Como Aliviar uma Dor de Cabeça Tensional

Опубликовал Admin
5-01-2017, 09:06
998
0
Ao ter uma dor de cabeça tensional, você pode sentir como se houvesse uma faixa apertada ao redor de sua cabeça, pressionando cada vez mais as suas têmporas. Além disso, pode haver dor no crânio ou no pescoço. Embora seja o tipo de dor de cabeça mais comum, sua causa ainda não é bem compreendida. Especialistas acreditam que ela possa ser ativada por reações a estresse, depressão, ansiedade ou lesões. Ainda assim, com o tratamento adequado, você poderá encontrar alívio.

Medicamentos e tratamento profissional

  1. Tome medicamentos de venda livre. Dentre eles, incluem-se o acetaminofeno (Tylenol), o ibuprofeno (Advil, Motrin), o sódio naproxeno (Aleve) e a aspirina. Jamais tome mais do que a dosagem recomendada no rótulo, e opte pela quantidade mais baixa capaz de aliviar a dor de cabeça.
    • Tenha em mente que a combinação entre cafeína e medicamentos de venda livre para o tratamento da dor de cabeça pode causar danos ao fígado quando ingeridos em grandes quantidades ou durante longos períodos de tempo — especialmente se você também tiver o hábito de beber álcool ou já apresentar problemas hepáticos.
    • Converse com o seu médico se você houver ingerido um medicamento de venda livre durante mais de uma semana e ainda sentir dores de cabeça tensionais.
    • Evite ingerir medicamentos de venda livre para o tratamento da dor de cabeça mais de algumas vezes por semana, e não os consuma por mais de uma semana ou dez dias sem consultar o seu médico. O uso excessivo de analgésicos pode causar dores de cabeça reincidentes, que surgem com o uso contínuo de medicamentos para o tratamento da dor de cabeça. Você pode se tornar dependente do remédio e desenvolver dores de cabeça ao tentar descontinuar seu uso.
  2. Pergunte ao seu médico a respeito de medicamentos prescritos. Se as dores de cabeça tensionais não desapareceram com medicamentos de venda livre ou mudanças em seu estilo de vida, ele poderá prescrever remédios mais fortes. Dentre eles, incluem-se o naproxeno, a indometacina e o piroxicam.
    • Esses medicamentos prescritos podem causar efeitos adversos, como sangramento e problemas estomacais; também é possível que elevem o risco de problemas cardíacos. O seu médico deve informar a respeito de quaisquer efeitos colaterais ou complicações antes de prescrevê-los a você.
    • Se você sofre com a dor de cabeça tensional ou enxaqueca crônica, o seu médico pode prescrever um triptano para aliviar a dor. É importante ressaltar que opiáceos e narcóticos são raramente prescritos por conta de seus efeitos adversos e pelo risco de causar vício ou dependência.
  3. Experimente a acupuntura. A acupuntura consiste na inserção de finas agulhas em pontos específicos do corpo. A seguir, elas são estimuladas manual ou eletricamente, aumentando o fluxo sanguíneo para a região circundante e liberando a tensão e o estresse. Diversos estudos sugerem que ela pode ser útil para aliviar a dor de cabeça tensional.
    • A acupuntura causa pouca ou nenhuma dor ou desconforto, devendo apenas ser praticada por um especialista certificado. Quando realizada corretamente, sabe-se que ela é capaz de reduzir dores de cabeça tensionais.
    • O dry needling é outro tipo de tratamento que envolve as agulhas de acupuntura. No entanto, ele não se baseia nos princípios da medicina chinesa tradicional, mas consiste em inserir as agulhas em pontos ativadores a fim de estimular os músculos, relaxando-os e amenizando a tensão causadora das dores de cabeça. Ele pode ser praticado por profissionais de saúde treinados no procedimento, como fisioterapeutas, massoterapeutas e médicos.
  4. Consulte um quiropraxista. Estudos revelam que a terapia de manipulação vertebral, quando realizada por um quiroprático certificado, pode ajudar a tratar dores de cabeça tensionais — especialmente se forem crônicas.
    • Você pode encontrar uma lista de profissionais na página da Associação Brasileira de Quiropraxia. Receba tratamento sempre de um quiropraxista treinado e certificado.
  5. Pergunte ao seu médico a respeito da massoterapia. A massoterapia é um pouco diferente das massagens administradas apenas para relaxamento. Tem-se demonstrado que a massoterapia localizada para o pescoço e os ombros é eficaz no tratamento de dores de cabeça tensionais e na diminuição de sua frequência. Peça ao seu médico que forneça referências para uma massagem médica.
    • Convênios médicos podem não cobrir massagens em seus contratos. No entanto, é mais provável que isso aconteça se você tiver a referência de um médico. Consulte o seu convênio para descobrir se tal opção é coberta.
    • Peça referências de um massoterapeuta profissional para o seu médico ou na instituição de saúde mais próxima. Você pode também encontrar opções locais na internet.
  6. Faça um exame oftalmológico. A fadiga ocular é um ativador comum da dor de cabeça tensional. Se você tem dores de cabeça frequentes (duas ou mais vezes por semana), agende um exame oftalmológico. Dificuldades com a visão podem estar contribuindo com a ocorrência do problema.
    • Se você usa óculos ou lentes de contato, consulte o seu oftalmologista e realize um novo exame de vista. A sua visão pode mudar e, se a prescrição não for mais necessária, você pode estar desgastando os seus olhos.

Usando remédios caseiros

  1. Descanse em um cômodo escuro e silencioso. O estresse representa uma das principais causas da dor de cabeça e, uma vez que se trate da modalidade tensional, você pode ficar sensível à luz ou ao som. Para combater essa desvantagem, mantenha-se assentado ou deitado em um cômodo com pouca luz. Feche os olhos e tente relaxar as costas, o pescoço e os ombros.
    • Desligue fontes de ruído, como a televisão, o computador ou o telefone celular.
    • Você pode ainda fechar os olhos e cobri-los com as palmas das mãos, aplicando sobre eles uma leve pressão durante dois minutos. Isso ajudará a desligar os seus nervos óticos e a relaxar a mente.
    • Em um cômodo escuro e silencioso, você pode também fazer um exercício para o pescoço. Inicialmente, coloque a palma de uma mão sobre a testa. A seguir, usando os músculos do pescoço, pressione a testa gentilmente contra a palma da mão. Lembre-se de manter a cabeça erguida enquanto executa este passo.
  2. Faça um exercício de respiração profunda. A respiração profunda o ajudará a relaxar e a diminuir o estresse presente em seu corpo e também na cabeça. Faça inspirações lentas e ritmadas, buscando relaxar.
    • Feche os olhos e inspire profundamente por diversas vezes.
    • Expire lentamente, relaxando todas as áreas do corpo que parecem tensas. Imagine uma linda paisagem, como uma praia arenosa, um jardim ensolarado ou uma estrada campestre.
    • Desça o queixo para o peito e, lentamente, gire a cabeça em um semicírculo, de um lado para outro.
    • Uma vez mais, inspire profundamente e expire devagar. Continue a imaginar a linda paisagem em sua mente.
    • Repita o exercício até que você entre em um estado de relaxamento.
  3. Aplique uma compressa quente ou fria sobre a cabeça. O calor e o frio podem ajudar a aliviar as dores e tensões musculares existentes no pescoço e na cabeça.
    • Aplique uma toalha úmida quente ou morna sobre a nuca ou na testa. Você pode também tomar um longo banho quente, permitindo que a água caia sobre a cabeça e nuca.
    • Envolva uma compressa de gelo com uma toalha e coloque-a na nuca ou na testa.
  4. Aplique óleo de hortelã-pimenta sobre as têmporas, a testa e a parte de trás da mandíbula. O hortelã-pimenta tem um agradável efeito calmante e pode amenizar qualquer desconforto ou dor.
    • Assim que você massagear o local com algumas gotas de óleo, será possível perceber uma sensação refrescante. Respire profundamente e encontre um lugar onde você possa se assentar ou deitar.
    • Se você tem uma pele sensível, dilua o óleo de hortelã-pimenta com uma ou duas gotas de azeite de oliva antes de aplicá-lo.
  5. Hidrate-se com água ou chá de ervas. No momento em que você sentir a tensão se manifestar em sua cabeça, beba vários copos de água ou faça um chá de ervas para se colocar em um estado mental relaxado. A desidratação pode causar dores de cabeça.
    • Evite o consumo de café ou álcool, pois essas substâncias desidratarão ainda mais o seu corpo.
  6. Massageie o rosto, a cabeça e as mãos. Faça uma massagem localizada na porção superior de seu corpo, usando as pontas dos dedos para esfregar a nuca e os lados da cabeça. A seguir, massageie gentilmente as regiões debaixo dos olhos.
    • Movimente o seu crânio gentilmente para trás e para frente, com as pontas dos dedos, tomando o cuidado de não movê-lo mais de um centímetro.
    • Você pode também passar as pontas dos dedos pelo interior dos dedos da outra mão, esfregando as palmas juntamente.
  7. Experimente a massagem de acupressão para amenizar a dor de cabeça. Esta é uma técnica de acupressão simples que pode ser realizada em sua própria casa.
    • Coloque os dedos próximos à base do crânio.
    • Localize as depressões em ambos os lados de onde a cabeça se une ao pescoço. Esses pontos se encontram logo fora do grande músculo que passa pelo meio da cabeça, a aproximadamente cinco centímetros do centro do crânio.
    • Pressione os polegares para dentro e para cima até notar uma leve sensação em sua cabeça.
    • Mantenha pressionando os polegares levemente e movimente-os em pequenos círculos durante um a dois minutos.

Ajustando o seu estilo de vida

  1. Exercite-se regularmente. A atividade física pode ajudar a liberar qualquer estresse ou tensão presentes no corpo, além de estimular a produção de endorfinas pelo cérebro, que combatem a dor sentida pelo organismo.
    • Faça trinta minutos de caminhada, ciclismo ou corrida pelo menos três vezes por semana, mantendo-se sempre consistente em sua rotina de exercícios.
  2. Coloque-se na Pose da Montanha para melhorar a postura. Ter uma boa postura o ajudará a evitar que os músculos acumulem tensão, ainda liberando toda a tensão já existente em sua cabeça. Fazer poses da ioga como a Pose da Montanha melhorará a sua postura e relaxará a sua mente.
    • Coloque-se de pé com os pés separados à distância do quadril.
    • Role os ombros para trás e ponha as mãos ao lado do corpo.
    • Contraia o abdômen e direcione o cóccix rumo ao chão.
    • Traga o queixo em direção ao peito, tentando manter esta posição por, pelo menos, entre cinco e dez respirações.
  3. Assente-se na Pose do Graveto. Esta é outra pose de ioga excelente que melhorará a sua postura e praticará a respiração profunda.
    • Assente-se com as pernas esticadas à sua frente.
    • Flexione os pés, colocando-os voltados em sua direção.
    • Role os ombros para trás e ponha as mãos no chão, ao lado do corpo.
    • Contraia o abdômen e direcione o cóccix rumo ao chão. Encoste o queixo no peito e tente manter a pose por, pelo menos, de cinco a dez respirações.
    • Você pode cruzar as pernas se deixá-las esticadas parecer desconfortável.
  4. Evite alimentos que contenham glutamato monossódico e cafeína. O glutamato monossódico é uma substância que intensifica o sabor dos alimentos usada frequentemente na culinária chinesa. Algumas pessoas reagem à sua ingestão desenvolvendo dores de cabeça. Ainda assim, não existe conexão científica entre o glutamato monossódico e o surgimento de dores de cabeça. Outros alimentos que podem causar tal problema incluem:
    • Chocolate.
    • Queijo.
    • Alimentos contendo o aminoácido tiramina, encontrado no vinho tinto, em queijos envelhecidos, peixes defumados, fígado de aves, figos e alguns feijões.
    • Nozes.
    • Manteiga de amendoim.
    • Algumas frutas, como abacate, banana e cítricos.
    • Cebolas.
    • Laticínios.
    • Carnes contendo nitratos, como bacon, salsicha, salame e carnes curadas.
    • Alimentos fermentados ou em conserva com salmoura.
  5. Durma pelo menos oito horas por noite. Uma agenda de sono consistente garantirá que o cérebro e o corpo estejam livres de ansiedade e estresse, duas grandes causas de dores de cabeça tensionais.

Prevenindo as dores de cabeça tensionais

  1. Mantenha um diário para registrar a ocorrência das dores de cabeça. Isso o ajudará a identificar a fonte do problema e demonstrar como você pode ajustar o ambiente e os seus hábitos para evitá-lo.
    • Quando você começar a sentir o surgimento da dor, escreva a data e a hora de seu início. Observe o que você comeu e bebeu nas horas prévias ao episódio, escreva quantas horas de sono você teve na noite anterior e, ainda, o que você fazia antes da ocorrência. Faça uma nota descrevendo por quanto tempo a dor de cabeça persistiu e quais métodos funcionaram para fazê-la parar.
  2. Diariamente, pratique técnicas de relaxamento e gerenciamento de estresse. Isso pode consistir em uma aula de ioga matinal, uma meditação durante 15 a 20 minutos ou uma prática de respiração profunda antes de dormir.
    • Exercite-se pelo menos três vezes por semana para manter a ansiedade e o estresse sob controle.
  3. Mantenha um estilo de vida saudável. Evite cafeína, álcool e o hábito de fumar. Durma oito horas por noite e cuide de você mesmo, evitando o estresse tanto em casa como no trabalho.
    • Coma refeições balanceadas que não contenham glutamato monossódico ou outros alimentos que causem dores de cabeça.
    • Beba muita água todos os dias e mantenha-se hidratado.
  4. Converse com o seu médico sobre medicamentos preventivos caso sofra com dores de cabeça crônicas. O seu médico o examinará para garantir que as dores de cabeça não são enxaquecas ou algo mais grave. Se o problema persistir apesar das terapias e dos medicamentos analgésicos, o seu médico pode prescrever remédios preventivos. Dentre eles, incluem-se:
    • Antidepressivos tricíclicos. Estes são os medicamentos mais comumente usados na prevenção de dores de cabeça tensionais. Seus efeitos adversos incluem ganho de peso, sonolência e xerostomia (ressecamento bucal).
    • Anticonvulsivos e relaxantes, como o topiramato. No entanto, são necessários mais estudos para que se determine a eficácia de tais substâncias no tratamento de dores de cabeça tensionais.
    • Tenha em mente que medicamentos preventivos podem demorar várias semanas ou mais para se acumularem no sistema a ponto de fazerem efeito. Por isso, seja paciente e continue a ingerir a dosagem prescrita, mesmo se você não notar melhorias logo depois do início do tratamento.
    • O seu médico monitorará o seu tratamento para observar a eficácia do medicamento preventivo em seu organismo.

Dicas

  • Se você trabalha no computador diariamente, lembre-se de fazer uma pausa de dez minutos longe da tela, a cada hora. Levante-se e caminhe pelo escritório, pegue uma xícara de chá ou converse brevemente com um colega de trabalho. Você pode também encontrar um local escuro e silencioso, deitar-se por dez minutos e repousar os olhos. Fazê-lo prevenirá o aparecimento das dores de cabeça tensionais.

Avisos

  • Se a sua dor de cabeça surgir de forma repentina, severa e estiver associada a vômito, confusão, dormência, debilidade ou alterações na visão, busque auxílio médico emergencial.
  • Se você sofre com dores de cabeça frequentes ou severas, é importante consultar um médico o mais rapidamente possível. Essa recomendação é especialmente importante se as dores de cabeça o despertam à noite ou surgem logo pela manhã, ao acordar.
Теги:
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.