Como Ajudar Veteranos (EUA)

Опубликовал Admin
12-11-2017, 07:00
179
0
É importante que os homens e mulheres que serviram às forças armadas saibam que seus esforços são valorizados. Se estiver interessado em ajudar veteranos, esse artigo informa uma variedade de formas de fazer isso localmente e nacionalmente.

Ajudando veteranos locais

  1. Agradeça a um veterano. Quando encontrar um veterano que você conhece ou encontrar com um pela primeira vez, ofereça um sincero agradecimento. Talvez isso não vá prestar assistência física, mas essa simples demonstração de apoio pode ajudar de forma emocional e social.
  2. Oferecer apoio emocional. Para os veteranos que você conhece pessoalmente (pode ser seus amigos ou familiares), ajude-os a lidar com as consequências do serviço militar. Muitos veteranos que estavam ativos durante a guerra sofrem de algum tipo de transtorno de estresse pós-traumático (TEPT). Talvez você não possa ofereer todo o apoio do qual eles necessitam, mas ainda pode ser capaz de ajudar.
    • Entenda que todos os veteranos têm diferentes necessidades, tanto físicas quanto emocionais. Alguém que nunca tenha passado por uma experiência semelhante ao TEPT terá mais dificuldade de entender aqueles veteranos que têm o transtorno.
    • Seja paciente. Geralmente, os veteranos com TEPT têm dificuldade em confiar nos outros e de gerir o estresse. Alguns até sentem vergonha ou culpa. Não pressione-os a confiar em você, mas demonstre seu interesse e vontade de apoiá-los de qualquer forma. Além disso, garanta ao veterano que esses sintomas são comuns.
    • Se você for religioso, também pode considerar a criação de uma associação ou de um programa de estudo da Bíblia através de sua igreja que pode ser destinado aos veteranos que precisam de ajuda espiritual.
  3. Forneça transporte. Veteranos feridos e deficientes podem ter dificuldade de locomoção ou podem estar impedidos de conduzir por conta própria. Se você souber de algum veterano deficiente em sua área, considere lhe oferecendo uma carona quando ele estiver precisando chegar a algum lugar. Se você não conhecer nenhum veteranos pessoalmente, mas ainda deseja ser voluntário dessa forma, existem organizações onde você pode trabalhar que irão lhe juntar aos veteranos locais que precisam de assistência.
    • Uma oportunidade de serviço de transporte notável é com a organização Disabled American Veterans (Veteranos Americanos Deficientes). Essa organização fornece transporte para veteranos deficientes que precisam de passeios para hospitais locais. Você pode enviar suas informações e se tornar um voluntário on-line: http://www.dav.org/help-dav/volunteer/drive-a-van/
  4. Preste favores. Em alguns casos, veteranos feridos, incapacitados ou idosos podem já não ter a força ou energia para executar suas tarefas, mesmo se você puder ajudá-los em relação ao transporte. Para esses indivíduos, é possível apoiá-los fazendo as compras de supermercado, cortando o gramado ou cuidando de outras tarefas semelhantes.
  5. Coloque-os em contato com as pessoas certas. Você já deve conhecer ou, eventualmente, ter encontrado um veterano que precisa do tipo de ajuda que você não pode fornecer. Informe-se sobre as organizações e serviços dedicados a ajudar os veteranos. Quando você souber do que um veterano precisa, poderá direcioná-lo à assistência adequada.
    • Se você souber de um veterano que está sem abrigo ou que está em risco de ficar sem casa, chame o VA no número 877-4AID-VET FREE,= ou 877-424-3838 FREE, 24 horas por dia, sete dias por semana.
    • Para os veteranos que sofrem com TEPT, considere direcioná-lo para o treinador on-line de TEPT do VA: http://www.ptsd.va.gov/public/treatment/cope/index.asp
  6. Compartilhe a história de alguém. Fazer um veterado se sentir apreciado pode fornecer uma dose de apoio emocional. Deixe o veterano em sua vida ciente de como você é grato ao compartilhar com orgulho as histórias dele com outras pessoas que você conhece. Contanto que o indivíduo não se importe com a atenção, também existem fontes públicas que aceitam e publicam as histórias dos veteranos.
    • Saiba mais sobre o Projeto de História dos Veteranos, um esforço retomada pela Biblioteca do Congresso que permite que veteranos do tempo de guerra compartilhem suas histórias: http://www.loc.gov/vets/
  7. Seja voluntário em um centro médico. Se você não conhece algum veteranos pessoalmente e deseja simplesmente uma maneira de ajudar as pessoas em sua comunidade, os centros médicos de veteranos quase sempre precisam do apoio de voluntários.
    • A maneira mais fácil de fazer isso através dos Veteranos Deficientes da América. Através deles, é possível localizar hospitais locais de veteranos e os Coordenadores Locais de Serviço Hospitalar.
    • Há muitas oportunidades abertas para os voluntariado em centros médicos. Dependendo do seu conjunto de habilidades, você pode trabalhar diretamente com os pacientes, participar de programas de lazer ou ajudar a na administração.
  8. Doe seu tempo às organizações locais. Além de instalações médicas, há uma abundância de outras organizações dedicadas a ajudar os veteranos de alguma forma. Muitas dessas organizações são orientadas para esses serviços e lhe darão a oportunidade de realizar um serviço benéfico para os veteranos locais em sua comunidade.
    • MilServe.Org é um fórum on-line que pode colocá-lo em contato com oportunidades de trabalho com veteranos locais. Você precisa se registrar como voluntário e indicar quais áreas de foco você deseja ajudar. Entre nesse site para saber mais: http://www.milserve.org/volunteer-registration
    • O governo dos EUA também tem um site que pode direcioná-lo para oferecer oportunidades em sua área. Entre aqui: http://www.serve.gov/?q=site-page/serving-veterans-and-military-families
    • Você pode se voluntarias com U.S.VETS, uma organização que ajuda o veterano a voltar e se ajustar à vida civil, mas seus sites estão limitados a apenas algumas grandes cidades. No entanto, você pode se cadastrar on-line para se tornar um voluntário: http://www.usvetsinc.org/how-to-help/volunteer/
    • Se você se voluntariar com o programa “Homes for Our Troops” (Casas para nossas tropas), você pode ajudar a construir casas ou adaptar casas existentes para melhor atender as necessidades dos veteranos feridos. A instituição de caridade também aceita doações. Saiba mais on-line: https://www.hfotusa.org/
  9. Contrate um veterano. Se você possui um negócio, considere contratar um veterano. Veteranos que recentemente foram dispensados do serviço, muitas vezes têm dificuldade em encontrar trabalho. Você pode colocar um anúncio de emprego especificamente pedindo por veteranos interessados.
    • A maneira mais simples de fazer isso é colocar um anúncio de emprego local no jornal ou um diretório similar. Algumas estações de rádio e TV locais também têm diretórios especiais especificamente para veteranos.
    • Você também pode entrar em contato com as organizações que se dedicam a ajudar veteranos a conseguirem emprego ao voltar à vida civil. Você pode aprender mais sobre uma dessas organizações, U.S.VETS, on-line: http://www.usvetsinc.org/how-to-help/hire-a-vet/

Ajudando veteranos em outros lugares

  1. Doar dinheiro ajuda os veteranos e suas famílias. A grande maioria das organizações orientadas a serviços permitirá que você doe dinheiro se não puder doar seu tempo ou não viver perto o suficiente para fazê-lo. Há também organizações de veteranos que não são orientadas à serviços para onde você pode doar dinheiro.
    • Uma organização bem conhecida para onde você pode fazer uma doação é o Projeto Guerreiro Ferido (Wounded Warrior Project). Seu foco está em ajudar membros feridos do serviço e veteranos. Você pode ajudar fazendo uma doação única ou mensal. Saiba mais no site: http://www.woundedwarriorproject.org/
    • A U.S.VETS é uma organização que coloca veteranos em contato com programas e recursos dos quais eles precisam para se adaptar à vida civil depois do serviço. Você pode fazer uma única doação ou fazer doações mensais. Saiba mais no site: http://www.usvetsinc.org/how-to-help/
  2. Considere uma doação não convencional. O dinheiro não é a única coisa que você pode doar se quiser ajudar um veterano. Muitos veteranos precisam de itens que podem ajudá-los em suas vidas cotidianas. Há organizações que você pode entrar em contato que lhe permitirão fazer doações de itens. Depois, essas organizações irão encontrar um veterano que realmente esteja em necessidade.
    • Considere doar suas milhas de passageiro frequente através do programa “Hero Miles” (milhas para heróis) da Fundação Fisher House: http://fisherhouse.org/programs/hero-miles/how-to-donate-miles/
    • A Fundação Fisher House também permite que você faça doações de itens.
  3. Compre produtos que sirvam aos veteranos. Determinados produtos e empresas doam uma parte dos seus lucros para causas dos veteranos. Ao fazer uma compra, considere comprar através de uma marca que tem o compromisso de servir aos veteranos como forma de oferecer apoio indiretamente.
    • Puppies Behind Bars é um programa que combina cães de serviço com veteranos que sofrem de TEPT. O programa tem sido conhecido por vender cartões de Natal para arrecadar fundos, então preste anteção durante os meses de férias e considere fazer uma compra.
    • Você também pode apoiar os cães de trabalho militares da mesma forma através da compra de alimentos para animais de estimação de empresas que doam dinheiro para ajudar os cães depois deles terem se aposentado.
  4. Inicie uma arrecadação de fundos. Se você não tiver muito dinheiro para doar ou simplesmente quiser arrecadar mais dinheiro para uma determinada organização de veteranos, pode fazê-lo ao iniciar uma arrecadação de fundos em sua comunidade ou on-line. Certifique-se de que as pessoas saibam que o dinheiro arrecadado será doado. Fazer isso pode ajudar outras pessoas a aparecerem.
    • Ao trabalhar em uma arrecadação de fundo, tente obter o envolvimento da mídia local para espalhar a notícia. Considere pedir a grandes empresas em sua área para doar uma parcela dos rendimentos para aumentar ainda mais a quantidade de dinheiro arrecadado.
  5. Envie uma carta ou pacote atencioso. Se você conhece um veterano que vive longe, escreva uma carta carinhosa ou envie um pequeno pacote no correio. Se não conhecer um veterano pessoalmente, no entanto, você ainda pode escrever cartas e enviar pacotes para veteranos solitários através de várias organizações.
    • Você pode enviar cartas manuscritas e pacotes de cuidados individualmente enredeçado através da “Operation Gratitude” (Operação Gratidão): http://www.operationgratitude.com/
Теги:
Information
Users of Guests are not allowed to comment this publication.