidro pode causar coceira intensa na pele, e coçá-la é tentador. Entretanto, essa atitude pode forçar as fibras irritantes ainda mais fundo na pele, piorando o problema.
  2. Remova com cuidado qualquer roupa que usou durante o contato com a fibra de vidro. Separe-a de outras peças e de itens pessoais e lave-a separadamente para evitar que as fibras se espalhem e causem mais irritação.
  3. Lave a pele se for exposto à fibra de vidro. Se você vir, sentir ou suspeitar de que sua pele entrou em contato com esse material, deve lavar a área assim que possível. Caso já esteja com coceira e irritação, limpe o local afetado com sabonete neutro e água morna corrente.
    • Você pode passar uma toalha bem de leve para ajudar a remover as fibras.
    • Se o material entrar nos seus olhos, enxágue-os com água por pelo menos 15 minutos.
  4. Remova quaisquer fibras visíveis. Caso veja fibras individuais saindo da sua pele ou logo abaixo dela, pode tentar removê-las você mesmo, com cuidado para ajudar a parar a irritação.
    • Primeiro, lave as mãos e limpe o local com água e sabão, se ainda não o tiver feito.
    • Esterilize as pinças limpando-as com álcool isopropílico. Em seguida, use-as para remover as fibras.
    • Uma lupa pode ajudá-lo a ver fibras pequenas.
    • Caso veja as fibras, mas não consiga removê-las facilmente com as pinças, esterilize uma agulha afiada com álcool isopropílico e use-a para levantar ou rasgar a pele sobre o material. Em seguida, remova-a com pinças esterilizadas.
    • Aperte o local gentilmente para permitir que o sangue remova os germes. Lave o local novamente e aplique um creme antibiótico.
    • Se você vir fibras bem abaixo da pele, não tente removê-las; procure um médico.
  5. Use um creme para acalmar a pele. Após lavar a parte afetada pela fibra de vidro, passe um creme de qualidade. Ele pode ajudar a acalmar e a umedecer o local, aliviando um pouco a irritação. Você também pode aplicar um creme de venda livre contra coceira, para aliviar ainda mais.

Monitorando e prevenindo a contaminação cruzada

  1. Lave as roupas e quaisquer outros materiais que possam ter entrado em contato com a fibra de vidro. Remova as peças usadas ao trabalhar com a fibra e deixe-as separadas das outras roupas. Lave-as assim que possível e separadas das outras peças para evitar que as fibras restantes se espalhem e causem irritação.
    • Caso haja muitas fibras na roupa, coloque a peça de molho antes de lavá-la para que elas se soltem.
    • Depois de limpar a peça que entrou em contato com a fibra de vidro, enxágue a lavadora com água antes de lavar outras roupas nela para remover as fibras que possam ter se prendido à máquina e evitar que elas se espalhem para outras roupas.
  2. Limpe seu local de trabalho. Se você estava trabalhando com a fibra de vidro quando entrou em contato com ela, limpe os restos do material na área de trabalho assim que possível para evitar outra reação a ele.
    • Use um aspirador para remover partes da fibra em vez de uma vassoura seca, que pode jogar partículas para o ar.
    • Usar roupas, óculos e uma máscara ou respirador como proteção durante a limpeza também evitará que as partículas afetem sua pele, seus olhos ou seus pulmões.
  3. Preste atenção à área afetada. Embora o contato com a fibra de vidro possa ser doloroso e irritante, os sintomas deverão passar logo se você seguir os passos para o tratamento. Caso a irritação e a coceira continuem, no entanto, você deve procurar um médico.

Prevenindo a irritação causada pela fibra de vidro

  1. Use a vestimenta adequada ao lidar com o material. Se você trabalhar com ou souber que será exposto à fibra de vidro, vista roupas de proteção. As mangas longas, as calças, os sapatos fechados e as luvas ajudarão a proteger sua pele das fibras. Tente cobrir o máximo possível da pele.
    • Usar algum tipo de respirador ou máscara também protegerá você das partículas de fibra de vidro no ar.
  2. Mantenha a área de trabalho limpa e ventilada. Caso esteja trabalhando com fibra de vidro, sua área de trabalho deverá ter uma boa circulação de ar para que pedaços do material não fiquem no ar e assentem na pele ou nas roupas, e para que você não os aspire.
    • Mantenha as roupas de trabalho separadas das outras.
    • Não coma, beba ou fume enquanto estiver lidando com a fibra de vidro para não comer ou inalar partículas dela por acidente.
    • Caso note quaisquer sintomas de irritação causada pela fibra de vidro, pare e trate-os antes de voltar ao trabalho.
  3. Tome um banho depois de trabalhar com esse material. Vá para o chuveiro assim que possível depois de lidar com a fibra ou ser exposto a ela, mesmo que não perceba nenhuma irritação ou coceira. Essa atitude ajudará a enxaguar os resíduos que possam estar na sua pele, mas que ainda não estão causando reações.
    • Tomar um banho de água fria antes de sentir qualquer reação enxaguará quaisquer partículas da pele e também manterá os poros fechados, e os resíduos longe deles.
  4. Fale com um médico sobre quaisquer preocupações que tenha quanto à exposição à fibra de vidro. Caso tenha dúvidas sobre seus sintomas ou seu contato com o material, fale com um médico.
    • Algumas pessoas podem desenvolver um tipo de tolerância à fibra de vidro com o tempo, de modo que ela deixa de irritá-los da maneira que fazia antes. Entretanto, isso não elimina possíveis problemas de pele ou de pulmão, portanto sempre tome cuidado ao lidar com esse material.

Avisos

  • A fibra de vidro não é rotulada como carcinogênica (causadora de câncer), mas isso não significa que ela não possa causar problemas de pele e de pulmão. Sempre tome cuidado ao lidar com o material.
  • Os sintomas causados pela exposição à fibra de vidro geralmente não duram muito, e a maioria das pessoas não precisa se preocupar com contatos ocasionais com esse material. No entanto, se você costuma trabalhar com ou ser exposto à fibra de vidro, deve tomar mais cuidado perto dela, ler quaisquer informações de segurança fornecidas junto com o material e falar com um médico se tiver perguntas ou preocupações.
Теги:
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.